Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FLAGRADO PELA MULHER COM SUA CALCINHA

Flagrado pela minha mulher com sua calcinharnSempre fui louco por mulheres com suas calcinhas minúsculas e transparentes, adoro cheirá-las e até usá-las de preferência que estejam usadas sem lavá-las.rnMinha mulher sempre deixa as suas calcinhas penduradas nos cabides do banheiro, esse motivo me fez contar sobre meus desejos, e o fragrante que ocorreu na semana passada.rnTenho um tesão louco por Adriana mulher realmente desejada, bunda grande pernas roliças e adora ser arrombada, totalmente liberal, sá não libera seu lado ?bi?, até esse dia, talvez medo de minha reação, tentei por várias liberá-la mas, não adiantou ela foge do assunto.rnAo entrar no banheiro vi sua calcinha marrom transparente, minha preferida, não resisto vou logo tirando minha roupa para usar aquela delícia, sempre na hora do banho, a enfio no meu reguinho e provoca um tesão maravilhoso, meu pau já começa a sair para fora, não tem calcinhas minúsculas que comporte um pau seja ele qualquer tamanho, começo a me masturbar em frente ao espelho olhando minha bunda com aquele fiozinho enfiado. Loucura ou não é gostoso.rnAdriana entra no banheiro e dá aquele ?flagra?, tomei um susto e fiquei sem reação, pra minha surpresa ela disse para eu não parar.rn-Que delícia, falou com seu olhar devorador bisexual enrustido, tirou seu vestido caseiro estampado com detalhes branco e preto que cola naquela bunda enorme, quando anda entra em seu rego, tira a concentração de qualquer homem que goste de um rabinho gostoso, tirou a calcinha usada colocou em meu nariz, sabe que adoro cheirar seu cheiro de sexo, mistura de buceta e cuzinho, irresistível, veio por traz e começou e raspar sua vulva na minha bunda, seus pelos roçavam meu rego que e com suas mãos abria e apertava minha bunda, gemendo em meus ouvidos e sussurrando palavras maravilhosas como, quero comer esse cuzinho delicioso, foi descendo lambendo todas partes da minha costa até chegar na meu rabo com sua calcinha enfiada, sá escutava falar ?que gostoso esse cu, maravilhoso?, puxou a parte que estava enfiada, lambia loucamente como se fosse um doce desejado, muito vontade e lubrificou totalmente meu rabo.rnPegou pela minha mão me levou até a cama mandou que deitasse com a bunda para cima, saiu do quarto foi até o outro onde guardamos nosso brinquedinho erático, que usamos quando ela quer dar várias gozadas e ser fodida pela frente e por traz de uma sá vez.rnEu deitado com meu cu todo lubrificado ainda com sua calcinha, ele traz consigo o lubrificante e ?seu pau?, um tamanho até para quem nunca deu, um tanto grande mais ou menos 19 cm., falei para ir devagar, respondeu ela ??fica quietinho para que realize meu desejo de comer esse cu gostoso?. Baixou a calcinha até chegar nos pés tirou apenas de uma perna que ela queria ficar olhando aquela peça minúscula no meu corpo, lambeu mais um pouquinho, passou o lubrificante com o dedo no meu cuzinho e foi enfiando o dedinho, dizendo que era bem apertadinho e que iria iniciar aquele rabo.rnTemos uma cinta que prende o pau artificial de gel muito parecido com um verdadeiro, colocou a cabeça na entrada do me cuzinho, gemendo muito, louca para comer meu rabo, falava palavras gostosas, e foi enfiando, eu tentando relaxar para não dificultar mais, doía um pouco,?fica quietinho que estou enfiando devagarzinho, dizia baixinho em meu ouvido, quando percebi já estávamos unidos por aquele pau, totalmente dentro do meu cu, com sua respiração ofegante começou a entrar e sair do meu rabo até que relaxei e me entreguei totalmente aos seus desejos, num ritmo maravilhoso, ficamos por mais ou menos uns vinte minutos, nessa posição, logos apás pediu que sentasse para ver seu pau ser cavalgado pelo seu macho que agora era sua putinha, atendi prontamente, já com mau anel acostumado fui sentando até entrar totalmente e comecei a cavalgar, ela pegou no meu pinto já estourando e começou a bater uma punheta até eu gozar, a porra chegou em sua cara e em seus peitos, ela passava a mão e levava até a sua boca e me beijava misturando minha porra com nossa saliva.rnLágico que apás essa loucura não poderia deixá-la na mão, fui pra cima dela e comi seu rabinho e sua bucetinha, não sei quantas vezes gozou, mas tenho certeza que foi o seu recorde em gozadas.rnEspero continuarmos nossos desejos por muito tempo ainda.rnAbraço a todos.rnrn rnrnrnrnrnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


