Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

GRANDE AMIGO

Isto aconteceu comigo quando por um motivo familiar tive que deixar a casa de meus pais. Eu tinha um amigo chamado Gil, que ofereceu sua casa para eu morar enquanto eu não arranjava uma para alugar. Gil era um negro alto e forte, não era bonito mas tinha fama de comedor na empresa onde a gente trabalhava, inclusive por causa desta fama , ele estava separado da sua mulher, foi por isso que ele disse que eu poderia ficar um tempo em sua casa.

Cheguei de tarde na sua casa e levei minhas coisas para o quarto , le disse para eu deitar um pouco pois ele ia sair com uma mulher e depois voltava. Eu estava muito triste com a situação e fiquei no quarto chorando baixinho. Quando já era de noite, Gil chegou e me viu encolhido na cama ainda chorando.Ele sento do meu lado e disse para eu ão ficar assim, que tudo isso ia passar e eu ia ficar bem. Ele estava de bermuda folgada de basquete e não sei como uma boa parte de sua rola estava aparecendo. Eu já tinha visto aquela pica uma vez no vestiário da empresa e ela mesmo mole , era bem grandinha, uma cabeçona preta e reluzente. Não sei o que aconteceu (atré hoje me pergunto como foi que isto foi me acontecer ), mas ele me pegou olhando sua rola , neste instante nossos olhos se cruzaram e sem falar mais nada ele puxou aquele pinto preto prá fora e enfiu na minha boca. Eu me assustei com esse gesto, mas não sei se foi por carência mas eu comecei a chupar aquele pinto meio molenga. Eu chupava e chorava e soluçava ao mesmo tempo e aquela rola na minha boca me dava um pouco de conforto. Gil ficava falando baixinho, chupa , Nick, chupa devagarzinho, assim, você parece um bebe mamando, mama a rola do papai, não precisa chorar...

