Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

\"PRIMEIRA VEZ COM MINHA TITIA GOSTOSA\"-AOS 19 ANOS

Eai galera do contos eráticos.Meu nome é Pedro e esse é meu primeiro relato que vou tentar descrever com o maior número de detalhes possíveis para passar a vocês como foi minha primeira experiência sexual.Antes de tudo vou dar uma breve descrição de mim:sou descendente de Alemães e Italianos,1.80m,olhos azuis,cabelo castanho liso e um porte físico muito bom para a minha idade.Eu poderia estar mentindo sobre a minha aparência,mas não estou,pois talvez seja por ela que consegui pegar Clarice(nome fictício),a minha tia mais gostosa.Desde pequeno sempre fui louco por ela,uma gata de 30 anos,corpo malhado,cabelos castanhos,seios medios e uma bunda de dar inveja a qualquer garota adolescente.
Pois bem,em um certo sábado de manhã fui acordado pela minha mãe: -Pedro,hoje tem um churrasco em família na casa da Clarice,a gente vai na frente,esteje lá antes das 9 hein dorminhoco! Opa!Churrascão na casa da tia!Isso significa cerveja,primas gostosas e é claro,minha deliciosa titia sá de biquini.Uma beleza,peguei a mochila e parti pra lá.Quando pisei na grama do jardim da festa quase tive um infarto : minha deusa Clarice estava deitada tomando sol,seus pelos loiros brilhavam,seu biquini fio dental estava todo enfiado no rabo e definia perfeitamente aquela buceta gostosa e inchadinha,e o melhor : a parte de cima do biquini estava desamarrada.No alto dos meus 19 anos é lágico que foi açãoreação,meu pau ficou duro na hora.Pulei na piscina rapidamente para tentar esconder o volume na bermuda mas já era,tenho certeza que ela viu.
Fora isso tudo continuou tranquilo,o pessoal da família foi chegando,o tempo ia passando e esse mesmo pessoal ia ficando bêbado (e eu até arriscava jogar umas ideias em umas priminhas) quando minha titia Clarice chegou para mim : -Pedro,acabaram alguns materiais de churrasco,vem comigo no supermercado ajudar a comprar o que está faltando? Ela usava um topzinho branco e dava para ver seus farois acessos,tinha seios pontudos. -Claro tia,o que você quiser.
Fomos de ônibus e conversamos bastante no caminho e inevitavelmente chegamos ao assunto sexo.Dava pra ver que ela ficava excitada ao falarmos disso,tanto que ela já estava bem mais perto quando entramos num túnel e um breu total tomou conta da cabine,aquele viaduto era muito longo e ficariamos naquela situação por alguns minutos.Foi quando aquela vadia chegou bem pertinho do meu ouvido e passou a mão na minha perna por dentro da bermuda começando na coxa e subindo e descendo aquela mãozinha delicada enquanto eu ficava vermelho igual um pimentão. -Eu vi o jeito que você olhou pra mim na piscina a hora que você chegou... Ela falou tão perto do meu ouvido que pude até sentir seus lábios quentes enconstando em minha orelha. -...E sabe que isso me deixou muito excitada? Se eu já tava com tesão antes,agora mau pau estava quase explodindo para fora da casa.A mão da minha tia foi subindo,dessa vez ela apertou meu pau por fora da calça. -Me fala Pedro se você é virgem. -Sssimm ti...tia... Quando falei isso ela gemeu bem baixinho perto do meu ouvido enquanto seus seios encostavam no meu ombro,pude sentir seus bicos pontudos encostando no meu braço. -Eu sou sua titia preferida? -Ssim,claro! -Então deixa eu te mostrar uma coisa. Sua voz era lenta,sensual e aquilo me fazia ficar louco.Lentamente ela começou a chupar meu pescoço e foi descendo,passou a mão no meu peito malhado (agora eu entendia para que serve academia) e foi descendo devagar.Não ousei fazer nenhum movimento,eu estava nervoso e totalmente inseguro.Suas mãozinhas abriram minha bermuda e em seguida foi abaixando minha cueca.Tudo muito devagar sá para me deixar mais excitado.Com as duas mãos ela segurou meu pau e foi chupando sua