Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO A NINFETA AMIGA DE COLEGIO DE MINHA MULHER

Bom era sexta feira a noite quando fui buscar minha mulher no colegio. Uma gata de 25 anos, morena, chama-se Bruna cab. cacheados pretos, bunda empinada, peitinhos médios, muito gostosa e com olhar sacana de puta.Adoro minha mulher e deixo-a em liberdade pra ela curtir seus desejos, minha maior vontade é que ela curta garotas também, pra que possamos juntos pegar essas menininhas que sejam bi. Bom ela entra no carro e me olha com a cara de safada e diz que tem que me contar algo e pediu pra não brigar com ela.Rindo disse que tudo bem, saimos com o carro dali e fomos pra uma esquina sem movimento, ela então pega minha mão e leva em direção a sua buceta, por cima da calcinha, sinto que está muito molhada, então ela diz que não aguentou de tesão e deixou um garoto de outro série dar uma rapidinha com ela no banheiro feminino.FIquei espantado, mas quis saber dos detalhes, ela disse que a amiga dela, já tinha dado pra ele, que eram namorados e que ele tinha comentado pra ela que tinha maior tesão pela Bruna.Minha mulher , disse que deu vontade pq ao entrar no banheiro, a sua colega tinha armado tudo, ele entrou e não tinha ninguem no banheiro, então ele tirou o pau pra fora e era enorme e enquanto isso Iris ficava do lado de fora tomando conta, logo ele a agarrou por tras e sua pica ficou roçando na bunda da bruna, já que ela vestia uniforme: minisaia azul marinho camisa de botão branca , meias brancas e sapatinho preto e neste dia não estava de short e sim de calcinha, pq era sexta feira e eu gostava de ve-la assim porque ficava mais facil de transar no carro e a Iris sabia o dia que ela se vetia assim, por isso armou tudo.Nisso a Bruna disse que não aguentou de tesão, empinou a bunda ele levantou a sainha , pôs a calcinha de lado e enfiou sua piroca cabeçuda e grande segundo ela maior que a minha e continuou ela dizendo que gozou muito gostoso enquanto o garoto esporrou ela toda. Ela então olha pra mim e vem e segura meu pau, estava muito duro então ela com cara de safada diz: te deu tesão seu puto, vem logo lambe aqui esta buceta esporrada e melada, vai eu sei que gosta, eu então pude sentir o cheiro forte da mistura de seu mel com porra de outro, lambi com vontade e a fiz gozar gostoso, ela então mudou de posição e sentou no meu paude frente pra mi e dizia: gostou de sua fêmeadar pra outro, foi uma delicia amor se fodida por outro seu corninho que eu amo , nisso não aguentei e enchi sua buceta de porra e ela me dando beijos de lingua ainda falava , sente minha boca com gosto de pau, foi uma delicia cheguei gozar novamente desta vez ela me beijando e batendo uma punheta. Na segunda feira estava no escritorio esperando ela pra ir embora já que saia cedo, a campainha da porta toca quando fui atender era ela e a Iris. Fiquei conhecendo a Iris, uma menina de uns 1, 55, bem nifetinha, parecida com a Debora Secco, sá que moreninha, já tinha visto outras vezes e sabia que era uma piranhazinha, e colega da Bruna. Depois das aprasentações, a Bruna abraça ela e levanta sua saia com uma mão e com outra dá um tapa forte na bunda dela.Comecei a ficar com tesão.A Bruna então abaixa e começa a lamber sua bunda, a Iris empinava e olhando pra trás ria e dizia ai Bruna pára. A Bruna me chama pra perto e pede pra passar a mão na bunda dela, eu começo a fazer e dar corda. A Bruna pede pra abaixar as calças, nisso tiro meu pau já duro e todo melado da cueca, a Bruna direciona ele pra boca da Iris que começa a dar lambidas e depois abocanha, nisso a Bruna começa a me beijar de lingua e voltando no cuzinho da Iris e trazendo na minha boca , sinto o gosto daquele cuzinho delicioso. A Bruna então deita a Iris de barriga pra cima na minha mesa, abre as pernas dela e fica segurando pelo calcanhar, a buceta da Iris fica exposta e o cuzinho também, comecei enfiar o dedo no cuzinho dela e a lamber sua buceta, ela não demorou e gozou aos berros. Foi quando olhei a Bruna segurando ainda seus pés e fazendo sinal pra seu cuzinho, como quem