Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CHUPEI DOIS CARAS NA RUA

Eu fazia cursinho pré-vestibular à noite num lugar não muito distante da minha casa, por isso costumava ir a pé. Nesse trajeto,sempre passava na frente da casa de um cara gostoso, que costuma ficar conversando com os amigos na porta de casa. Eles eram muito gostosos e às vezes ficavam sem camisa, batendo papo. Descobri depois que um deles se chamava Vítor. 1, 80m, musculoso, branquinho e bonito. Outro amigo dele me chamava muito a atenção. Era um pouco mais alto que Vítor, era negro, malhado e muito gostoso também.

Quando eu passava por eles, sempre olhava-os demoradamente. Eles começaram a perceber, mas eu não me importava muito com isso. Uma noite, lá pelas 10h30, estavam sá os dois conversando. Eu voltava do cursinho e, de repente, começou a chover muito forte e eu tive que me abrigar perto deles, porque embaixo da casa funcionava uma lan house (a casa era no primeiro andar). E como tinha um espaço legal na frente da lan house, fiquei lá. Eu tava meio sem graça ali perto dos dois, mas a chuva não passava. Eu percebi que eles me olhavam e fiquei meio desconfiado deles. Nessa hora, não passava ninguém na rua, porque além de estar tarde, estava chovendo muito forte. Eles então começaram a puxar conversa comigo e enquanto falava, um deles (o negro) ficava mexendo no pau de vez em quando. Eu olhei rapidamente e percebi o volume na bermuda. Fiquei meio nervoso, porque tinha 19 anos, mas era inexperiente, sá tinha transado duas vezes.

Eles então resolveram ir direto ao assunto e perguntaram porque toda vez que eu passava ali ficava olhando pra eles. Fiquei mais sem graça ainda e menti, dizendo que era impressão deles. Eles nem ligaram pra o que disse. O negro disse, sem o menor pudor:

“- Eu sei do que você gosta. É disso aqui, né?”, disse, enquanto apertava o pau duro por cima da bermuda. Eu quis sair dali, porque não era assumido e nem queria que alguém descobrisse, o que poderia acontecer, porque perto dali morava muita gente que me conhecia. Meu coração acelerou. O tesão de ver aqueles dois caras gostosos, que faziam parte das minhas fantasias, se misturou com o medo de alguém me descobrir. Mas eu não tinha forças para sair correndo naquela chuva. Eles então se aproximaram mais e me deixaram contra a parede. Eu disse que não queria, mas eles insistiram. Um deles empurrou meus ombros para baixo, deixando minha cabeça na direção da bermuda deles. O negro tirou o pau da bermuda e mandou eu chupá-lo. Era um pau negro, de uns 20cm e grossura média, com uma cabeça vermelha. Eu abri a boca e me deliciei com aquele cacete gostoso, que tanto esteve nas minhas fantasias. Chupei bem gostoso, desci até as bolas, me concentrei na cabeça. Enquanto isso, o outro se masturbava de leve. O negão começou a foder minha boca com força, me chamando de putinha e viadinho. Eu adorava aquilo.

“- chupa, viadinho, eu sempre soube que você gostava era de pau. Hoje você vai tomar leite de macho na boquinha, seu safado” Eu apreciava cada segundo com aquele pau na boca, sugando a babinha que saia dele de vez em quando, e às vezes, engolia o pau dele todo. De repente, ele forçou o pau na minha boca com mais força e gozou abundantemente na minha garganta. Senti os jatos daquele leite quentinho na minha garganta e adorei o gosto do leite daquele macho.

Assim que o negão se afastou, o outro enfiou o pau na minha boca. Um pau branquinho, uns 19 cm, muito bonito. Eu mamei bem gostoso, ouvindo as putarias que ele falava, enquanto sentia minha língua quente acariciar aquele cacete gostoso. Ele começou a foder minha boca e eu senti que ele ia gozar. Mas ele queria encher minha cara de porra, como uma puta e disse: “- Vou gozar na sua cara, putinha.” Começou a se punhetar e de repente senti os jatos de leite quente daquele macho lindo e gostoso. Fiquei com a cara toda melada, mas adorei tudo. Me limpei com a camisa mesmo e fui pra casa, assim que a chuva ficou mais fraca.

Depois disso, teve outros lances, inclusive com os outros amigos deles. Mas isso eu conto depois.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos sobrinha dormino bulindo na bucetapagou pra comer a irmã conto eroticoconntos eroticos penetrada enquanto dormiaconto sequestraram e arrombaram a coroa casadaEntro na bucetinha da minha sobrinha pequena todas as noites e encho a bucetinha dela de porravídeos porno negras barriguda caidavideornposscontos trai meu marido com um cara que era um pe demesaprima cazada ve seu primo comendo a subrinha depois pedi para o primo fuder com ela no sexocontos eroticos homem casado dando para o primocomi minha tia conto realistaConto eroticos no beco escurocontos eroticos dono de mercearia comendo a casadacoroas cavalas emsabuando travestivideos de morenas q botou atanguinha de lado e deu o raboContoseroticosnafazendacontos fragei meu amigo dotado e minha esposacontos armei estrupo para minha esposacontos eroticos lutasconto a vizinha tetuda casou mas seu casamento t mauconto erótico somos meio nudistaspeito bicodu sexconto erotico viado afeminado escravizado por macho dominadorvi meu afilhado peladoo masagista fasendo masagem na mulher o pau dele encostou no rosto dela e ela chupoufoto de mulheres que traem os maridos de Hortolândiaconto sogra nudistacalcinha usada contos eroticosTrai minha namorada conto eróticocadela piscando em uma metendo picaGabi comendo a égua no ciosarrando na pica com short cavadovidiomuher com camizocontos eroticos de pivetesComtoerotico profesorinhaContos eróticos gozando com velho vídeo pornô pica da cabeça enrolada redondadacontos eroticos olhano meu marido jogando trucoseios tezudos de gravida fotovidiod etoticos madrata dominando a esteadaconto de mulheres que trazam com cavalo no curalcontos eróticos gay advogadocontos..... chorei quando uma mulher me chupoucontos de menininhas sentando no colo de homensquero ver contos eróticos de garoto com a pica enorme come garota nova e madameconto erotico comviadinhoIstorias de canto erotiscos de letoris isetoContos de casadas inrrustidasMeu namorado contos eroticos gaydesvirginando uma virgem contocontos eroticos filho fez chantagem e comeu a maecontos eróticos marido cornobucetinha esposa ccbvideos de peladas e meladas de manteiga no cufilha de diplomatas conto heroticocontos realizei o sonho do corno engravidei de outropornodoido transando na frente dos outros discretamenteArrombaram minha mulherPorno contos assalto dp irmacontos eroticos coroa morena dos 50 anos com shortinho de lycra mostrando seu pacotaocontos eroticos lesbica chineladascontos eróticos chupa querido aiiiicasa dos contos eróticos joguinhos com a mamãecontos eroticos gay ficticiosgozando dentro do tamanco contosconto incesto papai e professor Contos eroticos-Virei pridioneira lesbicaesposa na praia de nudismo passa lama contoconto do tarado que se fazia de bonzinho para comer as meninascomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestosyravesti gorda xvidiotrair meu namorado contos eroticoscontos sexo estorando cu virgemsmulher massagista escorregar o dedo na xota da clienteContos examinaram minha xxoxtacontos eroticos de meninas sua mae forçou a ser putinha bem novinha por granaacontoseróticos chupei os peito da mamãepresenciei minha esposa me traindocontos eróticos eu e minha mãe na praia