Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EM UMA CONSTRUÇÃO

Amigos(as) de todo Brasil. O conto abaixo aconteceu a 19 anos atrás, quando tinha apenas 21 aninhos de pura felicidade. Durante esses anos comentei com muita gente essa experiência e resolvi disponibilizar a todos interessados.

Aos 21anos já não era virgem, mas estava na flor da idade, e por esse motivo a parte sexual nunca saia dos meus pensamentos e sonhos. Morava em um sobrado grande com uma sacada maravilhosa voltada para rua. O lugar era tranquilo e eu adorava descansar lá, tocar violão, ou simplesmente conversar com os amigos. Enfim, era um lugar perfeito. Percebi que todos os dias passava na minha rua uma menina linda, com um corpinho que vai além da excelência. Ela tinha uma cinturinha e caminhava sempre com o bumbum empinado. Um verdadeiro expetáculo de mulher. Sempre que passava em frente de casa me olhava mas não mostrava nenhum interesse. Eu também não estava muito preocupado, mas confesso que adorava viajar no sincronismo do rabinho empinado com a cinturinha. Num belo dia, ao passar em frente de casa percebi que ela entrou em uma casa em construção, localizada no outro lado da rua. Não compreendi o motivo que levou ela a fazer isso, mas de qualquer forma vi dentro desse cenário uma oportunidade de conhecê-la. Com isso peguei uma pipa do meu irmão mais novo e e corri para casa em construção. Entrei sem fazer barulho e não percebi nada de errado, até que entrei em um dos quartos. Tomei um susto enorme, pois ela estava fazendo xixi. Logo compreendi o motivo pelo qual procurou a casa e fui logo me desculpando, dizendo que a pipa do meu irmão caiu na casa e eu fui apenas apanhá-la. Apesar de não conhecê-la, ela implorou para não contar a ninguém, pois isso comprometiria sua reputação no bairro, afinal de contas, muitas pessoas a conheciam. Falei pra ela não se preocupar e num gesto de coragem, também urinei no canto do quarto. Nessa atitude tirei meu penis devagar do shorts e pude ver ela apreciar, apesar de virar o rosto. Quando eu terminei ela perguntou se eu poderia mostrá-lo, pois eu tinha visto a xoxotinha dela. Coloquei o pinto pra fora e ela ficou olhando, dando algumas indiretas, como: "Nossa, eu nunca chupei um". Respondi também com ar de provocação, dizendo: "Se quiser experimentar estamos no lugar ideal". Apesar das frases senti um pouco de medo por parte dela, mas convenci ela a pegar um pouquinho. Com muito receio, começou a massagear meu pênis e bater uma punheta bem devagar, sendo essa suficiente para meu pinto explodir. Nisso eu fazia carinho nela pra melhorar o clima. Junto com a massagem começou a beijar no corpo e eu passava a mão sobre seu, dizendo sem palavras que também estava afim. Finalmente ela colocou a boca na cabecinha e começou sugar, meio que sem geito. A medida que ela abocanhava ia sentindo mais tesão, tanto que começou a gemer com meu pau na boca, e sempre aumentando a velocidade. Não gozei, pois preferi algo melhor. Coloquei-a em cima de uma mesa dos pedreiros e tive a linda visão da xaninha rosada. Parecia um capo de fusca. Enfiei devagarzinho sentindo cada centimetro daquela xana. Enquanto eu metia ela chupava minha orelha gemendo no meu ouvido e dizendo coisas como: "Me fode. Aproveita de mim". Isso me excita muito até que comecei a bombar o mais forte possível. Ela começou a gritar, sempre pedindo mais. Eu metia com os peitos dela na boca beijando aquele pele branca e macia, até que veio a explosão final. Gozamos juntos e nesse momento ela me apertou muito. Perguntei se ela fazia um anal e disse que não. Apás muita insistência consegui brincar com o botãozinho dela também rosado e sem pelos. Enfiava apenas um dedo, pois ela tinha o buraquinho muito fechado. Nessa altura eu era homem mais feliz da vida. Somente apás o sexo eu soube seu nome. Chama-se Jaqueline, tendo 19 anos na epáca. Voltei pra casa feliz e tive que comprar outra pipa pro meu irmão, pois a dele eu esqueci na casa...rs...