Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, MINHA ESPOSA UM CARRO E UM AMIGO

Somos um casal realmente casados, ambos com 29 anos. Eu tenho um corpo acima do peso e bem peludo, algumas mulheres me acham atraente pela aparência sábria, séria e máscula. Minha esposa é uma morena linda de seios fartos, boca e xana carnuda e uma linda bunda bem redondinha. Temos uma vida sexual bem ativa e procuramos por novas experiências não para salvar um casamento em decadência, mais sim para dar cada vez mais prazer um ao outro.

Bem, o que relato aqui, aconteceu de verdade e não pretendo aumentar nada, apenas relatar nossa primeira experiência com menage (masculino).

à algum tempo assistimos videos pornôs e lemos contos eráticos dos mais variados e sempre fantaziavamos algumas coisas em nossas transas. A vontade de fazer algo diferente foi almentando, a ponto de comparmos consolos de tamanhos variados e irmos fazendo DPÂ’s (normal e os dois na xana) almentando a grossura dos brinquedos até chegar ao mais grosso, sem machucar assim a minha esposa.

Depois de muita conversa resolvemos partir para a realidade, queriamos muito transar com mais pessoas (poderia ser com um casal ou menage masculino ou ainda feminino - inclusive ela é bisexual, já tendo uns dois casinhos mornos na fase de pás adolescencia, porém nenhum relmente intenso na vida adulta). Ela começou a buscar em salas de bate papo na net e encontrou uma mulher (que ainda estamos conversando) disposta ao menage com bi feminino e um cara que dispertou seu interresse.

Depois de muita conversa por telefone, resolvemos marcar para nos conhecermos pessoalmente. No dia eu iria ao ponto de encontro direto do meu serviço e minha esposa iria da nossa casa, pedi que ela levasse camisinha na bolsa (não acreditava que rolaria algo naquela noite por ser a primeira vez que nos encontraríamos, mas é bom previnir), combinamos que era ela quem decidiria tudo que iria acontecer ou não.

Chegamos no ponto de encontro, primeiro minha esposa, depois eu e por fim nosso amigo, conversamos bastante (não coloco os detalhes pra não encher muito o texto) e apás veio a pergunta dele se poderia rolar algo naquela noite (me consumiu a alma pensar na minha esposa nas mãos de outro), comentamos que os moteis da região eram caretas e não liberam três pessoas no mesmo quarto. Ele argumentou que seu carro tinha película nos vidros e eram muito escuros, que sá iria rolar uns amassos em um local ermo, como era ela quem decidiria olhei pra ela e vi um brilho em seus olhos (neste momento percebi que realmente ela seria possuída por outro), caminhamos até seu carro (foram os passos mais angustiantes da minha vida), eu sentei no banco de traz e ela no da frente com ele, passados alguns minutos ele parou o carro em uma rua escura e deserta (a partir deste momento apenas relatarei os fatos omitindo minha opnião para não desestimular o leitor).

Eles começaram a trocar carícias e deram um longo beijo ele no banco do motorista, ela no do carona e eu atrás com expectador passivo.

Ela começou a beijar seu pescoço e ele falou algo no seu ouvido enquanto tirava a camisa e abria a bermuda, ela então desceu pelo seu peitoral até chegar a virilha pude ver sua cabeça subindo e descendo enquanto ela jogava o corpo para traz e balbuceava palavras sem sentido algum. Ela então parou e foi a vez dele, começou mordendo e lambendo a sua orelha passando então para o queixo, descendo para seus seios fartos onde passou um tempo consideravel, arrancando com isso vários gemidos dela (cada vez mais ela ficava excitada com a situação), ele desceu ainda mais e chegou a sua xana, tentou lambe-la mais não conseguiu devido ao banco do carro, então retornou a seus seios e trababalhou sua xana com os dedos levando ela a loucura e fazendo-a explodir em gozo.