Mamava vorazmente o pinto do negão, que agora estava todo duro na minha boca, não sei o que me deu mas perdi o controle, eu dava beijinhos na cabeça, mordidinhas naquele saco suado e voltava engolir aquela cabeçona gostosa. Enquanto isto Gil avançava na minha bunda.Eu sempre fui gordinho, mas agora estou mais magro, mais minha bunda sempre foi grande e na escola sempre fui o alvo das encochadas e passadas de mão da garotada. Mas agora era diferente, eu tinha um macho faminto enterrando a mão no meu rego e querendo comer meu buraquinho. Gil não aguentou aquela chupação toda e gozou na minha boca, expoldindo porra no meu rosto, e na minha camisa e na cama. Levantei correndo e fui até o banheiro me lavar, morrendo de vergonha. Quando sai do banheiro novamente não tive tempo de falar nada fui agarrado por trás e encochado contra a parede.Agora seu gostosinho vou comer esse rabinho delicioso e me mordeu a nuca e apertou meus peitinhos.Empurrei meu rabo para trás e empinei o mais alto que pude, isto deixou ele meio assustado e disse. Então voce ta gostando, não vai chorar mais né putinha...eu disse come meu cuzinho que eu não choro....Para que fui dizer isto ! Ele imediatamente apontou aquela vara na entradinha do meu fiofá e tentou empurrar, mas não conseguiu entrar, eu era virgem e meu cuzinho travou de um jeito que nem com pé de cabra abria.Foi nesta hora que eu descobri o que é ter um macho de verdade.Gil não desistiu começou a me bolinar gostosamente tentando fazer meu buraquinho relaxar.Levei lambidas na portinha do cu, beijinho e tapinhas de inecntivo na bunda.Gil disse que tava ahá um mês sem comer ninguém e pelo menos há um ano sem furar um cuzinho...você tem uma bundona de fazer inveja a muita mulher por aí....Fiquei todo orgulhoso e resolvi tentar dar o cu de novo.Fiquei de pé e me abaxei segurando os tornozelos, me arreganhei o maimo que um homem pode se abris para outro macho e esperei minha recompensa.Desta vez aquela piroca entrou justinha no meu rego e afundou no meu cu quase senti no meu umbigo. Dei um grito animal, ele depois disse que eu parecua uma cadela ganindo, e Gil começou a bombar forte, fiquei todo aregaçado, quando ele gozu nem senti a porra escorrendo pela minha perna.Fiquei morando na cas do gil por quase seis meses e todo dia servindo meu criolo gostoso.Usava as roupas que ex mulher dele deixava e fui sua fême até aqule safado me trocar por uma vadia.Hoje estou sozinho mas se vc quiser me conhecere me [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos sadomasoquismo virtual virtual castigocontos incestuoso se esregando em bunda e ladinhoa doida conto erótico eu fudi minha sogra japonesacontos de incesto onde tio coloca sobrinha de nove anos no colofilme pornô minha prima gravata preta para mimDeixando a novinha laceadacontos surubas medicasMãe mamando filho contoseroticostextos viadinhos estrupados gozada boquinhacontos sonífero na esposa conto eróticos meu vizinho cheira minha calcinhaConto erotico de dois casais amigosContos eroticos sobre irma fazendo faxinaa minha primeira vez com sexo canino contosTrempando em cima da lancha com o coroa conto eroticoContos gay de professor de musculação dando o cu para dois alunos dotadosminha filha e meu genro vieram me visitar bucetacontos eroticos vovò gostosa se depilando de perna aberta na frente dos netoscontos de sexo com viuvaetorando a comadrerelato fui trocar o gaz e arrombei o cu da crenteconto gay beijo melhor amigomulhe vais boguete em bebudoConto erotico sou vadia maduracumi minha intuadaboqueteira gaucha contocontos eróticos da casa dos contos com histórias traição as fazendeira casada safadacontos eróticos de bebados e drogados gaysTennis zelenograd contoporno patricinha chupando cunhado ao lado da irmãmostrei a .bunda pro meu irmao e ele me comeueu quero ver o vídeo da morena gostosa f****** na sua casa o homem chega na sua casa como é que amaciar ela e transa com ela gostosominha mulher enrabada na boatecontos incesto minha maecontos comi a irma gravida gostosa rabuda peludaviuva ecitada ver filho tomando banho e da pra eleele falou que ia me deixar se nao me entregasse virgindadecontos eróticos incesto férias com mamãemeu pai tem ciumes de mim contos eroticoscontos eroticos meu amigo dormiu com minha mulherporno tendro tá sala de aulapresenciei minha esposa me traindoconvenci ela a me chupar contoEscravas forcadas contos eroticoshistoria erotica irmão dopa irmãconto erotico teen gy saradinhoMe Faz um Cafuné conto gayconto erotico travesti passeano na pracahomens rústicos fodendo com garoto que dorme na sua casacontos de sexo com animais rasgando com forçaconto papai noel tirou meu cabaço gaypirocão cabeçudo vermelho contosComo me tornei a cadela do meu padrato contos eróticocasada amarrada pelos garotos contos pornoseduzida por uma lesbica contomocinha sendo encoxadas e segursndo o pirucasada recebe proposta indecente contoscontos eroticos mae senta no colo do filho na frente do pai cornocontos eróticos de chuva com irmãcontos de sexo com novinhas trepando com advogadosporno gay contos amigo heteroincentivanda pelo marido contos pornocomendo e sendo comido por hipermegadotadoirmã irmão estudando lá no exterior não tinha feito ela com tesão ele com tesão meteu a rola nela bem gostosoContos eróticos minha mulher gemendo na rola do dominadorminha esposa e caminhoneiros contoFodelança contos comendo a mulher e sua amigaSexxu videu erica cazada jua da baiachupando mamilos com sofreguidaoconto erotico infancia brincando sem calcinhaSou casada fodida contocontos de incesto minha filha sendo comidaconto erotico baba bate sirica espiano patroes fudendoContos eroticos sequestradaPau gigante.arrombando o cu da inocência. Jcontos eroticos gays dei pro porteirode calcinhacomi minha mae na varanda contosconto eróticos dei o cu novinhaminha mae morreu no parto e meu pai mim criou contosconto erotico eu e sil sua mae viu tudoconto erótico: isso nunca podia ter acontecido parte 1eu meu primo e minha mulher contoscontos eroticos incesto fode meu cu mncontos eróticos menina bobaconto erótico comendo a irmã do meu amigocomo e o nome dos beisinhos da bucetacasadas piranhudas e cornos submissosprivoquei meu cachorro conto eroticocontos eroticos sobrinha dormino bulindo na bucetaconto erostico cASALCOM UM MOLEGUE EM CASAdei o cu po meu pone contos eroticos pornocontos eróticos evangélica gordinha ccbcache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html Contos eroticos de mesticasvideo porno gay de garoto com o calção com o fundo rasgado de parnas areganhada na casa do amigo tarado do pau gande e grosocontos eroticos mae senta no colo do filho na frente do pai corno