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos nudista de pau durocontos divido apartamento com um travestinovinha do Recife masturbando assim tão pequeninacontos eroticos sou puta gosto de piça gg o novinho me encoxouconto deixou a buceta ficar peluda pra dar pro paihome subimisso bebi xixi da rainha vi ele comer ela/contocontos enrabado na saunaminha filha e meu genro vieram me visitar bucetacontos sexo cabaso samgrandoporno quando o home empura o cacete no egua ela gozacontos: sentei no colo do velhomulheres secando bêbadas cheias de tesaoConto erótico gay camisa social de sedacontos porno travestis estupros sadomazoquismoconto erotico sogro ahh uhh mete metecontos eroticos entregadorcontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidochute no saco contos pornocontoseróticos chupei os peito da mamãeContos punheta na depilacaocontos eroticos me comeram na frente da minha casaeu mae e filha contos de sexocontos/ morena com rabo fogosocontos erótico comi minha amiga qusndo fui estudarcomtos.dei. pto pastlor.aleminha entiada me pega batedo uma punhetacontos eroticos de padrinhos iperdotados comendo casais e comadrescontos bund 130cmcontos descobrindo minha xaninhaMeu sobrinho me fez gozar gostoso contos eroticos de gayscontos eroticos incesto lesbicas zoofilia eu, minha mae e o cavalolanbinda na xana hetai gritacontos eroticos gang bang com papai e amigosConto erotico sogra peituda 70 anosarromba esse cu contoscontos encesto seguestro de mamaeavo dando leitinho pra netinha safadinha e bem novinha conto eroticoConto erótico na casa do tio tarantome estupraram na estrada contos eroticoswild thermas conto eroticoconheci a vara do meu padrasto muito novinha contos eroticoscontos eroticos com mae e tia dando cucontos heroticos comendo a vendedora de trufascontos de cúchantagiei o professor gostosocontos/comi a mae e tirei o cabaco da filhacomi egua nova contocontos eroticos traindo na Lua de Meleu quero vem pica de cinicomecontos eriticos o sorveiro negro comeu minha nulher brancapezinhos lindos da minha mae contos eroticoconto de sexo em estrada desertacontos eroticos consegui comer aquela bundarelatos eroticos/ela pisou na cara delepapa fode a filha com sai posta e mae nao ve porno.comconto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhaconto eróticos menino e padrescontos eroticos transando com a cuhada branquinha da boceta peludaela pediu pra parar mas continuei fudendocontos eroticos trote da faculdade comi o cú da calouracontos sado marido violentosporno.pai.padado.jeu.nabuseta.dafilihaconto casa de praia estouro cabaço eu agora eu sou mulher do meu ex primo viuvo conto eroticociumento e safado conto eróticopeoes de rodeio batendo punheta escondidoSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eroticos guei meu colega de quarto me fes sua femeamae pede pro filho ajudar escolher a lingerie incestofudi a bundinha da juju com minha rola grande contosGozei no pau do meu irmão contoscontos do sexo menina mimadaPutinhas mamando contoseroticosZofilia Homem fodendo forte acadela ela chora sentido dorminha namorada me trai contos eróticosconto porno mulher crentecontos eróticos enteada me provoca eu goza dentrohistoria de novinha perdendo a virgindade com encanadorcontos mulher que coloca silicone no seiocontos aempregada nordestinapornotrasandocomatiacontos sexo minha.filha.minha sobrinha queriam leitecontos eroticos meu genro se vestiu de mulherconto minha esposa com seu primocontos eróticos minha amiga jogadora dormiu na minha casavizinha trai marido com cunhadinho contosmagrinha com tatoo na bundaContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorfotos porno mostrado xoxota pra bater acela pueta