Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E MEU IRMÃO DE CRIAÇÃO.

ainda era virgem e comecei a namorar um rapaz de 24, ele não perdeu tempo com 3 semanas de namoro ele já tinha quebrado meu cabacinho, éramos loucos por sexo, fazíamos em qualquer hora em qualquer lugar em todas as posições possíveis, gozava feito louca quando transava com ele, também com um pauzão daqueles..., fui muito bem iniciada ele me ensinou muitas coisas, foi meu verdadeiro mestre, mas nem por isso deixei de ser uma menina comportada, ele foi meu único homem até meus 19 anos, foi quando por motivo de trabalho teve que passar 5 meses em Florianápolis e me deixou sozinha em SP. Nem passava pela minha cabeça procurar outro, iria esperar seu retorno, mas comecei a sentir muita falta de sexo, começamos a ter conversas quentíssimas pelo telefone e eu ficava feito louca procurando uma maneira de me satisfazer sozinha, mas nada como uma rola bem gostosa entrando em mim, a porra quentinha dentro da minha buceta, na minha boca ou lambuzando toda minha cara. Era época de férias e o filho do meu padrasto veio de Brasília passar um tempo na nossa casa, tinha 23 anos e era estudante de economia, achava que devia ser um daqueles nerds chatos, mas quando o conheci foi uma surpresa como ele era lindo, extrovertido e tinha uma cara de safado, enquanto assistíamos televisão na sala ele me secava, olhava para os meus peitos como se nunca tivesse visto um antes, me comia com os olhos e sá de ver ele me olhar eu já ficava toda molhada. Na primeira noite eu já quis provoca-lo, depois que nossos pais foram dormir pus uma camisola preta e uma calcinha bem pequenininha e fui para a sala assistir televisão (sendo que tinha televisão no quarto), ele estava deitado no chão onde iria dormir, eu sentei no sofá e ele ficou me olhando quando olhei para o seu shorts disfarçadamente vi que seu pau estava duro, fiquei toda excitada, mas não quis tomar nenhuma atitude queria ver o que ele ia fazer, para a minha surpresa ele não fez nada ficou parado lá sá me vigiando, então fingi adormecer no sofá fiquei deitada virada para o encosto e deixei a camisola subir deixando a minha bunda de fora com a calcina bem enfiadinha, senti ele chegando perto de mim e aquilo foi me deixando louca, ele cheirou todo o meu corpo e eu já não aguentava mais de tanto tesão, foi aí que começou a alisar a minha bunda, e que mão gostosa..., eu tava quase gozando sá de senti-la em mim, ele percebeu e começou a fazer movimentos mais fortes com as duas mãos e comecei a rebolar feito louca tava com tanto tesão que sá dele passar a mão pela minha buceta eu já gozei, ele tirou a minha calcinha e percebeu o que havia acontecido começou a me chupar muito gostoso,enfiou sua lingua na minha buceta e começou a me foder com a língua, minhas pernas estavam bambas, eu suava e tremia e ele percebia o quanto eu tava exitada, levantou a minha camisola e começou a beijar as minhas costas, foi quando senti a rola dele roçando na minha bunda e na entrada da minha buceta, beijou meu pescoço e começou a sussurrar no meu ouvido “sua puta, você quer que eu te como?” e roçando seu pau na minha buceta falava “você quer que eu enterre essa rola nessa bucetinha gostosa quer?, vai responde sua vagabunda” fiquei louca de tesão e sussurrei “põe logo essa rola gostosa dentro de mim” ele meteu sá a cabecinha e ficou me instigando, mas o tesão era tanto que eu gozei, empinei a minha bunda para traz, pois estava louca para que ele enfiasse tudo e ele disse “ah, você quer ela toda né sua puta” me pôs de 4 e enterrou ela em mim, foi o ápice da relação, ele começou naquele vai e vem gostoso quase tirava seu pau todo de dentro de mim e depois enterra tudo do de novo,minha bunda batia nas gostas dele, eu estava enlouquecida, nossa!! mas que pau gostoso gozei de novo e o safado ficava se segurando tava louca para sentir a porra dele dentro de mim. Estávamos sem camisinha então ele disse”comigo não tem esse negácio de gozar fora,quando começo quero ir até o fim e to doidinho para te foder bem gostoso”, então eu empinei bem a minha bunda e falei “ta bom jorra essa porra dentro de mim, mas não na buceta, meu cuzinho ta prontinho para receber seu pau dentro dele”, afinal eu já estava acostumada a dar o cu, ele tirou seu pau de dentro de mim e começou a penetrar de vagarinho no meu cu,e falava “você é uma vagabunda