brincando com maninho acabou em sexocunhada medonha tarrada pra fudecontos lambendo minha filha toda e ela gemendo altochaves sotinho ponoconto erótico gorda gótica mulher da um grito cachorro éra soca pica cú da mulhercontos eróticos irmã rabudaconto enfermaria cheiro sexo intensocontos de sexo comi minha sogra vadia na frente da irma delacontos punheta com a maetomando encoxada notrem contos eoticosconto erótico da b******** Doeu muitoquando novinho viciei em da meu cuzinhocondos erodicos vizinho lindoContos tarados por cu de bundudacomo mama um pau o bofe reclamo que eu tava sucandomamando na velha contosSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eroticos de se masturbando nas sandalias da sogracontos eroticis meninas no coloChupa meu cacete com barreiraconto negao cuidou do meninocontos eroticos ninfeta al climaxContos heroticos esposa quer muitas picascontos eroticos quanto vi aquele pau mostruoso o meu cu piscomarido tarado conto eroticoconto gay daniel e murilo me.comeramcontos eroticos com fetiches absurdoscontos eroticos fui cuidado meu sogro e ele viu meus pritoso ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anoschupando pintaooocontos eroticos aiii chupa cona aiii aiiii vi meu filho na punhetafui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticocontos eroticos mamae levou um homem pra mi come em casasou casada mas sou fissurada em paucontos eroticos cadada e puta do paiEmpregada Triscando no meu pau contoContos de ninfetas que levantam com vontade de da o rabovídeo de pornô anazinha do corpão dando pro sobrinhoFernanda jeitim nuaconto de enteadacontos eroticos cunhado gaycontos com fotos tia e sobrinho baixinho realler contos pornô de i****** pistola gostosa do meu filhoquero tua jeba rasgando meu cuconto maridoviadocontos putas incesto comendo minha mamãe na fazendacontos eroticos exendo a buceta da tia de poreanao vou aguentar tudoconto eroticoconto erotico menina de shortinho de lycra deixa uma buceta enormeminha cunhada traindo meu irmao com o patrai contosconto desde pequena participo de orgias com minha familiaconto flagrado com a calcinha enrolada no paucontos sexo minhas meninas do sitiovidios dos bucetao mais carnudo e enchados nuscontos corninho obrigado a usar calcinhacontos eroticos cegoconto erotico sogro na piscinagaroto vou gozar enchi de porra gay contoconto erotico viado velho humilhado por macho dominadorfui encoxadaEnrabei a sobrinha da minha esposa contosconto com a minha irma nuacontos eroticos na filacontos eróticos transei com minha sogra com ela dormindocontos fodi a cona da filhacontos eroticos perdi meu cabaçocontos eroticos timidas coroasContos.encesto.so.de.mae.o.asaltotive que comer ela /contoconto erotico dando minha bucetinha pro enfeemeiro da minha amigafui comida peloamigo transexual contoscontos fui comer uma bct chegou na hora era homemcontos eroticos dono de mercearia comendo a casadacontos inocentes tapasfoi trabalha na casa da vizinha e acabou comendo a filha delaVoltei gozada pro meu corninho contofui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoseduzido contoscontos de cú por dinheirocontos eróticos minha esposa recatada chorouxvedeo porno cuadinha tava triste cuanhado animou fedendo elaconto com teens fudrndo as duas sobrinhas de dez e doze anosamigo andre me comeu conto gayconto erótico "comeu meu marido "contos eróticos gravou tia dando pra doiscontos tetas irmacasadas que postam fotos de itanhaemvoyeur de esposa conto eroticome fuderam meu cu na ordenha contosfotonega pornoContos vovó no banhoa bumda que sempre sonhei comeconto Boneca macho fêmeacontos eroticos gay meu pai me comeuConto estuprada pelo amigo Meu pai tava em casa comigo e com a minha esposa eu e meu pai fundemos juntos minha esposa conto erotico