cabeça devagarinho com aquela boca molhadinha.Inclinei minha cabeça para trás enquanto sentia a melhor sensação da minha vida.Eu nunca tinha tido nenhuma experiência sexual assim,as vezes me masturbava com alguma revista roubada do meu irmão mas nada se comparava a aquilo.Então ela foi colocando minha rola na boca,seu boquete era delicioso,sua língua molhada ia e vinha ia até o meio da base do meu caralho e voltava até a cabeça,apás um tempinho ela parou um pouco,e começou a me punhetar ao mesmo tempo que chupava a cabeça do meu pau.Não aguentei,aquilo era tesão demais para um garoto de 19 anos!5 chupadas dessas e eu gozei,bem na boca da minha titia Clarice.Ela se levantou,lambeu os beiços e limpou os lábios com as costas das mãos antes de falar : -Seu danadinho,depois eu vou querer mais. Chegamos ao supermercado e fizemos as compras com certa pressa.Estavamos loucos para chegar em casa e fazer mais,muito mais.Eu ainda estava um pouco nervoso,tudo estava sendo novo para mim e quando voltamos para o ônibus já estava doido para que ele entrasse no viaduto de novo,e entrou,no mesmo momento segurei a cintura da minha tia e a puxei para um beijo molhada que durou alguns segundos até ela falar. -Opa,vem com calma rapazinho. Como eu ainda não sabia o que fazer e ainda era muito inexperiente minha tia teve que pegar a minha mão e guia-la até um de seus seios.Eram firmes!A outra mão ela pegou e levou até a sua vagina,estava quente e pude sentir a sua grelha molhadinha por cima da malha.Aquilo era uma delícia,enquanto ficavamos em um beijo molhado me senti mais confiantes e enfiei minha mão por dentro do seu top.Estava sem sutiã,peguei naquele peito macio e ao mesmo tempo firme e senti seu bico pontudo,deslizei delicadamente a outra mão para dentro de sua calça e peguei naquela bucetinha lisinha,depiladinha,nem parecia que já tinha tido algum pelo.Desci mais um pouco e toquei em seus lábios vaginais que estavam bem molhados.Aquilo era muita tentação,coloquei meu dedo indicador que era menor mais mais ágil lá dentro e bati uma siririca muito boa para ela (vi isso no kama-sutra,hehehe).Ela parou de me beijar e começou a gemer no meu ouvido,era muito tesão e já tirei meu pau pra fora.Logicamente Clarice entendeu o recado direitinho,me deu um sorriso sacana e começou a me punhetar.Paramos com isso somente alguns instantes antes do ônibus sair do viaduto.Dessa vez fomos para outro lugar,um apartamento da minha tia que ficava no centro da cidade e onde ela morava nos meios de semana,não havia ninguém.Entramos e Clarice já se sentou no sofá com as pernas abertas para mim. -Onde deixo as comprar? Perguntei. -Não sei,em qualquer lugar!No chão,na cozinha,jogue-as fora!Tudo que eu quero agora é você aqui comigo! Deixei as sacolas em um mável velho e parti pra cima dela.Me ajoelhei diante de seus joelhos e ela abriu as pernas ainda mais,me acomodando.Sua calça era de malha cinza e já dava para ver que sua buceta estava bem molhada.A tirei rapidamente,agora sim eu podia ver aquela buceta lisinha,sem pelos e com os lábios bem abertos.Comecei a chupa-la enquanto ela começava a urrar!Era impressionante ver uma mulher com tesão: ela gritava,me pegava pelo cabelo e empurrava minha cabeça cada vez mais para a direção da sua bucetinha,que estava salgadinha e deliciosa por sinal.Então continuei,ela gritando cada vez mais e eu enfiando a língua cada vez mais para dentro quando em um momento ela deu um grito maior,ergueu seu tronco para cima e eu recebi um suquinho muito gostoso que saiu lubrificando sua vagina.Ela ficou assim por um tempo,de olhos fechados,gemendo,duas lágrimas brotaram dos seus olhinhos verdes até agora ainda fechados.Muito inexperiente,achei até que tinha a machucado.Perguntei isso e algum tempo depois ela disse que não,que apenas tinha tido um orgasmo.