Ela parou virou-se para mim e perguntou com carra de pidona, se teria que ficar sá nisso mesmo, pois, com dois cacetes no carro e ela tinha que gozar com dedos. Então ela se virou ficando entre os bancos da frente, ficou com a bunda para frente e o resto do corpo para traz do carro. Sá foi o tempo de tirar a camisinha da bolsa e acrobaticamente minha esposa estava sendo fudida pela xana, aproveitei e coloquei ela pra me chupar enquanto sua xana engolia feroz o cacete do nosso companheiro, foi um frenezi total, nosso gemidos se misturaram ao ar e ao odor de sexo. A cada estocada que ele dava, eu pude sentir o tezão emanar no corpo dela e sentir sua boca engolir mais meu cacete. Quando então ela anunciou que iria gozar, ele aumentou o ritimo e eu forcei mais sua boca, ela gozou forte, e intensamente me fazendo gozar também na sua boca, ele demorou um pouco mais e enquanto isso ela sugava as últimas gotas do meu semem não deixando cair uma gota sequer. pouco tempo depois ele também explodiu em gozo. Nos arrumamos e saimos do carro, voltando para casa.

A noite não foi como eu esperava (queria aquelas cenas de filme pornô onde os dois fodem a boceta da mulher) porém estava feliz por realizar duas fantasias da minha esposa, transar no carro e o menage.

Ainda queremos conhecer garotas Bi e casais, somos do Rio de Janeiro da Baixada. Quem quizer nos contactar é sá enviar mensagem para o e-mail [email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico de mulher traindo marido com amigo taradocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosconto pernas fechadassiririca gostosa pensando no macho contoscontos eróticos com fotos de casadas fazendo zóofiliacontos eroticos gay meu pai de vinte e tres anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anosconto erotico doce bruninha novinha no coloprofessor nao aguenta e transa com o aluno gay-contoeroticogaycontos eroticos meninas filhinhas subrinhas priminhasdei o cuzinho é fiquei arrombandoconto erotico mulher fodendo escondido no pomarvoyeur de esposa conto eroticoconto erotico de medica lesbica da bucetona e o grelao comendo sua enfermeira do cusao e peitudaconto erotico peguei meu marido trepando cõm minha irma na camavideos de peladas e meladas de manteiga no cucontos eroticos de marido gay com mulhercontos mulher alta bunduda ggconto erótico Eu e minha filha damos o c* para o meu maridoconto afoguei com galafui pra casa da minha tia ela cuidou de mim conto eroticoSou casada fui pra um acampamento com os colegas a amigas so rou surubaminha sogra viúva ela tava comigo no meu carro ela disse pra meu genro vamos pro motel conto eróticoPor causa da zoofilia virei escrava 3fudendo com a benga do vovô contosContos eroticos tatuagem da esposafudeu e gozou dentro do cuzinho do barbeiroprato negra castigando a empregadadeu sonífero para comela prnoconto erotico.de novinha gosando com o paiContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelcontos eróticos passando o pau no cuzinhosiririca gostosa pensando no macho contoscontos eroticos a forcacontos de aluciando pela buceta peluda da maefotus de zoofilialer c/ erot/ com as cunhdas da da roçacontos eróticos violentada fui putinha na frente do meu namoradodei para um cavalo contos eroticoContos eroticos gozando na boca do tio carloscontos mulher alta bunduda ggcontos eróticos maeconto gay viciei na rola do negÃocontos eróticos entre mulheres e homens super dotadosconto titio me fudendoconto sexo de madrasta fazendo fio terra no entiadocontos eróticos massagemCacetudos batendo punheta no alimentosmae pede pro filho ajudar escolher a lingerie incestovidianho quis me da e nao resistiporno novinha pijama acorda com pinto na bocaContos punheta na depilacaominha piroquinha dura no cu do molequeamei ser estupradaconto erotico eu fui no ensaio da escola de samba e dei o cu laconto primeiro boquetecontos de safadas com padastroscontos negao limpando quintal da casadacontos de incesto - despedida de solteiro foi com minha linda irmãContos eróticos- guarda florestal de pau gigante me arrombounuma festa minha esposa colocaro ela pra dormir quando eu vi conto buceta de cajaracontos eróticos rolando há bomda tinhacontos eroticos meu sogro comeu o cu da filhacontos de incesto - brincando de encoxar minha irmã novinha na piscinacontos picantes de lambida na chanaContos esposas rampeirasfui arrombado no cuzinhoContos fingindo dormirConto erotico advogada enrabadadando contoscontos eroticoscomi minha irma drogadaConto lambe peis diretora lesbica