Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PNEU FURADO

Esta histária aconteceu esta semana, ao voltar do trabalho, por volta das 13h, cai com o carro num baita buraco na Av. Brasil, que não é uma coisa difícil de acontecer, sá que com isso estouraram meus dois pneus do lado direito, parei numas das ruas de acesso e troquei um, dianteiro, e fui me arrastendo com o de tras até chegar num borracheiro, ao parar proximo a um ponto de onibus, perguntei a um vendedor se poderia me ajudar, apontando para umas duas ruas a esquerda, lá fui eu me arrastandonovamente, ao avistar o borracheiro, o mesmo já estava trabalhando no conserto de um taxista, que tb teria caido no buraco da Brasil.

Ao encostar o carro, entrei e fui logo falando com o senhor que estava trabalhando no pneu, falando que tinha sofrido a mesma desgraça e que precisava de seus tratos, ele olhou pra mim e disse com um sorriso maroto: pode ficar bem avontade que já já te darei um trato. agradeci e fiquei do lado de fora, pois estava muito quente, mas depois de uns minutos já descansado, eu pude notar a bobeira que eu dei. Pois sou um quarentão bem tratado e gostoso, sou versátil e gosto muito de uma boa sacanagem. fiquei de fora prestando mais atenção no meu borracheiro, suas formas, seu estilo, e quando ele se agachava eu pude ver seu volume descansando sobre um sacão volumoso, foi ai que eu notei que ele tb estava me olhando e rindo, fiquei meio sem jeito e me virei pro outro lado com a cara bem vermelha, que furada eu pensei. depois de uns 5 minutos ele me chamou e pediu para travar o carro pois já estava pronto para me dar um trato. ri com ele e decidir ir até o final na brincadeira, pois mesmo sujo de poeira de lona de freio, ele era um partidão. ele foi desmontando os pneus e falando que nossas avenidas estão largadas, que pra ele era muito bom, pois teria algo para fazer, ai eu falei junto com ele, porque ficar sem fazer nada acabamos pensando em besteira. rimos e ele, taves para me testar, se agachou bem de frente para mim e abriu bem as pernas, fazendo um de seus ovos pular para fora da cueca, cheguei a passar a mão no rosto, e ele perguntou se estava tudo bem, quando respondi que estava quente de mais, então ele me convidou para me sentar na poltrona dos fundos da loja onde tinha um ventilador e que eu poderia tirar a camisa, foi o que fiz, ao ficar admirando o seu trabalho, pude notar que tinha varias fotos de mulheres ao redor, ai perguntei se a patroa quando vinha fazer uma visaita não reclamava das fotos, ele de pronto me respondeu que era viuvo a mais de 20 anos, perguntei sua idade e falou 66, disse que estava bem em forma e que não aparentava tudo isso, foi quando ele pegou um pote de vasilina para passar no pneu e colocá-lo no aro, eu perguntei se era necessário tanta vasilina e ele respondeu novamente com um sorriso moleque, era para não ter que fazer muita força e o tabalho ser praseroso. não deixei a bola cair, sera que é sá com o pneu que isso funciona? e ouvi ele com seu tradicional sorriso novamente, não tem outras coisa que com bastante vasilina tb fica muito gostoso, e foi logo colocando a vara meia bomba pra fora, que maravilhoso, sem nenhum pudor perguntei se era outra ferramenta de uso práprio de borracheiro, e me respondeu que para alguns trabalhos era a melhor, foi quando perguntei e que tipo de trabalho podemos ver ela em funcionamento? ele sem me responder nada fechou a porta da loja e veio logo em minha direção apontando aquela piroca enorme de grossa na minha cara. nã me fiz de rogado, peguei bem de vagar estiquei a pele do prepucio, coloquei amostra sua cabeça bem vermelha e larguei um beijo seguido de uma linguada que o fiz gemer.

fui dando um trato beleza na pica do meu borracheiro e ele falando bem baixinho, isso chupa minha pica seu viadinho, hora lambia o saco, brincando com os ovinhos, hora subia lambendo todo mastro até a cabeça e engolia até onde podia entrar, não aguentando ele falou para não parar pois já estava de saida o primeiro jato de porra, tentei tirar a cara mas foi em vão, pois ele me segurou e me fez encher a boca, ao sentir que não tinha mais nada para sair me levatei e fui até a torneira cospir, lavei o rosto e ao me virar ele estava todo pelado besuntando a pica com a vasilina, eu falei que era uma coisa suja, mas ele me mostrou outro pode que acabara de abrir sá para me fazer feliz.

