Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NAMORADA BUNDUDA E PEITUDA DE MEU AMIGO

Meu amigão namora uma delicia, a mais gostosa, chamada Elayne.

Elayne, tem 24 anos, e é uma delícia de mulher... Possui 1,67m, e um corpo de dar água na boca, a começar pelos seus seios generosos, daqueles que desafiam a gravidade, de tão duros, e que são de tamanho um pouco maior que médios, daquele tipo que vc tenta com muita vontade colocar todo na boca, mas ainda assim sobra um pedacinho para fora... imaginem uma mamada seguida de uma espanhola naqueles monumentos!!

Mas seu corpo é ainda mais delicioso... Suas coxas são deliciosamente torneadas, grossas e malhadinhas, bem lisinhas, daquelas que dá vontade de apertar e lamber. A sua bunda,........ Ah a sua bunda!!!!! É a parte mais monumental de seu corpo... É um bundão, bem redondinho.... Perfeito, empinado... uma obra prima, que para o transito das ruas de Vitoria quando ela vai à praia...

Quando rolava uma praia, eu e meus amigos, faziamos questao de convidar este casal de amigos para ir a praia, para admirarmos aquele corpo de fio dental, em especial quando ela deitava de bruços e nos presenteava com aquela visão maravilhosa de sua bunda deliciosa pedindo por uma mordidinha!!

Ficava admirando aquela buda e sonhando um dia em roçar nela, em comer aquela gostosa toda...

E ela bem que sabia que eu era tarado pela sua bunda, pois de vez em quando me provocava com algumas brincadeiras que, ou levavam nás a falar do corpo feminino, com ela se queixando de um pouquinho de estria na lateral da coxa chegando a bunda, que fazia questao de me mostrar, ou perguntava na praia se eu achava seu bikini meio indecente e tal... eu é claro me perguntava o que poderia estar passando na cabeça da tesuda quando ela me fazia essas perguntas...

Num desses dias de sol, chamei a todos a ir na praia, e nenhum queria ou estava a fim de ir, a não ser Elayne que havia dormido na casa do meu amigo. Este não quis ir, mas falou para Elayne que se ela quisesse me acompanhar não haveria problema. Comecei a fantasiar... Fomos então eu e Elayne à praia. Ao passar de carro para buscá-la a primeira grata surpresa : ela trajava aquele bikini preto que era para mim o mais delicioso, cuja tanguinha era minuscula, deixando seu rabo ainda mais apetitoso, e a parte de cima era extremamente generosa, sendo menor que o que seria habitual para seus seios maravilhosos... Enfim, ela estava um tesão de mulher.

No caminho fomos papeando e eu, disse “nossa, passei pela praia e ta meio vazia, acho que o pessoal aqui de Vitoria viajou” e ela completou “seria muito legal ir numa praia mais movimentada, mas já que não tem jeito...”. Aproveitei a deixa e a convidei para irmos a Guarapari, cidade lotada no verão, e onde tenho um apartamento!!! Ela aceitou com a condição que não falaríamos dessa viagenzinha (São menos de 50 Km) para seu namorado.

Na estrada eu não sabia se olhava para frente ou se para o lado... e se para o lado fosse a opção, não sabia se olhava para as coxas parcialmente cobertas por um shortinho minúsculo, ou para aqueles seios maravilhosos que queriam se libertar daquele minúsculo sutien...

Não aguentei e puxei papos picantes, e ela embarcou dizendo entre outras coisas que não gostava de seus seios, que seriam um pouco maiores do que op que o ideal... Respondi “Olha, com todo o respeito, mas vc tem um corpo perfeito e seus seios são muito bonitos e chamam a atenção de qualquer homem”. Ela sorriu e bem maliciosamente disse “Mas acho que não é isso que vc mais repara em mim”. Eu já embalado com o papo disse “É que vc é extremamente atraente e há muitos pontos de perfeição em seu corpo, e com certeza, o seu bumbum é muito gostoso”...

Pronto, estava lançada a sorte... Apás falar aquilo, por frações de segundos me arrependi, mas este arrependimento logo passou quando ela disse “vc nunca botou a mão para saber!!” e riu, dizendo que talvez eu pudesse me decepcionar se um dia lhe apertasse a bunda arrebitada.