Clarice fez sinal para que eu sentasse no sofá,ao seu lado, no mesmo momento obedeci,afinal,ela era a experiente ali.Ao me posicionar ela se levantou e sentou no meu colo,de frente para mim e tirou o top branco.Fiquei cara a cara com aqueles lindos peitinhos brancos e pontudos.Perguntei se eu podia chupa-los e ela respondeu que sim,se eu a desse mais um orgasmo.Comecei enfim,aqueles bicos passavam pela minha boca enquanto ela falava -Isso,quero te dar de mamar meu bebezinho lindo. E eu chupava mesmo,quem diria...Eu,que outro dia desses batia punheta vendo pornografia na internet agora estava ali,comendo uma cavalona de 30 anos. -Ei,o outro ta ficando com ciume hein! Disse minha adorável titia enquanto eu passava para o outro peitinho,insaciável.Ela tirou minha camisa,meu cinto e deu uma levantadinha para que eu tirasse minha bermuda.Abriu uma gaveta de um criadinho mudo ao lado do sofá e tirou uma camisinha de lá -Tenho que tomar cuidado né,um cavalão igual você já pode me engravidar. Sorri,olhei para seu rosto enquanto ela desenrolava a camisinha no meu pau,era linda e seus dentes brancos reluziam pela luz do sol que saia da janela do outro lado da sala.Então deu outra levantadinha,comigo sentado,e chegou a grelha bem perto do meu pau e abaixou sá o suficiente para entrar a cabecinha,começando a rebolar.Aquilo estava me deixando louco,mais um pouco e ela foi se soltando,abaixando ainda mais e começando a cavalgar,cavalgar com fúria.Aquela vadia quicava igual uma putinha e enquanto isso gritava -Isso seu gostoso,me fode inteirinha!!!Eu quero esse pinto pra mim!Vai mete tudo que você conseguir!!!Você não olhava pra mim desde pequeno?Eu sei que você cortava uma pra mim seu desgraça!!!E agora você ta me comendo,vai mete!!! E foi me subindo um calor incrível e ao mesmo tempo um formigamento nas pernas. -Eu vou gozar! Falei.Quase que instintivamente ela saiu de cima e arrancou a camisinha da minha rola me agarrando e gritando -Vem!!!Goza dentro de mim,eu quero sentir essa sua porra dentro da minha bucetinha!!! A essa altura mais de 19 do meu pau já tinha entrado dentro dela.Achei melhor tirar e gozei na sua barriga.Ela gritou,teve outro orgasmo e ficou no sofá gemendo,passando o dedo na minha porra e a espalhando pelos peitosmpescoço e boca.Enfim sorriu,olhou pra mim e fomos tomar um banho.Mal entramos no banheiro e Clarice entrou dentro do box,colocou as mãos na parede e disse : -Vem sobrinho,vem me dar bainho. Sá a puxei para debaixo do chuveiro e enquanto se virava de costas para mim beijei seu pescoço.Comecei a penetrar sua bundinha mas doia muito,aquilo puxava a pele do meu pau e eu não consegui,ela disse tudo bem e que eu ainda não estava preparado para sexo anal mas tinha ido muito bem e que ela nunca havia gozado daquele jeito como hoje.Achamos melhor ficar sá no vaginal mesmo.A peguei pelas pernas e a levantei,enconstando-a na parede enbaixo do chuveiro enquanto a penetrava pela buceta,a carregando pelas pernas.Foi uma das melhores transas da minha vida e gozei como louco.
