Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O MACHO QUE COMPROU A GELADEIRA E ME COMEU

Olá meu nome é Sonia e vou contar o que aconteceu e está acontecendo desde janeiro 06, sou uma M de meia idade não sou nenhuma menina tenho 43 anos filhos tenho uma empresa e sou casada tenho 1,70 de alt. Peso 68,kg tem cabelos cacheado pele morena clara e me cuido muito sempre passando cremes e no natal fui presenteada com uma geladeira nova pelo meu M e filhos e quando voltei da praia depois das festas decidir vender a geladeira usada e anunciei no jornal popular e gratuito mas não obtendo resultado fiz novamente o anuncio e depois de alguns dias me ligou um rapaz muito educado gentil que se chama Paulo nos falamos pelo tel. Ele ficou de retornar depois de 2 dias ele ligou e voltamos a nos falar ele disse que iria ao dia seguinte à noite mas como não acreditei muito era meu aniversario e nem dei bola mas quando foi uma 7:00 da noite tocou a Campânia e estavam todos em casa meus M, minha Mãe, e noras e sobrinhas eu estava com uma blusa super decotada e de mini saia foi quando tocou a companhia e meu marido abriu o portão e ele com sua irmã subiram não deu tempo para me trocar e quando olhei aquele moreno 1,76 alt uns 80 kg gatinho fiquei entusiasmada e ele quando me viu não tirava os olhos dos meus seios e das minhas coxas ele olhou e cumprimentou todo muito gentil mas continuava me olhando eu olhei para meu marido e ele disse mostre para eles Paulo ficou num canto da parede era um recuo da cozinha e tinha um canto ele ficou lá me olhando eu disfarçadamente olhando e meu esposo olhando para ele eu abria a porta da geladeira e falando com a irmã e o Paulo de olho nos meus seios aquilo foi me deixando excitada e explicando tudo para a irmã me abaixei para mostrar para ela onde ficava a bandeja onde caia água pois a geladeira e front. Frese ele olhando eu abaixada de saia com a perna meio aberta ele ficou olhando minha calcinha e quando olhei para sua calça uma capa de náilon o cobria o volume na sua calça fique olhando por alguns instantes até que meu marido disse Sonia liga a geladeira e como sabia que a tomada estava do lado que ele estava levante arrebitei bem a bunda e dei uma encostada bem gostosa no pau dele e disse é isso Luiz olhando meu marido Paulo gentil logo pediu desculpas eu me disse que peço desculpas Paulo é safado e sá não segurou na minha cintura pelo ambiente que estava porque senti o pau dele encaixar bem no vergão da minha bunda nossa fique com bico dos seios duro e meia sem jeito até fui lavar louça o tel. Tocou e fui atender era para mim me cumprimentando pelo aniversario ele falou com meu M e logo deixou a irmã conversando e comprimentos às pessoas para ir e como eu estava sentada no sofá no tel. Ele ficou me olhando e claro que quando o vi abri a perna e deixei ele ficar olhando minha calcinha ficou muito excitada e logo foi embora e fiquei pensando no acontecido e no outro dia ele ligou para falar da geladeira e chorar o preso falamos eu dura e ele sempre gentil disse que eu era simpática eu nunca mais havia ouvido algo assim e ele ficou assim por 2 dias sabia que meu marido sá chegava mais tarde e chorando o preso e me fazendo vários elogios abaixei o preso e ele disse iria buscar no dia seguinte como sabia que chegava sedo quando eu o cheguei estava no portão e falei vamos subir e perguntei cadê o carreto ele no caminho disse vi dar o sinal e acertar com vc depois eu busco e falando me elogiando no caminho nunca trai meu M chegando na cozinha ele ia preencher o cheque ofereci um café ele em pé me olhando e com aquele pau duro eu louca e de saia abaixei deixando ele ver minha bunda louca Paulo disse sou casado mas fiquei louco por vc gelei e disse senta toma o café e quando fui servi-lo ele passou a mão na minha cintura e disse morena quero outra coisa e acariciando minha bunda subindo minha saia perdi todo meu controle e ele comede a me beija subiu minha saia rasgou a parte de baixo da calcinha e me sentou-se à mesa me chupou me colocou de quatro na cadeira chupou minha bunda minha boceta eu louca assustada e quando eu sentei e abaixei a calça nosso que pau a cueca não segurava e quando eu abaixei a cueca que pau lindo nossa hipnotizada tentava chupar ele todo mas não cabia na minha boca chupei feita uma louca até que ele me pegou me colocando de quatro em pé e encostada na mesa e levantou minha saia e disse seu sinal pela geladeira e quando ele colocou aquele pau aiiiiiiiiiiiiiiiihuuuuuuuuuuuuuuuuuu segurei na mesa tentava não gemer mas impossível com estocadas forte fundas e rápidas gozei ele não satisfeito me deitou na mesa e de frango assado me fodeu novamente chupando meus seios eu estava louca