A esta altura eu tava pouco me fudendo para a estrada... Queria parar o carro e comer aquela tesuda de todas as maneiras!

Chegando em Guarapari fui direto ao meu apartamento, com alguns pretextos. Lá no oitavo andar, fechei a porta e lhe perguntei se estava de pé o que ela havia "proposto"... ela falou que sim, e que eu poderia aproveitar para passar um cremezinho nela.

Eu apalpava aquela gostosa toda! Coxas deliciosas, bunda perfeita e durinha.. Tudo antes de começar a passar o tal creme, até que não resisti, e dei um beijo e uma mordiscada em sua bunda! Ela deu um gritinho e perguntou "era desse gosto que vc imaginava?"e me puxou para cima dela, metendo a lingua em minha boca.

Despi ela pouco a pouco, aproveitando cada centimetro daquele corpo tesudo, tirei o sutien do bikini e mamei gostoso naqueles peitões rijos, que apontavam para o céu... Ela ficou maluca, me gritava que eu era louco, que era tarado, mas que não parasse pois nada a deixava mais louca que uma mamada gostosa...

Meu amigo, sem sacanagem, mamei uns 19 minutos nela, e neste tempo ela gozou duas vezes, e eu me segurando para não gozar que nem um doido, pois queria aproveitar muito...

Ate que fui descendo minha boca pela sua barriguinha e tirei a sua tanga com os dentes, caindo de boca na xoxotinha mais gostosa do mundo!! A xoxotinha dela estava pulsando, pedindo meu pau, e ela numa manobra agil, virou seu corpo e aí começou um incrivel 69, com ela tendo enorme maestria para sugar meu pau...

Com saudades de sua bunda, a virei, e fiquei beijando e mordiscando sua bunda enorme e deliciosa. Por horas parava e ficava olhando, admirando aquela bunda redonda e durinha, quando dava por mim estava babando... e ela ali, de bruços me deixando babar aquela obra prima por que tanto desejei.

Não aguentando mais, disse a ela que queria comer sua xoxotinha com ela de quatro. Amigo, vc não pode imaginar que tesão é aquela gostosa de quatro... Meti direto o pau em sua xoxotinha quente que pedia mais. A safada gemia que tava gostoso, que não era para parar e etc, e em determinados momentos ela parava o movimento de vai-e-vem com minha vara enterrada e começava a rebolar no meu pau. Eu não aguentei mais, gozei como um louco, em meio a tapinhas naquela bunda maravilhosa, e não quis nem saber, continuei, ainda sem estar saciado... Agora metia com menos força, e olhava o seu cuzinho... Como um preparativo antes de pedi-lo, fiz uma festa com os dedos em seu clitoris, enquanto lhe comia ainda de quatro. Ela ficou maluca, e rebolava a todo instante me levando as nuvens, mas tinha que me segurar desta vez... Enquanto ela tava louca, meti o dedo da outa mao no seu cuzinho que não ofereceu resistencia. Ela parou o movimento de vai e vem e olhou para tras, com uma cara de putinha que nunca vou esquecer "vc me come de quatro e agora quer meu rabinho, é?" Respondi que sim, e ela começou a rebolar mais ainda e disse que nao ia me dar, pois ali so tinha tentado uma vez e nao gostou e tal...

Não liguei para as palavras, continuei no seu clitoris, agora cada vez mais rapido, enquanto meu dedo se aprofundava no seu rabinho... Ela parecia gostar com o tempo e então me disse "nossa, o que vc está fazendo?? Vou te pedir para botar a cabecinha no meu rabinho, mas devagar"... era o sinal verde!!! Fui metendo naquele rabo apertado e quente, enquanto detonava o dedo no seu clitoris, com o tempo ela começou a jogar o bundão para tras de encontro ao meu pau, e dizendo que estava muito bom, e que eu podia comer o cuzinho dela sempre que quizesse. Comi o cuzinho dela ate gozar nele, e caímos na cama como que namorando, aos beijos ardentes...

