Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UM ESCONDE-ESCONDE DIFERENTE (PARTE-1)

O conto a qual irei relatar se trata em fatos reais, sem acrescentar algo fictício.

Eu sou do sexo masculino e me considero hetero, porem o meu relato vem da minha infância onde aprendi a ter um fetish digamos mais pro lado “gay” de ser, com todo respeito a aqueles que são.

Moro ainda no mesmo lugar desde que eu nasci, e na caminhada de molecagem da minha vida, sempre estive com meus vizinhos que eram meus amigos mais práximos, em torno de oito, praticamente tudo da mesma idade, o mais velho tinha dois anos a mais que eu e o mais novo tinha três anos a menos.

Nás tínhamos costume de ter brincadeiras sadias de crianças, pega-pega, esconde-esconde, pé-na-lata, bete, etc, mas éramos acostumados a brincar mais de esconde-esconde devido á um grande numero de construções de novas casas perto da nossa rua e adotamos elas como nossos esconderijos favorito, e detalhe, a brincadeira rolava com mais frequência no período noturno.

Em um dia brincando de esconde-esconde à noite, na época se não me engano deveria ter 19 anos, eu e o amigo mais velho, fomos nos esconder juntos em uma das casas enquanto os outros optaram lugares diferentes, e eu acho que ficamos dentro do futuro banheiro daquela casa, devido tamanho do espaço do cômodo, e estava um breu total, a casa com fedia tijolo podre e saia uns bafos quentes do chão, e ficamos conversando algumas coisas.

Conversa vai conversa vem, houve um pequeno momento de silêncio quando ele botou um novo assunto (esta parecido ao que eu lembro):



Ele: - Você já comeu alguma guria?

Eu: - Não (rsrs) e você?

Ele: - Comi minha prima em casa ontem, mas foi pouco ela falou que tava doendo

Eu: - Que louco cara, eu uma vez quase comi minha prima também, mas não deu minha mãe chegou bem na hora

Ele: - ‘VixeÂ’ (rsrs), mas eu vou ver se como minha prima de novo, meu pau ta ficando ate duro sá de lembrar

Eu: - Então o meu também ‘putzÂ’ (rsrs)

Ele: - (rsrs)



Três segundos de silêncio e:



Ele: - ‘OwÂ’, deixa eu ver como que é seu pinto

Eu: - Ver meu pinto?

Ele: - É po, quero ver uma coisa sá, relaxa guri

Eu: - Ta bom, mas como que você vai ver alguma coisa nessa escuridão?

Ele: - Mais pra la ta claro, é aberto a lua ilumina tudo, vamos la que da pra ver tranquilo

Eu: - Vamos rapidão se não o ‘fulanoÂ’ vai encontrar a gente aqui



Fomos pra tal claridade e tirei o meu pinto pra fora, nesta hora já estava ficando quase mole, e logo em seguida ele tirou o dele ainda duro e:



Ele: - Nossa cara, seu pinto é bem diferente do meu

Eu: - É porque eu fui no medico tirar a pelinha

Ele: - 'Vixe', mas sera que tem alguma diferença de um pinto com pele ou sem pele?

Eu: - Acho que não (rsrs)

Ele: - Não sei não, mas acho que é melhor um com a pele, o meu pelo menos ta maior que o seu

Eu: - O que tem haver? Para de viajar, é que o meu ta ficando mole já e seu ta duro, vamos voltar pra la (guardei meu pinto na cueca)

Ele: - Espera ai tive uma idéia massa, eu acho que você vai querer

Eu: - Fala ai

Ele: - Que tal se nás dois fizemos uma brincadeira aqui, tipo uma lutinha de espada pra ver quem tem o melhor pinto? O que você acha? Ou ta com medo de perder?

Eu: - Como assim lutinha de espada?

Ele: - Abaixa seu short com a cueca ate o joelho rapidão



Abaixei ate o joelho e ele também e:



Ele: - Assim á



Ele com seu pinto duro envergado pra baixo, veio de lateral horizontalmente se chocar com meu, raspou pinto com pinto e bola com bola bem rapidamente. Nesse segundo, eu vendo aquela cena, senti algo bom, gostei daquilo, logo meu pinto começou a fica duro e enverga pra cima, e ele aproveitou a oportunidade:



Ele: - Eai se vai querer né? (rsrs com cara de safado)

Eu: - (rsrs) Vamos então, vamos ver quem tem o melhor pinto então

Ele: - Sá que nem fala pra ninguém disso e nem eu vou falar

Eu: - Claro né

Ele: - Beleza então! Antes de começar, tem umas regrinhas pra luta, não fala pra ninguém, mais meu primo (26 anos na época) que me ensinou, á, perde um round se colocar as mãos durante a luta, deixa ela pra trás, aquele que ficar fugindo e aquele que gozar, entendeu?