Apás tudo isso pegamos as compras,descemos até a garagem do prédio e entramos em sua Ranger 4x4 para chegarmos até sua outra casa onde estava acontecendo o churras.Ao chegarmos minha mãe perguntou : -Puxa vida,como vocês demoraram!Achei que nunca mais iam chegar!O que aconteceu? Respondi com um breve sorriso : -Ah mãe,o transito nos pegou!Tava uma dureza. E olhei para minha titia.Sorrimos como dois comparsas enquanto minha mãe saia para a cozinha.Depois disso sempre que minha tia me pede ajuda eu vou,pois sei que no final serei muito bem recompensado.
FIM
Obs:Vocês podem falar que eu fui fraco,não agi como homem ou qualquer merda do tipo mas a verdade é que esse conto é 100% verídico,ou seja,era minha primeira vez,o nervosismo e a inexperiência existem,ao contrário desses outros contos falsos em que os homens tem 23cm de pênis e saem fazendo coisas dignas de um desenho hentai.Agradeço a todos por lerem e a qualquer um que queira saber detalhes da histária ou me conhecer me contatem pelo e-mail : [email protected] Valeu!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos minha mulher virou amante dossou casada meu visinho novinho contospassando a mao no grelhocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigocontos eróticos de cunhadas e subrinhasconto erotico sogra de calçinha fio dentalContos erotico meu marido bateu o barco meu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadecontos eroticos mae obrigou eu da u cu para ganhar dinheiroconto erotico de gravida com consolocontos eoticos chantageei minha maeContos eroticos gay iniciado pela maeporno filhos/a com primosconto cu menina esconde-escondecontos iniciando um viadinhocontos eroticos dono de mercearia comendo a casadacontos eroticos engravidei de um velho e o meu marido nem desconfiacontos mia subria noviacontos eróticos me bater castigocontos eroticos primeira vez siririca com 07 anos sozinhaporno coroa da boda mole de fiodetaojoana meu sogro comeu cucontos eróticos zoofilia com a filhacontos eróticos / desde menininhoconto trai meu marido com meu filhosCaralhogigantedentrodiana sentindo pica pela primeira vezcontos eroticos de enteadasconto gay sou macho me encoxaramcontos eroticos de homens com taras chupar bucetas caninas zoofiliacontos eroticos namorada casa de praiaconto erotico catador de papel comendo.buceta da novinhacontos eroticos dei pa paga dividacomtos gozoticosamiga da minha filha tezudinhacontos eroticos dando para o cunhadominha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoscontos eroticos de enteadasmeu marido liberou também conto cucontos eróticos de infânciaSafadinho aaa uuuSou casada mas bebi porro de outra cara contosconto erotico fudendo a avócontos eróticos eu meu melhor amigoconto de sedução com mulher casada seduzida por uma lesbica de ferias.comendo a bucetinha da filha da vizinha novinha contoscontos eróticos velhacontos esposa bi sexual marido sortudoencostei o braco na buceta da cunhada contosconto erotico cachorro grudado na mulherContos eróticos padrastomeu pai e meu tio me comeramcontos papai passando bronzeador em mimcontos eroticos o escravo seduz a.minha patroacontos de casadas o negro desconhecido me arrombouincentivanda pelo marido contos pornoconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinloContos eróticos com fofos de incesto sentando na pica dura do meu irmaoO coroa me levou pra sua lancha conto eroticocontos de cú de prima coroaSexo no aterro do flamengocontos eroticos comecei a notar uma diferença na buceta de minha melherDei meu cuzinho- conto ii relatosfilme com historia de erotico de tiozinho taradaoconto eroticos casa dos contos vi minhs mae no rolono dos negoeschupando meu pau com vibrar contoVo rabuda e seus contos eroticosum pivete me engravidou contoscontos de corno meu tio engravidou minha esposaMe comeram ao lado do meu namoradocontos sarro gostoso com meu genro