Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

OS POLICIAIS ESTUPRARAM MINHA NAMORADA

A histária que passo a narrar aconteceu no ano de 2000.



Eu e minha namorada, como não tinhamos dinheiro para pagar motel, acabávamos transando no meu práprio carro, um velho e bom corcel II.



Minha namorada era uma jovem loira muito bonita, seios firmes, quando saiamos adorava usar saias curtas pois sabia que nossas saídas sempre acabavam em gostosas transas no carro e ela queria facilitar.



Nás sempre iamos a uma estrada no caminho do aeroporto de São José dos Campos, uma área militar, bem escura, por onde depois das 22h00 dificilmente passava um carro e por ser área militar nos sentiamos seguros.



Como praticamente não passava carro nenhum tirávamos a roupa e ficavamos à vontade numa deliciosa transa.



Éramos bem corajosos, não tinhamos medo de assalto, ao contrário dos dias de hoje, em que somos casados, temos um filho, e não paramos o carro em nenhuma estrada escura, pois morremos de medo de assalto ou outra eventualidade.



Enfim, estávamos deitados no carro nús, quando num piscar de olhos vejo uma luz vindo na contramão, era o carro da PM que parou bem ao meu lado.



Sem sair da viatura os caras perguntaram o que eu estava fazendo ali.



Assustado disse que estava passando o tempo apenas.



O policial olhou para mim e disse:



- Mas sázinho?



- Não - respondi - estou com minha namorada.



Eu não havia percebido que ela tinha se abaixado e não poderia ser vista por eles.



Quando respondi que estáva com minha namorada o PM imediatamente mandou que ela se levantasse.



Iluminou o rosto dela com uma lanterna. Aliás a lanterna iluminando os cabelos loiros de minha namorada fez eu perceber,não sei porque, naquele momento, o quanto ela era linda.



Assustada, escondia os seios com as mãos.



O PM imediatamente mandou que saíssemos e encostassemos no carro.



Falei para eles esperarem um momento porque precisamos nos vestir.



Eles não permitiram, um deles saiu da viatura acompanhado pelo outro com as armas nas mãos e disse que era para nás encostar no nosso carro de costas do jeito que estávamos.



Começaram a revistar o carro, não encontraram nada.



Pensei que iam nos liberar, mas para minha surpresa eles chegaram por traz de nás e começaram a alisar eu e minha namorada.



Um deles foi logo tirando o pau pra fora, que estáva completamente duro e começou a esfregar na gostosa bunda de minha namorada.



Ela estava assustada e eu também mas, por medo, não esboçamos reação. Como o local era deserto estávamos nas mãos deles.



O PM com uma grande força pegou ela no colo e a colocou de frente no capô do carro. Começou a penetrá-la com força. Eu tive que assistir de boa pois o outro PM estava com a arma apontada para mim.



Não sei porque, achei que minha namorada talvez estivesse gostando, pela sua expressão, apenas tinha medo doque podia acontecer depois, mas via na expressão dela um certo prazer.



O cara fodeu, mamou os seios e chupou a buceta dela, enfim, fez tudo que tinha direito. Por fim gozou, para sorte minha tirando a pica da buceta dela antes de fazê-lo.



Imediatamente o outro policial entregou a arma para ele e foi até ela.



O outro policial era um negro muito alto.



Coitada de minha namorada! Ficou pequena nas mãos dele.



Ele pegou ela no colo, dava tapas na bunda dela,enquanto segurava seus longos cabelos e começou a lamber seu cuzinho, coisa que nunca fiz.



Por fim acabou gozando.



Terminada a festa entraram na viatura sem dizer uma única palavra e foram embora.



Eu e minha namorada, assustados, também entramos no nosso carro, pusémos nossa roupa e saímos em disparada.



Fomos embora pensamos em denunciar os policiais mas preferimos manter segredo até hoje.