Eu estava morto, mas feliz, ela ainda parecia querer mais, e deitou-se de lado para mim, com aquela bunda em minha cara. Meu pau voltou a ativa e então a agarrei por tras, mas lhe disse, agora quero vc cavalgando em mim, para poder admirar estes peitos deliciosos que vc tem...

E assim foi, ela pulava em mim, me deixando doido... Olhava seus seios grandes pulando, e pouco se mexendo, por serem extremamente firmes... Enfim, era um tesão. Na terceira foi muito demorada, não gozei tão cedo, e ela já estava cansada e me disse : "Queria uma saideira, de novo no rabinho, mas sá se vc fizer toda aquela loucura com o dedo na minha xoxotinha" meu amugo, sá dela falar isso eu quase gozei... e ela veio por cima de mim, deitada sobre mim de costas e encaxamos na melhor maneira e começamos a fuder gostoso. Como era ela que comandava nesta posição, em determinados momentos ela parava sá pra rebolar em meu pau, dizendo mil putarias para mim, pedindo para gozar muito no seu rabinho, e que ia repetir muitas vezes essa foda as escondidas, e tal...



Este foi a melhor foda de minha vida!!!

Voltamos voando com o carro para Vitoria, sem nem sequer vermos a areia da praia, e............ pelo menos uma vez por mes (em geral duas) nos encontramos as escondidas para fodas incriveis!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto minha esposa dando pro policialcontos eroticos menininho sapeca no meu colominha cunhada casada me esnobou contosmulher emsabuando bucetapapai me chupou virgem contosCoroas casadas trepando com novinhos contosfamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoconto erótico gay com estupro e muito dor e sangue em cima de uma camacontos de cornominha esposa fudeu com outro contos eroticosbrinquedos eróticos para estender o buraco do anusPornô.de4.na.anacondaContos gay me iludiu e me comeuvideornpossesposa na brincadeira em casa contoContos eroticos tio tirando o cabaco sobrinhaContos greludas de fiozinho enfiadoConto tomando no cuzinhocontos gemi grita olha corninhohttps://idlestates.ru/mobile/conto_5492_sonho-de-menino-q-se-torna-realidade.htmlcontos irmãzinhaconto erotico putinha virgem papaifio dental trabalho contosZooxoxotadou para o meu irmao contosconto porno me sente usadacontos eroticos de feiacontos eroticos festa no cu da menininhaconto erotico espiando minha hirmÃ¥ raspando a jojotaviado dando o rabo desfasandoDroguei a minhã irmã história contadavizinha safada e casada se insinua para vizinho novinho. contos eroticoscontos eroticos fui bem fodida igual puta e chingada de vadiacontos eroticos com sogro e sograaguentei o pau groso. contocontos eroticos dos leitores meu marido e eu e outra mulher na camacontos eroticos porno de pirralhas inocentescontos eroticos nupcias mete amorcontos eroticos com a vovócondos erodicos con maesno trem uma coroa ficou acareciando meu pau verídicominha iniciação gay contosContos eroticos paguei o táxi e o aluguel irmão seirando calcinhacontos eroticos meu cachorro e minha primafodi com um travesti sem saber contocrente viciada em engolirconto erótico - dividindo a esposa na praiamenage a trois conto eroticocache:AQRime9uCcEJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria_9_5_zoofilia.html contos eroticos verdadeiro primo bem dotado da minha mulher pasa ferias em casaconto erotico com patrao velho coroa grisalhoesposa e a cenoura contoporno filhos/a com primosconto comendo a mamae devolta paea casacasada;fodida na África;contos eróticosfiquei de pau duro quando mi.ha esposaesposa santinha liberando o cuzinho para o sogroconto erótico odiava minha cunhadacorninho conto erótico contos eroticas putinhapau duro micaelaContos de menina que deixou o cao lamber na bucetacomi minha cunhada adrianaincesto furapornocontos eróticos esposa professora em tambabaconto fui pego na punhetacontos eroticos morena na garupa da motoconto chicoteda na bucetaconto eridico puta velhacontos eroticos era virgemfui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticocontos eroticos cu e bucetaElas quizeram isso contosconto gay com hetero na praçanovos contos eróticos entre namorados dpwww.contos encoxadas na rua