Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMA (BIA) BEBE E VIRA UM SAFADA [1]

Tenho 20 anos e essa historia aconteceu quando eu tinha 19. tenho uma prima que mora perto da minha casa com sua filinha. seu nome é Bia e na época tinha 25 anos. é loira, bem branquinha, olhos claros, seios pequenos e pontudinhos, pernas grossas uma bundinha bem redonda. desde de pequeno sinto aquela vontade de come-la, pois ela é muito bonita e gostosa, mas nunca passamos da relacao primo-prima, devido a diferença de idade.



Bem, nos finais de semana ela sempre saia e bebia, as vezes muito, as vezes moderamente, e algumas vezes nos encontravamos nas festas, mas nao passava do relacionamento normal entre nás, apesar de eu sempre ter vontade de ficar com ela. numa certa vez, estavamos numa festa bem grande e de repente vi ela vindo em minha direcao com uma amiga. ela foi logo me cumprimentando toda animada me chamando pra tomar uma cerveja.

"vamo primo, eu pago pra voce, vamo que eu hj quero beber!"



topei na hora e ja vi que ela tava bem animada e que o alcool tava fazendo efeito.

começamos a beber cerveja e conversar anidamente, passando depois pra caipirinha. no fim da festa eu ja estava alto e ela tava totalmente bebada, nao conseguia nem se segurar em pé. sentamos no batente e ela encostou a cabeça no meu ombro. prontamente passei a mao por tras dela e ficamos ali. estranhei, pois ela nunca tinha tido uma atitude dessas comigo. entao de repente, ela chegou bem perto do meu ouvido e sussurou:

"Gui, sabia que voce é muito bonito?" e me deu um beijo na buchecha e começou a lamber minha orelha. me virei e dei um chupão daqueles, como sempre havia sonhado. depois de dar um beijo molhado e gostoso ela se virou pro outro lado, encostou a cabeça no muro e adormeceu. percebi que estava totalmente embriagada.



chamei sua amiga e fomos pegar um taxi. deixamos a amiga dela e ela disse:

"cuide bem dela viu?"

"pode deixar, vou deixar ela em casa e vou pra minha depois"



cheguamos na casa dela e tive que carrega-la pra dentro. sua filinha estava na casa da vaizinha, dormindo. ela perguntou "... ja chegamos?" "ja..." "vou pra cama"

e novamente tive que carrega-la pra cama. pus ela deitada e olhei um pouco antes de sair. ela estava com um blusinha azul de alça sem sutien e que mostrava a barriguinha e uma mini saia. tirei a sandalia dela nao resistindo àquele pezinho lindo dei um beijo. depois dei uma lambida e chupei o dedao. estava louco por ela. ela se mexeu um pouco nessa hora. esperei um pouco e lambi de novo, mas ela ficou imovel. olhei e ela estava com as pernas entreabertas, largada na cama. comecei a subir a mao e a cariciar sua perna. passei a mao naquelas coxas grossas e cheias de pelinhos loiros. nao resisti e acariciei perto da vagina. sua perna estava mais aberta e comecei a tocar de leve na sua bucetinha. para minha surpresa começou a ficar molhada e isso me deixou mais excitado ainda.



