Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TREPANDO COM O ENTREGADOR DE PIZZAS

Um entregador de pizzas, já tinha me beijado, lambido e chupado a boceta na garagem aqui de casa e que tínhamos combinado que iríamos para o motel juntamente com o meu marido e fomos. Foi numa quinta feira a noite, ele estava de folga e a esposa dele de plantão no posto de saúde onde trabalha como enfermeira. Ele me ligou por volta das nove e meia da noite e eu confirmei que as dez horas, eu e meu marido o estaríamos esperando em um posto de gasolina onde poderia deixar a moto dele. Ás dez horas pontualmente ele chegou. Estacionou a moto e entrou em nosso carro me cumprimentando com um beijo no rosto e dando um boa noite para o meu marido.



Meu lindo corninho antes de ir para o motel resolveu ir até uma conveniência para comprar cigarros, camisinhas, e enquanto isso, eu e ele ficamos dando uns amassos dentro do carro fazendo um esquenta. Eu usava um micro vestidinho azul com uma tanguinha vermelha por baixo, sandálias de saltos altos nos pés e batom vermelho nos lábios combinando com a cor do esmalte das unhas dos pés e das mãos. Ele me acariciava os seios e me beijava gostosamente. Quando o meu marido chegou e nos viu nos amassos ele falou: “Amorzinho, pule pro banco de trás e aproveite que ainda é cedo e vou dar umas voltas pela cidade.” Eu nem acreditei.



Meu maridinho corno rumou para o centro da cidade fazendo questão de deixar o vidro do carona abaixado e enquanto ele dirigia, eu e o Celso, nos esbaldávamos no banco traseiro do carro, que tesão. Meu marido pegou a rua 19 de julho que estava movimentada e se dirigia para a área central de Campo Grande-MS, em velocidade lenta, como querendo que outras pessoas nos vissem naqueles amassos. O Cleso havia se sentado bem no meio do banco traseiro e eu me sentei no colto dele e sentia a sua língua me lambendo os seios com o meu vestido já abaixado. Como eu fiquei com a bunda quase junto do meio dos bancos dianteiros, o meu marido me acariciava nela, que delicia. Quando ele parou no sinal vermelho da rua 19 de julho, esquina com a avenida Afonso Pena, eu me ajeitei e o Celso me tirou a tanguinha, que doideira.



Me recostei na lateral do carro com as pernas abertas e o Celso caiu de boca nos meus joelhos, coxas e boceta, nossa, como ele me chupou gostoso ao mesmo tempo que enfiava o dedo no do meio da sua mão direita no meu cuzinho, que tarado. Quando gritei que tava gozando o meu maridinho me mandou tirar a bermuda dele e chupar o pau dele, eu obedeci no ato. Toda melada com os meu gozo escorrendo pro meu cu, eu me posicionei me deitando no colo do Celso e apás tirar a sua bermuda, deixando ele peladinho, cai de bocas no seu pau e no seu saco com as duas enormes bolas. Do jeito que eu chupava o seu pau eu ainda, apertava as bolas. O Celso gemia e delirava de tesão jogando a sua cabeça para trás enquanto o meu marido me incentivava a chupá-lo bem gostoso. O Celso me falou que tava pra gozar e meu marido me mandou parar de chupa-lo e sem deixar de dirigir e ir me dizendo o que eu tinha que fazer, ele me mandou ficar de quatro pro Celso me meter, foi incrível.



Fiquei de quatro me apoiando no banco do carona da frente e o Celso se posicionou atrás da minha bunda abrindo ela e enfiando a sua língua no meu cu para em seguida, encostando a cabeça do seu enorme e duro cacete nos lábios da minha boceta, aos poucos, de forma carinhosa, ir enfiando aquela delicia de pau na minha xoxota. Quando ele colocou todo o pau dentro da minha boceta, ele me segurou nos quadris e mandou ver com vontade e eu comecei a gemer de tesão a cada estocada que ele me dava e gemia olhando pro meu marido que dirigia calmamente pela avenida Afonso Pena. Eu gemia alto, meu corpo delirava a cada metida forte que o Celso me dava com o seu duro cacetão na minha boceta. Me lembro que quando estávamos passando em frente ao Shopping Center Campo Grande, o Celso me apertou com mais força os quadris e berrou que ia gozar, foi uma loucura. Eu e ele, gemendo feito dois tarados gozamos gostsamente, eu no pau dele e ele na minha boceta, foi uma delicia.



