Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SÉRIE - UM ATIVO A GOZAR – NO MATAGAL DO PRAZER.

O sexo, o prazer, o desejo e tudo que uma noite nos deixa imaginar. Eu estava assim, sentia o prazer o e desejo fluir diante do sexo e das vontades.



Eu havia realizado meus desejos, fuder gostoso um menino novinho, o fazer gemer de prazer e de vontade, o fazer gritar na minha vara, o fazer mamar gostoso e tomar o leitinho quente.



Foi desta forma que desejei e realizei o Douglas. Ele novinho, corpo de menino e beijo de garoto, agora ele era meu, eu homem de 19 anos tinha realizado meu desejo, fuder, abrir e gozar em um rabinho de um menino, de jovem que aprendia a desfrutar do prazer do sexo, porem muito mais do que comer, enrabar e chupar todo este menino é o sonho de acreditar que sexo é um prazer mutuo.



Eu estava feliz, ia todos os dias ver Douglas e ficar com ele. Era nosso segredo, era nosso prazer, pois sua mãe a gostosa dona Sonia estava trabalhando, ela gostava e achava que eu era a melhor companhia para seu filho, que era por todos os dias beijado, abraçado, comido e arrombado por mim, ele era minha menininha, minha putinha novinha que descobria que dar cuzinho era bom, era prazeroso, gostoso.



Douglas era meu menino, porem via que sua mãe estava me dando bola, ela era bonita, gostosinha e tinha um rabo de dar gosto e super simpática apesar da idade dava pra comer, mas sabe eu tinha um caso com o filho dela, mas sentia que ela estava afim de mim.



Mas eu desejava e gozava com minha rola no rabinho de seu filho, em uma tarde de sol estava eu e ele passeando quando tivemos a idéia de entrar em um matagal para dar uma, logo adentramos em uma mata fechada e abaixei o calção e deixei ele saborear dos meus 19 cm de prazer, ele mamava gostoso, sentia sua língua deslizar diante da minha cabecinha e o prazer tomar conta, porem era de tarde e o medo de ser pego era grande, mas valia a pena. Era delirante ver aquele garoto saboreando minha vara, ele engolia tudinho e parecia estar aprendendo a cada dia mais como dar prazer a um homem, sua boca gostosa subia na direção da minha e seus lábios juntavam ao meu. O sol da tarde adentrava ao matagal e o nosso abraço se tornava mais delirante, sentir o prazer, o toque o desejo daquele que era um menino estava alem das somatárias da vida.



Ele era lindo, um olhar penetrante, uma boca gostosa e um rabinho novinho e gostoso. Ele era todo meu, e sabia fazer de uma tarde no mato algo diferente, pois sua boca, sua pele lisinha e seu corpo quente me faziam sentir prazer e desejo.



Eu tocava em seu corpo e abaixava minha mão forte diante daquele gostoso rabinho, o fazia desejar, respirar de prazer e fazia ainda aumentar minha vontade de naquele mato enrabar meu garoto.



O medo tomava conta do prazer e ele exatamente de quatro com seu short abaixados me fazia delirar, via seu buraquinho louco para ser atolado pela minha rola, o beijava na macega, passeava minha língua em seu anelzinho, e ele de repente estava pronto e sendo comido, pois minha vara começava a atolar aquele buraco gostoso, eu enfiava devagarzinho, mas loco estava metendo com força, ele gemia, gritava de prazer e eu com a mão tampava sua boca para não chamar a atenção de alguém, mas era gostoso, parecia que era a primeira vez que comia aquele rabinho, ele gostoso, novinho, gemia e gritava de prazer, uma putinha serena de prazer.



Um garoto que descobriu o prazer de dar o rabo em um mato urrava. Sentia os 19 cm de pica dentro seu cu. Era agora um viadinho formado e diplomado.



Eu gozava e enchia naquele mato em final de tarde seu cuzinho de porra, ele parecia delirar estar feliz e aberto. Eu gozava e tirava de dentro do seu anelzinho minha rola molhada de prazer.