de leve, levantei um pouco a calcinha e acariciei sua buceta molhada, ela se mexeu novamente, mas depois de um tempo continuei e ela soltou um leve gemido. alisei um pouco mais seu clitoris e coloquei e penetrei um pouco meu dedo. nao podia mais aguentar e tirei meu oau pra fora. ja estava meio bebado e nao pensei duas vezes, afastando sua calcinha um pouco e abrindo mais suas pernas. coloquei meu pau latejando na entrada de sua grutinha e comecei a penetrar. devagar ele foi entrando naquela grutinha quente e eu nao podia acreditar que estava comendo minha prima. depois de ela se mexer mais algumas vezes, meu pau entrou inteiro. nessa hora nao conesguia me segurar e comecei o vai e vem, aumentando lentamente para q ela nao acordasse. de vez em quando se mexia e gemia bem baixinho, mas continuava parada, apagada. seus peitinhos estavam durinhos e os bicos apontavam pra mim. levantei um pouco a blusa e comeceia chupa-los de leve e mordiscar aquels bicquinhos durinhos. ela me empurrou de leve, sem saber direito oq estava fazendo, parei mas continuei a bomba-la, pois estava perto de gozar. meu pau começou a soltar porra e eu gozei dentro dela, pq sabia que ela tomava anticoncepcional. dei uma gozada grande, chegando a gemer um pouco alto. tirei meu pau todo molhado e vi que escorria porra da bucetinha linda da minha prima. naquela hora nao me importava mais com nada e sá coloquei a calcinha no lugar, a qual ficou toda melada. fui pra minha casa e dormi com o sentimento bom de ter realizado meu desejo de comer minha prima. no outro dia ela me tratou relativamente normal, comentando um pouco da festa e dizendo como tinha ficado bebada "nossa bebi todas ontem, nem me lembro de quase nada rsrs". na frente dos meus pais, me agradeceu por eu ter deixado ela em casa. parecia que ela nao sabia de nada mesmo, pelo menos nao deixou transparecer. passei a semana lembrando daquela noite.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


vidios porno de homem pegando irmazinhar mulher si mastubando e conceguindo comer a buceta delarelato eróticos violênciaxvidio real meu primo mamado peito bicudo da minha mae negraele enfiou alguma coisa na minha xota contoComi cu claraconto erótico encoxada roçando a glande seios lindoso negao estripou a velha puta contocontos de insesto fatos.comreaisconto com foto. depilando minha prima casadaa minha mulher Ela foi arrombada pelo negão como chega eu sentir coisa diferente dentro delafui da massage comi mae contoscoroa raspadinha gozando contosdei a buceta na infanciacontos eroticos mae chuvacomi minha vizinha casada q meu deu moleconto sem calcinha a troco de docecontoseroticos irmão virgem uma dupla penetração com vibrador contoscomendo a namorada amigo contocontos fodendo o cu da Marilenevuva e o negao contossou tarado por pés de todas as idadeswww.contos comendo a tia de sainha curtacontos de se masturbar lendoMadastra dricha o entiado metet o oiru pendando que e seu marido xvcontos eroticos gay velho mijandocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigominhas duas prima foi dormi em casa cime fou a duasIncesto com meu irmao casado eu confessoSou magrinha e gosto de rolas enormes contos eróticosMeninas virgem estuprads pela zeladorminha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoscontoseroticos comi minha mae dopada por mimFunk érotco viadinho japones dei pro negao do caminhão contos eróticoscontos eróticos amadores com fotos de casais realizando fantasias de Megane masculinomulhe sora no pau fudedocara fudendo minha esposa camisinha rasgou contoconto erotico amiguinha da minha irmanzinhaconto o primeiro anal da minha cunhada casada mais velhaVou contar como transei com a visinhaconto erotico incesto casal estupra cunhadinhamulher chupando o pau do Felipe e as outras olhandoContos descobri que minha esposa ve fotos de homens nus na internetconto erotico frioConto erotico comi minha aluna virgemcontos de sexo.com.vaqueiromenina na punheta contoscontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescarialindas nuinhas, ticas"novinha viuva sem ver um pau por varios dias se assusta ao ver o do sobrinhoporno contos eroticos filhinhas enrabadasNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto eroticoo masagista fasendo masagem na mulher o pau dele encostou no rosto dela e ela chupoucaminhando e disfarçadamente batendo uma ounhetinha pro namoradodezenho porno dos friston ensestocontos eroticos meu marido vestiu minha calcinhatransa virada do ano contorelato rasgou o c* de tanto levar rolaconto erotico coroa casada há 30 anosvai chacoalhar Shopping vai chacoalha a bunda hoje eu vou te chamar de p***Meu primo caralhudo fodeu os meus cabacinhosContos eróticos enteada larissa viajarconto erotico ele me encoxou no onibuscontos eroticoa arronbada pelo titioConto erotico dei leite na boca da filhingacontos eroticos colohumilhado travesti contoscontos eróticos brincando de casinhanamorado embreagou a namorada para foder o cuzinho dela