Não demorou e senti a sua porra escorrer pelas minhas coxas e sem demora me virei e comecei a limpar o seu pau engolindo o restante de porra que o seu pau expelia. Quando terminamos de gozar o meu marido que estava enlouquecido de tesão por me ver ser comida enquanto ele dirigia, parou o carro num hot dog onde tomamos cada uma latinha de cerveja, fizemos um lanche leve e depois que eu e o Celso no refizemos, saímos novamente a andar sá que desta vez o Celso me comeu o meu cu e depois, esporrou gostoso na minha boca, foi uma noite maravilhosa e acabamos nem indo pro motel como tínhamos combinado. Agora iremos repetir daqui uns dias essa trepada dentro do nosso carro mas em um local com bastante movimento. Não vejo hora de repetirmos essa brincadeira. Meu msn é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Mesmo contra a vontade da minha familia eu sou mulher do meu primo viuvo conto eroticoContos espiando a sogra lesbicameu sogro me estuprou contosmae.de.60?anos.dando.a.cona?ao.filho..novinhoconto erotico eu peguei meu pai comendo cu da emprega na marraforcei minha prina a dar o cu pra mumcontos eroticos incesto vovô e titio me fuderamcastigando mamilos com grampos contomeu tio safado gosta de mim ver de vestidinho curto pornoRelatos eroticos reais ; flagrei minha mae dando o cu para um pedreiro coroa .contos eroticos fudendo minha bisavominha sogra falou que tem dificuldade para gozarconto erotico historia de mulheres casada em fretando pau gradecontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoconto erotico de menina virgem de sete anosporno free camisola vermelha interracialComtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu coloTrazei cou a minha filha casada e gostosa contoconto erótico amo provocar e deixar o homen doidocontos putinha caralhudo corno chupacontos submissa humilhadaconto erotico de velha gorda sem dentaduraxxx cunhada foi tomar banho na piscina da irma e o conhado comeu ela no descansomeu marido me levou pra casa de swing contosconto erotico relacionamento virtualconto erotico de assaltoela gritou dizendo q seu cu tava doendo contoscontos eriticos de pai e amigos fodendo a força seu filho gayfudida por um negro no hotel na viagem de trabalho contosConto erotico de idosas com lesbicasamante da calcinha de presenteler relatos de garotas que gosta de "loirinhas greludascontos de coroa com novinhocontos eroticos de coroas dos seios caidosvi um roludo comendo minha muie contos eroticoscontos zoo meu marido sem eu saber viciou o cao passando minhas calcinhas para ele cheirarjanaina vem senta na picaConto dei para o porteiro velhoconto porra meu excontos sexo assalto no onibuso comedor da escola conto eroticodando cu munheres.com45anoconto erotico arrombei o travesti do baile funksamba porno buceta com sujeiras brancascontos p casadosconto sexo dei de ladinho qietocontos eroticos de padrinhos com afilhadas que engravidamcontos gay baby doll meninaconto erotico ana mAria 49 anoscontoseroticos primo bêbado conto porno xixi padrinhoContos de sexo com uma negrinha inocente dando o cu pro cunhado da pica grandeContos gays a cueca de paizáo coroa de jumento me traçou.chupando ladrao relatos eroticoscontos tudo enfiado no cutransei com vizinnha contos eroticosVideos d mulheres transando com dotadoqconto o velho corno e o garotocontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofaContos eroticos esposa novinha com marido e amigo pintudoConto comeu minha esposa e eu não percebimulheres damdo a nisetacontos eroticos negrinha inocente“contos eroticos” “troca de casais” “sem camisinha”mim aromba sou puta mesmo fode meu cucomi o cu do vizinho contoscontos eroticos de cornos bravosmeu marido viajou peguei o carro paguei travesti contostranza com meu irmão mas meu marido desconfia contoshistoria erotica gay perdeu virgidade anal pelo pau de 30cmcontos de sexo em mogi das cruzespoeno cenas namoado apwrtando mordendo e chupando teta da namorada pra formar bicoconto erotico brincando de pique esconde comir o cu da minha amiga novinhaconto erotico minha prima dedando meu pruquito a noitecontos eroticos gays no futebolcom fotosconto erotico gay dando pro pedreiro sarado de 29 anosConto mamae novinha metendo com o filho no matoContos eroticos da ninfeta peludinhameu cuzinho desvirginadoconto erotico enquanto ela dormiaConto erotico dei pro meu papai e tiocontos gay travesti apostamulher recem casada a fuder com padrinhocontos gays meu vizinho gay vesti causinhaConto adulto mãe filho filhaContos eroticos louca quando dois machos chupam gostoso as minhas tetascontos eroticos casadas 50 anosconto violada na praiacontos eróticos sobrinho dizendo que filho e tio f****** em praia de nudismominha sogra viúva linda e gostosa ela mora sozinha eu fui na sua casa minha sogra ela conversando comigo no sofa ela me disse que minha esposa disse pra ela que eu adoro fuder o cu dela eu disse pra minha sogra eu adoro fuder o cu da minha esposa minha sogra disse pra mim meu genro eu nunca eu dei meu cu virgem pro meu finado marido minha sogra ela me perguntou pra mim meu genro você que fuder minha buceta e meu cu virgem eu disse pra ela eu quero minha sogra fuder sua buceta e seu cu virgem minha sogra ela me levou pro seu quarto conto eróticoos vizinhos pirocudos me comeram de dp conto gaytarado melando calcilha de mulhe casada nu trenporno,papai da banhona filhinha que chegou bebada da festa