mas feliz e gozei novamente mas estava assustada alguém podia chegar foi quando ele me pegou me colocou na cadeira de joelhos abriu a geladeira e pegou a margarina e disse o resto do pagamento vai ser nesse rabão eu olhei assustada e disse assim não Paulo faz tempo que não faço isso ele disse vc vai adorar e me beijou e subiu minha saia e quando o senti passar o dedo com a margarina na minha bunda e enfiou um dedo eu beijando me contorci e tentava gemer quando o senti enfiar 2 nossa segurei na cadeira foi quando ele deu um tapa na minha bunda e disse minha putinha vai dizer para o corninho que paguei a geladeira assim olhei para ele no auge da excitação respondi vou dizer para ele que meu macho pagou com porra ai senti a cabeça do pau dele forçando a entrada e me dilacerando tentava conter mas como estava liso senti quando ele socou todo quase sem ar tentando suspira ele tirou e socou novamente e começo num vai e vem com as estocadas fortes gozei novamente ele dizia coisas huuuuuu até ele começou a mais rápido até que tirou o pau do meu rabo correndo para frente da cadeira colocando na minha boca e disse toma chupando e poetando ele até que ele gozou enchendo minha boca meu rosto quanta porra ele me olhou e disse ainda vai vender para alguém eu com cara de puta disse não meu macho vai levar para sua irmã nossa o pior ou melhor foi quando ele veio buscar a geladeira que acabei dando para ele numa tarde que deixei de trabalha e ele passou a tarde me comendo na cama do meu marido e depois de satisfeita levei ele para casa mas conto isso outro dia fiquei 2 dias de molho com a boceta e o cu dolorido beijos

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos dei pro meu padastrocontos eroticos de negros em hospitaismorena dano a boceta po caveleContos eroticos humilhadacomi minha cunhadinha magra alto focinho preto na cozinha internetconto erotico gay mamando porraajudei minha amiga tér um orgasmo conto eroticomenina você já passou o dedo no cu e cheirouelena senta na pica duracontos eroticos minha mulher e uma vacaSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininoContos gays arrombado na borracharia por varios usando fio dentalcontoerotico fui brinca cm meu irmao so de calcinhacontos eroticos adoro o leite delesenso botar po para mulher do corno contoscontos eróticos de tirando o cabaço das cunhadascontos gay paicontos eroticos de gang bang com ninfetaaregasando asubrinhacomi minha mae de biquíni contoContos eroticos chantagiei meu sogra pra comer minha sograconto comi minha sobrinha na pescariacontos dormimos na barraca eu marido e sogro e o sogro me rabou noite interaperdi as pregas contoscontos eroticos virei mulhezinha euconfessocunhadacontos eroticos atração enteadoe bom de maismete na minha vizinha gordinhaconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arromboufamilia naturista contoviadinho japones dei pro negao do caminhão contos eróticosMinha namorada ela mandou minha cunhada abri bem suas pernas ela disse pra eu tirar o cabaço da buceta da minha cunhada conto eroticoContos dando para o molequeContos eroticos com animaisseminaristas lindos gayscontos eroticos fudendo a mae ño campismocontos eroticos na paredemenino coza o pau do novinhocontos eroticos minha filha e sua amiginha travesty de 12 aninhosconto fiquei pelado na frente da médicacontos eroticos enfermeira saco peito grandeminha cunhada abre as pernas e me mostra a calcinhacu todo cheio de manteigaeu e minha sogra coroa conto eroticomeu pai fogoso contocontos coroa gaycontoseroticos madrastconto erotico peguei as meninas do playgroundSou casada mas bebi porro de outra cara contosporno contos casada comprando mandiocavizinha safada e casada se insinua para vizinho novinho. contos eroticoscontos gozada da maeContos minha doce sobrinha melcontoseroticocoroascontos eroticos envagelica abusadacontos casada cago no pau do negraocontos erotico a mulher feiacontos sou safada dei a bunda para os meninos flanelinhaDei a bucha pro meu sobrinho virgemconto sem calcinha a troco de docefrutinha viadinho bunda grande e arrebitada dando o cucontos de corno esposa com dois e comendo cu do esposoconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogromeu irmão sempre goza na minha boca conto erotico Comi+o+cu+da+mia+professoraconto+eroticoestrupei minha tia-contoseroticoscontos eróticos gozando na filha pequenaconto meu vizinho paneleirocontos eroticos a tres corno mesma camaorgia com velhas contos eróticosContos eróticos de incesto filhinha caçulinha dando em cima do paiminha conhada mi bexandoContos heroticos brincando de cazinha com a priminhacontos eróticos com mulher baixinhaconto xupei o pau do meu amigo pq perdi apostaconvenci ela a me chupar conto