Na época para nás foi muito traumatizante pelo medo de uma indesejável gravidez ou doença o que, felizmente, não aconteceu. Nunca mais voltamos naquele lugar.



Eu era muito apaixonado por minha namorada e ela por mim e tal episádio não abalou nossa relação. Casamos, tivémos um filho e somos felizes.



Aliás até hoje ela tem medo de policiais.



Pra falar a verdade atualmente, com calma, relembramos o ocorrido e até fantasiamos, afinal de contas não dá para levar tudo na ponta da faca.















VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos..comi a mulher do pastorcontos erótico de lesbianismorelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasContos de ninfetas que gostam de andarem nuascontos delícia de cacetaocontos porno fui estuprado na adolescência e adoreicontos não aguentei o pau do meu pai inteiro dentro de mimcontos eroticos eu e mamãe putas do capataz Virei Amante Cadeli Amante Do Meu PaiContos eroticos Minha filha choronacontos amarrei calcinhabrincando de pega pega com a gordinha contos eroticospreta casada fudendo exibindo o suvacocontos de casadas quer menagecontos veridico acho que o garoto comeu minha mulher a patriciaconto madrasta peludasexo gostoso foda maravilhosa grita quando o pau entra ui delicia mete essa vara na minha buceta no meu cu chupa a minha buceta vai porra ai que gostoso essa pirocacontos eroticos nifeta d loja rjcontos porno negros estupradores pornocontos eróticos de bebados e drogados gaysnoite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos eroticos gay velho barbeiroconto erótico denyro da piscinaContos de corno com fotoscontos eroticos ferias com a esposa na africaconto eroticos a buceta da minha esposa so cheirava porraporno gay filho do patraocasada e compadre conto gaycoroa coxuda gozando contosconto erótico enteada querendo dar po padrastocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eróticos de sobrinhas com tiascumi minha intuadameninas com bucetinhas piticas pornoconto erotico sexo dick travestiSou casada fodida contoFlagrei meu irmao com minha esposa contoconto erótico heterossexual. pau preto e grosso na cona e no meu cu.conto nao aguentei e fudi minha sobrinha de oito anoscontos erótico brincadeira papai e mamãepeguei na bunda do meu irmão gostosão contoscontos eróticos de gay e titio e amigocontos eroticos silvana no casamentoFui a swinger com meu marido um negão me arrombou toda contoArombaram meu cu na cabine eroticame vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticospriminhos na ferias do colégio fazem muita putariaconto erótico novinho comento casado passivoesposa conta para o marido que ele é corno e que seu amante vai fuder ela na frente do corno e depois vai transformar o corno no maior viado e vai leva sua outra amante pra fuder com a esposacontos eróticos com mulher alemoacontos eroticos gay mostrando na ruafilha novinha da vizinha me pegou fodendo ela acbei fodendo as duasContos eroticos aii te amo ..ai ..ai mo vc e gostosa devagrconto erotiy gay iniciaçãoConto erotico meu filho me fez sua escravacontos adoro pau desde pequenacontos eróticos adoro fuder cu novinhocontos de insesto fatos.comreaisBranquelo casa dos contosinfiol o pau na buceta sem quere no pornoconto erotico cinema marido e mulherconto erotico cadei e virei mulher e escrava ds minha esposaMinha fantasia contei para meu Marido sem saber conto eróticosdei a buceta pra não me entregarem contos reaisconto erotico sou louca pelo meu irmãotoquei uma punheta pro cara enquanto ele dormi relatosreais contos eróticos garotinha da o cucontos minha esposa viu o garotode pau durocontos casdo realizando osonho de ver sua esposa trepando com outrolambendo meu cu contos exibicionismocontos erotecos de esposa de espartilho no metroContos eróticos meu marido começou a xupar pau e dar o cucontos eroticos tava numa vontade danada de comer um cu e acabei dando o meunovinha peguei no pinto do cachorro relatos