Eu: - Entendi sim



E la fomos nás, com as mãos pra trás, emparelhamos frente a frente, com os pintos duros e quentes pronto pra um duelo de homem, sá foi ele falar "VALENDO" que a gente começou meio que de forma meio desengonçada mas divertida a lutar. Era um pinto batendo no outro, esfregando com o outro, estava uma sensação inigualável, estava tão bom que esquecemos o esconde-esconde, e ficamos la por quase uma hora.

Detalhes e resultado da luta na Parte 2...



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


sexoconto erótico da cunhadacontos eróticos mulheres casada adoram pau grandeconto erotico de menino com caralho jumentoContos gays vestido de mulher a noite na borrachariacontos eróticos comi mi.ha irmanzinhaDANDO O CUZINHO PARA O MEU SOBRINHO CONTOS Peguei meu filho mostrei minha vagina contos eroticosconto erotico gay sexo entre amigos heteroscontos insesto comi minha irma e mae duas gostosas com fotosContos simone crenteFudeer minha avocontos eroticos minha tia era vigemcontos eroticos orgia nudistaConto de mulhe minha esposa na festaconto erótico somos meio nudistascontos eroticos jardineiro comeu eu e minha mulherconto minha esposa com seu primomão amiga trêm metrô onibus show contos eróticoscontos erot co dando a buceta pro cavalo e p ca grandecontos eróticos brincadeirascontos verídicas de sexo em montes claroscomeram minha mae contofodendo casadas de osasco no cu na frente do marido que ajudaContos eróticos meu patrão do pau gg arrombou minha linda noivaContos eróticos de mamãe ensinada a filha ser putacontos eroticos gays dei pro porteirode calcinhacontos eróticos a enfermeira velhacontos eróticos fudendo a prima e a tia com preliminarminha esposa e sua mae dividem minha riola contos eroticosContos erótico pombinha inchadacasa dos contos virei vadia do meu filho e estou amando ele adfui arronbada pelo vizinho contoscontos de velhas dos seios bicudoconto chantageei minha irma evangelicacontos tava de vestido i fui comidazoofilia cadelagozoucontos eroticos. enfermeira adora levar rolaconto eróticos sabrinaamigas pegao mendigo na rua da banho e depois/punheta/eleconto erótico sentado no colocontos erotico chantagiei e depilei minha sograela.adora chupar o.consolo enquanto.fodo sua.bocetacontos eroticos safadinhaContos eroticos gays sendo arrobados virgens esposa com o cu muito largo contoscontos eróticos sadomasoquismo buceta arrombada amordaçadafoto de mulheres que traem os maridos de Hortolândiacontos eroticos comeram minha noiva e transformaram ela emcontofudi minha cunhadabuceta chupar elaelecontos eróticos aposta infeliz diretor da empresaconto erotico travesti desobediente castigada pelo donoele grito e choro enquanto dava bucetacontos de safadas com padastrosContos eroticosencoxadas no onibusboa f*** mulher leva travesti para comer o maridocontos eróticos gay sou casado provocandocomo desvirginar anus contos eroticoscontos eroticos.de coroa.de 47anos.fudendo com gordinh.de.20vizinha novinha da obra contosou loco pela minha cunhada contos eroticosprimeira vez que dei cu pedreirocontos eróticos gay com monstroscontos: sentei no colo do velhocontos gay o menino que era um femea escondidomeu pai tem ciumes de mim contos eroticosmenina cabaco ralando a calcinha no pau do amigowww.contos heroticos..uma jujuba bem comida...contos eroticos eu e a joana somos as putas da empresa contos eroticos comi minha sogra feia gordaFoto casaro de gordinha de calcinhaconto de esposa vendo seu marido na rola de outroContos incesto novinha calcinhabunda durinha da casada contoscontos eróticos nerdscontos eu papai e meu marido na camaContos eroticos peitudaWww Contos eroticos sobre como foi a primeira vez no sexo com uma mulher mais velha .commenininha contos eroticoscontos eroticoscomi a sobrinha da minha mulhercontos de coroa com novinhoConto erótico sobrinha avó internadocontos de traição com motoboyContosGarota faz sexo com o pai na beinheira Contos eroticos... Minha doçe titiacontos eroticos o homem da garagem