Beijamos-nos, se abraçamos e realizamos uma fantasia, ele dava em um matagal e eu gozava e ensinava a ele que o prazer não tem limites.



Porem depois de tudo isto algo diferente estava por acontecer, ao chegar à casa de Douglas fui surpreendido por sua mãe, fui seduzido e comido por ela, mas esta foda com a velha eu conto no práximo episádio.



Continua...



-



ASS – ThyAggo



MSN:



[email protected]



---------------------------------------------------------------------------------------------------------



Acesse:



portalgayms.blogspot.com



portalgayms.blogspot.com



portalgayms.blogspot.com



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto erotico netinha pedi pra o avo deita e esquentalo cantos eróticos d********* para o meu irmãoconto de rasgei o cu de meu irmão fazendo ele choraSexu.com.busetas.de.7anuscrossdressing miudinhaContos eroticos chamo vitoria dei pro meu cumhadocontos eróticos a namorada do sobrinhocontos eróticos de infânciaBoquetinho da cunhada recatada contoseroticoscontos de mulher da buceta arombadacontos eroticos tio bebadoconto erotico pai come nora e o filha veConto erotico entre irmoaos de fecontos eroticos Dark love gaymeu namorado rasgou minha bucetinha e eu tava mestruada, conto eróticofodendo a mulher do meu irmão conto eroticoconto ficou excitado em saber que eu fudendoContos eróticos arregacei o cú da noiadacontos eroticos meu sobrinhoContos adultos namorada e o melhor amigo gayencostou a bunda e pediu picacontos eroticos. trainegao lingerie conto eroticonamorada sendo enrrabada pelo amigoestuprada pela quadrilha conto eróticoMarilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalhaconto erótico viadinho de calcinha filho do meu amigo sentou no meu coloconto erotico rainha do analVi minha namorada dando pra varios contos eroticosConto lambe peis diretora lesbicauma travesti usou camisinha colocou na boca da mulher no filme pornôconto de putaria mulheres seduçãoContos fui trai tomei so no cufui viajar com minha nora minha buceta ei cu delacontos eroticos mae ajuda marido ser corno do filhocontos eroticos mae filho filhaContos eróticos mão inteira dentrocontos eroticos incesto orgamos adolecesntecontos eroticos incesto fode meu cu mncontos eroticos de mulher com passarinhorelato e contos de loira puta que trai no campimComi minha filha dopada conto eroticocontos eroticos assistiu escondidoContos eroticos guspe na bocacoroa dona de banca em teresina dando bucetaprimeira suruba da esposa contosTennis zelenograd contocontos novinhocontos incesto recentes no onibuscontos eróticos de famílias pela primeira vez participando da praia de nudismocontos gay menino hormonio virou mulhercontos eróticos de gatinhas novinhas dando para super hiper dotadosconto erótico penha SC praiameu pedreiro gostoso"que buracao" gay contocontos eróticos de brigas e submissão contos negao borracheiro comeu minha bucetarasguei contos eróticosmetendo A lingua na xaninha da novinha contos contos eróticos cdzinhacomendo a prima e o primo gaycontos eroticos fui surpreendidocontos eroticos travesti me roubouUfa de vídeo caseiro chupando a rola do namorado dentro do carroas aventuras de vanessa contos eróticoscontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigofumei um baseado fiquei puta contoa crente virgem e o borracheiro conto eroticoConto erotico enteadaconto erotico peguei um filhote de cachorro e ele me fudeuconto erotico virgem motoristaConto eurotico ccbconto xota cu irmãomorena pauzeraContodeestuprofingindo gay contoscontos porno de madame recatada virando puta do seu empregadoDeusa mulata levando pica branca na bucetaconto ajudando meu filhoContos eroticos : Aticei o porteiro e ele me pegou de jeitoprofessor nao aguenta e transa com o aluno gay-contoeroticogaycomi meu amigo de calcinha contos eróticosgorda sentada no sofa e cachorra lambendocontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosagoza muitorapidamente na sograme vesti de mulher e dei pro entregador conto gaySou casada fodida conto