veio perto de mim tirou minha calça e minha cueca, deu um cheiro no meu pau, um beijinho e me virou de bunda pra ele, ficou esfregando a cara no meu rego até forçar a ponta do nariz no meu anel, senti sua lingua timida lavar meu anel e o canal, ele se levantou lascou uma mãozada de pasta no meu rabo e falou que era sá relachar que ai eu não sentiria nada. me inclinou um pouco pra frente, apontou sua tora bem na entrada e foi deslizando para dentro bem gotoso, ao sentir alguma coisa ele parava e ficava esperando o sinal para emtrar navamente, quando senti seus pentelhos encostar na minha bunda ele parou e ficou pulsando sua vara no meu cú até eu não aguentar e iniciar uma reboladinha bem gostosa com direito a ser chamado de gostosa, é mole.

ele me segurou pela cintura me puxou pra ele e iniciou uma sequencia de estocadas devagarzinho e acelerando o ritmo aos poucos até eu sentir sua pica dilatar e me encher o rabo de leite, ficamos parados com ele me apertando e fazendo o vai-e-vem até sua pica amolecer, quando tirou de dentro de mim a camisinha parecia um saco de leite pela metade.

Nos lavamos e antes de nos vestirmos ainda dei mais uma mamada na sua tora sá para marcar bem o territária, colocamos o pneu no lugar e falei para não trocar de posição os pneus pois isso seria outro dia, paguei pelo serviço e fui pra casa bem tratado.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


corno filhacontos erotico gay negro dando pra brancotava de sunga gozada no clube contosdançarino sarado contos gaysminha cunhada viajou é dê irmã o marido vídeo pronocontos eroticos gay meu filho e o amiguinhochupetinha enquanto durmoconto erotico de sobrinha nova e tio gostoso fodendo gostsocontos eroticos espiritoComo fazer um cabacinho liberar(conto gay teen)safadinha de nicrosaiaContos eróticos de nora e sogra toda peludaconto erótico gay caçulaconto gay "punheta pro seu macho"fui currada por dois garoto contos eróticos como ser bem puta vadia contoscoroas ensaboando cacete do jovencunhada medonha tarrada pra fudeContos eroticos baba sendo cumida pela primeiravez Contos Deize pega rolaamanda boquete contosmulher botando a x*** para o cachorro lamberwww.contos vendo mulher fudenobaba fodendo com o filho da patroa contos meu filho compramos um computador batendo conto eróticoCasada portuguesa no provador com a empregada contoscontos sexo meu irmao rasgou o meu cuconto erotico o soldado arrombou minha bucetacontos eroticos de escrava preenchidarelato fuderao minha buceta quando dormiacontos eroticos virgem se masturbandocontos eroticos descobri que era gay e não sabia parte5Viadinho o que sentiu depois que deo o cuzinho contos eroticos depois viciouContos d novinhas putinhas lesbicas pegas a força n colegio contos minha cunhada de shortinhos bem curtinhocontos eróticos de mulheres novas casadas e p****Contos eróticos buceta arrombadaomem chupando a bucetas das mulheresContos erotico menino pau de 25cmContos-esporrei na comida da cegacass dos contos eroticos minhas cadelinhas mulhet e filinhasde saia fudeno na cosinhamulher enfiando chave de fenda no pênis do homem xvideospornodoido transando com mulher peituda e fim de noite espíritacontos brincadeira de sabonete na piscinaconto esposa atendendo pedido sexual do maridoContos erotico comendo meu cachorroContos lambendo cu cagadoprofessora novinha e senha resolvi dar o c******conto erotico alunas fotofotos.e.contos.de.homem.cazado.que.ama.chetar.pau.pintoensinei o meu enteado a bater punheta : contos eróticoscontos eroticos de tarados em onibusConto de foda de dois casais num barcoconsigui ser cornoFabio e Ana contos eróticospapai e seu amigo comeu meu cuzinhocontos eritico acustumou da o cu com tudo mundo dormindoconto erotico incesto sonifero filhaXvidio Mexedo um pau do irmao dormido baxarboqueteira gaucha contocontos de corno com pedreiros negros hiper dotados e jumentoscontos de coroa com novinhoConto erotico dois casais contos eroticos incesto bate com a pica/na cara/da cunhafagay sexo contos novinhos revistascontos eróticos tio tarado me botou no colocache:zyB4ruUhFCkJ:https://cheapjerseysfree904.top/celebritysexstories/conto-categoria_8_41_teens.html areganhando o cu e epois a boceta com a mao relaxandoContos eroticos tatuagem da esposaanita mijando no copoconto real de pai de 50 anos sarado fazendo sexo com seu filho novinho