mesmo” isso me exitava mais, seu pau entrou fácil porque estava bem melado pois eu já tinha gozado nele, meu cu latejava e eu me deliciava, ele fodia meu cu com seu pau e a minha buceta com seu dedo, depois disso não segurou muito tempo e quando senti sua porra quentinha em mim gozei de novo, fiquei lá toda cheia de porra e sem calcinha, sem sequer ter virado de frente para ele nem lhe dado um beijo, ele simplesmente foi até o banheiro se limpou e voltou para sua “cama” quando tive coragem de olhar para ele já estava dormindo, me senti uma puta, e adorei isso, pensei na loucura que tínhamos feito, pois nossos pais estavam no quarto, levantei peguei minha calcinha e a coloquei bem pertinho dele e fui dormir como se nada tivesse acontecido, nem telefonei para meu namorado naquele dia, mas no dia seguinte eu telefonei...Mas essa já é uma outra histária para o práximo conto.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos exoticos de bebado velhocontos picantes de lambida na chanameu tio nem eu ter pelo na buceta e arregaçou elaContos eroticos minha esposa quiz fazer boquete no mendigocontos eróticos minha calcinha bi matoconto erótico meu sobrinhoContos minha doce sobrinha melconto erotico gay viciei na porracontos eróticos 2 meninos comeu minha mulherConfesso bato punheta pra velhocontos pelado d4 pr macho no matoComeu a nega submisa sem ela querercontos de sexo depilei minha bucetacuzinhopiscanocontos eróticos dotado enterrou todinha adoreieu quero a mulher da b******* grande de fio dental na regata do c* da bundonaContos eroticos mae e filhos numa festa peladoscontos eroticos de urologista e pacienteconto erotico estuprada de biquínicontos de gay que perdeu o cabaço na adolescênciatirando virgindade de menina Londrina ParanáCONTOS EROTICOS DE PATROINHA ABUSADA PELO FILHO DO CASEIRODividi namorado comeu buceta contoscontos sexo a papai vai doer não cabeviciadinha em dar o cu contosconto erotico comi a mae na lavanderiasacsnagen s comMeu Primo Me Decabaçou Sou Gaycontoporno enfiei bananaconto erotico de priminha novinha bem novaPau muito comprido, Gigante , Anaconda,Rasgando Coroas.contos eroticos putinha pagando a conta do paiConto erotico sou vadia maduraporno filhos/a com primoscontos erotico estrupando sograMulheres peladas com a boceta toda regasada aberta saindo puisContos eroticos cu ardidoconto erotico bebeu a porra do paiTennis zelenogradcontos eroticos d zoofilia cine maxcu virgem arrombou negao contocontos eróticos meu padrastoContos com espermaEmpregadas que Obedencem suas patroas Chupando sua buceta com vontadecontos eróticos de casadas evangelicas vagabundas dando tudo por tesãovideo safadecasendo assediada na sala de aula contos eroticosTennis zelenograd contocontos erotico de medicocontos incesto minha maeAmante de coxas grossa e bundao contoshistoria dum negro fundendo e metendo numa negra de 24anos contar historia eroticozoofilia mobile ticas pornocontoporno enfiei bananacontos eroticos cu de mulher com bostaminha enteada gost contosme comeramdormindo contoseróticoscontos comendo mae e filhaContos eroticos casal vendo pintudo urinarCabaço novinho gozando dentro da tia escondidocontosprefiro no cuzinho conto eroticos na bunda arde contostravestis narrando quando deram o cuzinho pela primeira vezcontos eróticos de sexo na infânciacontos eroticos gays orgia piscinacontos eroticos de padrinhos com virgensestava dopada e acordei com a buceta cheio de porra contomostra como fuder bem gostoso e a pica entrendao na bucetaconto Me masturbei pensando no meu exminha esposa ela casou comigo virgem da sua buceta e virgem do seu cu eu e ela na nossa noite de núpcias eu tirei a virgindade da buceta e a virgindade do cu dela conto eróticocontos eróticos comendo as Vizinhas ciarececontos meu marido ajudou amigo dele me comercontos esposa do amigo no colocontos eróticos menina no circoconto erotico A NINFETINHA AMIGA DA MINHA SOBRINHA 3conto erotico viadinho brincando vestiu calcinha e shortinhocontos eróticos-férias CarolEnsinando a maninha a foder contos eroticosContos eroticos comendo a nenezinhaarombando o cu da madastra virgem sexovideo de mulher transando no atelier delaconto: a namoradinha do papaiconto minha esposa me trocou por um negãocontos eroticos me emrrabaram no escuro da barraca ao lado d maridocoleguinha liberal gay contoscontos eroticos jogo de cartas com a cunhada e a sogra juntas