quer que seja fudido. Prontamente atendi e dei uma cuspirada e comecei a forçar a entrada , a Iris gritava e me chamava de corno e dizia pra ir devagar, quando a cabeça entrou forcei um pouco mais e entrou tudo. A Bruna entrava em êxtase e mandava eu fuder com vontade e xingava a Iris de puta, vagabunda e mandava eu arregaçar seu cuzinho, quando não aguentando mais soltei minha porra , muito forte tudo dentro do seu cú.Ficamos ainda uns minutos nos acariciando enquanto as duas se chupavam e ainda coloquei a Iris de 04 e puxei seus cabelos e meti muito na sua buceta e depois gozando no rosto das duas. A Bruna e a Iris gostaram muito e ficaram de trazer o namorado, aquele que comeu a Bruna, mais isto é outro historia pra se contar. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


realizando sobrinho sensualconto trepei filinha amiguinha 11aninhosdando leitinho pra minha filhinhameteno grandes obigetos redondo na buçetacontos eroticos peguei minha namoradaLambuzada de mel pro cachorro lamberele ela conto erotico japonesa casada e a reforma da casaConto erótico calcinha fedidaconto erótico "arrombaram meu"Contos eroticos a esposa do rabao do meu chefecontos eróticos fode direitocontos eroticos gay ensaboandofazendo gozar mulher casada darlene contosconto amador minha mulher viu o tamanho do cassete do cunhadoeu e meu marido na nossa noite de núpcias eu disse pra ele mete seu pau bem devagar na minha buceta virgem conto eróticocontos casal com jamaicanocontos eróticos me bater castigocontos de maridos que de tanto insistir viraram cornos e viados no mesmo diavi meu pai dormindo de pau duro contosconto transamos no escurinho da festacontos eroticos/ á mulher do meu cunhadometeu os dedos na minha buceta no ônibusconto esposa sem querercontos eroticos meu amante adora me agredirconto erotico pedi e minha mulher fez massagem emminha bundacoroa se***** cagou no pau de Natáliacomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contoseu e minha sobrinha no cine pirno contocontos eroticos paguei as dividas da minha funcionária noiva rabudaconto erotico vovó cuidanto de um estranhorasgando um cu virgem da freira- contoscontos de menininhas sentando no colo de homensContos eroticos novinha estuprada amarrada na árvore pelo primomeu tio me comeu ate eu desmaiara massagista negao contosconto minha visinha mando eu descabaça sua filhacontos eroticos noivas.boqueterascontos de incestos na madrugada ele se encaixou em mimcontos eróticos gay eu e mais um amigo brincamos com novinhoConto erotico minha mulher e uma puta rampeiraTrasando com atiaCasada leva marido bebado e o sogro fode a gostosa contoa primeira vez que comi meu amigoconto de sexo virei femea do meu paigozanodeto familha ponochupeir a. video minha irms roticoDeixando a novinha laceadacorno na minha propria casa contos eroticocontos divido apartamento com um travestidemorou mais eu fodi minha irmacontos eroticos titio na praiacontos consolei a mulher do meu amigoconto minha tia tesuda peladacontos eroticos sou casada marido viajou eu dei comida para o mendigo em casavi meu genro mijando e dei pra eleminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiaMe comeram ao lado do meu namoradoxoxota doce contosNegras malhadinhas com muinta vantade de dar a bucetacomo fazer pra minha namorada veste shortinho curtocontos eroticos comi a irmazinhatransei com meu sobrinhocantos erótico só dei do Forró Bombadomae e filho indecente contosRelatos de incesto sou roludo imenso grosso descabaçando minha irma novinha com minha vendopeidando com meu irmão conto eroticocontoseroticoscomendo a coroa loira e a filha delarelato de mae dando a buceta para o filhoxerequinha juvenil de perna abertaO primo enterrou o pauzão de uma vez so tirou o cabacinhocontos heroticos gay meu primo de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anosgrelluda pirocana qaredecontos eroticos,minha sobrinha cresceucontos de incesto de maes treprando com filhoso pastor comeu meu cu contos gayassistir filme pornô mãe então você tá grande meladadei pro estranho na academiacontos eróticos