Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DESCOBRI QUE MINHA MULHER ME TRAIA

ola, meu nome é marcos, sou casado a 8 anos tenho 32 anos e minha mulher tem 25 ela é uma morena de corpo muito bonito seios duros bem perfeitos uma bundinha que empinada, muito deliciosa, mais ela não mostra seu corpo, pois ela é muito recatada e anda com roupas bem comportada, e eu me achava o homem mais feliz do mundo por ter uma mulher tão seria, na nossas transas ela não gostava de fazer nada alem do papai e mamãe malmente eu chupava seus seios, dificilmente ela deixava, era muito chato eu não poder chupar minha mulher todinha, mais entendia o lado dela, ela era uma mulher muito direita, ate eu descobrir que não era nada daquilo que ela demostrava a vida inteira comigo, bem a minha historia de corno começa aqui, eu amo minha mulher demais e sempre tive orgulho dela, via umas mulheres vugares e ate ja peguei algumas e levei pro motel e ficava pensando apos elas fazerem de tudo comigo, ainda bem que tenho uma mulher tão seria e certinha em casa, mais quebrei minha cara, um certo dia um amigo meu, muito amigo mesmo, começou a me questionar sobre minha mulher, se eu confiava nela e coisa e tal, fiquei meio preocupado, mais disse que sim, que confiava e ate colocava minha mão no fogo por ela, ele abriu o jogo comigo, disse que estava desconfiado da mulher dele, que ela era uma santinha em casa, mais que alguem tinha contado algumas coisas dela, eu fiquei chocado, pois pelo o que eu via a mulher do meu amigo era muito direita, ate comigo que sempre frequentei a casa deles ela era meio indiferente, não sorria muita, não dava muito lugar, malmente conversava, fiquei com pena do meu amigo, mais se eu soubesse o que ele sabia eu deveria era ter pena de mim, eu sempre perguntava a ele como ele estava e se o que ele soube era verdade, ele sempre desconversava, ate que um dia recebi uma ligação no meu celular privada, e uma pessoa me contou um monte de coisas a respeito de minha mulher, no inicio eu fiquei muito bravo, pois eu confiava nela cegamente, mais sempre eu recebia essa ligação, ate que um dia recebi um envelope contendo um cd dentro, não tinha nada, sá tava o meu endereço e remetido pro meu nome, ainda bem que minha mulher não abre as minhas correspondencia, mais sinceramente eu preferia que ela tivesse recebido ao menos ela jogaria fora e eu não assistiria aquela cena, eu fiquei curioso e coloquei no toca cd mais não tocava nada, coloquei no dvd e ai sim vi que era um video e não um cd de musica, mais quando eu vi a cena quase desmaiei meu coração desparou pensei que ia ter um infarto, minha mulher, uma menina tão recatada que nem deixava eu transar com ela de quatro por que achava isso coisa de vagabunda, ali naquele video gravado de celular pela má qualidade do video, chupando o pau de um qualquer, falando um monte de safadezas pedindo pro cara gozar na boca, oferecendo seu cuzinho a ele, tinha hora que eu tentava fingir que não era ela, desliguei por varias vezes o dvd, mais ligava de novo e confirmava que era ela mesmo, sá eu que não queria acreditar, depois de ver ele todo, vi que minha mulher era pior que muitas meninas que eu levei pro motel, não podia acreditar que minha mulher era uma vagabunda, eu nunca ia imaginar que minha mulher tinha se quer sentido o cheiro de uma pica, ainda mais colocado uma na boca, pareium pouco pra pensar, depois fui ver meu colega e entendi que ele sabia, mais não sabia como me contar, chamei ele pra conversar ate que ele me confirmou que sabia e que não sabia a minha reação, pois eu falava bem demais dela com ele, que eu acreditava nela e talvez ficasse contra ele e ate perdesse a nossa amizade de muitos anos, mais o que ele me contou ainda foi pior que o video que eu assistir, ele me disse que esta tendo um caso com uma amigona de minha mulher, e que ela contou um monte de coisas a ele, que ela tinha um namorado e que sairam ela e minha mulher com esse tal namorado(e eu pensando que minha mulher ia pra igreja com a amiga mesmo) e que depois de um tempo esse namorado abriu o jogo pra ela que a amiga dela tinha dado em cima dele e que ele não aguentou e comeu ela, então ela tava fingindo ainda ser amiga de minha mulher pra saber mais coisas dela, ela ficou com muita raiva dela, e contou tudo pro meu amigo, e que foi ela que mandou o cd pra mim, mais que foi ele quem editou, o video tava no celular dessa amiga dela, e ela disse que minha mulher tem esse video no celular dela que ela disse que eu não mexia no celular dela que não tinha perigo nenhum, e era isso mesmo a confiança que eu tinha nela eu nunca nem se quer atendi o celular dela, ate ja peguei o celular tocando e levei pra ela atender, ela as vezes ia pra varando dizendo que era a irmã ou mãe ou ate a amiga mesmo, mais pra mim era tudo verdade, como eu ia desconfiar de uma mulher tão recatada, não tinha como, meu amigo marcou com a amante dele e foi pra um montel, mais eu fui junto com ele, eu queria saber da boca dela, ela ficou meio receosa, mais prometi que não envolveria ela, ela me contou que minha mulher me traia ate antes de nos casarmos quando ela morava na casa dos pais, me contou tanta coisa que me deu vontade de me enterrar de vergonha, ela disse que ela não era santinha e que ja transou varias vezes junta com minha mulher, que ja tinha feito suruba, e que da vez que eu viajei, elas foram pra casa de uns amigos e que passaram a noite com varios homens e que aquele video foi ela quem gravou, elas foram transar juntas com dois caras, cada palavra que ela descrevia parecia uma faca entrando em mim, minha ficha caia devagar, ate que pude acreditar que minha mulher era realmente uma vagabunda, fui embora e larguei meu amigo e a amante dele la, fui pra casa e não sabia qual era a minha reação quando minha mulher chegasse da casa da mãe, isso é se ela estava la mesmo, fiquei com aquilo na cabeça o dia todo, quando ela chegou, eu parei na frente dela, deu vontade de bater tanto nela, ate de matar e me matar, mais não sei o que deu em mim, eu peguei ela e comecei a beijar, e chorar, ela não entendia nada e perguntou o que tinha acontecido, eu abracei ela e pedi pra que ela nunca me deixasse disse que a amava demais, depois que me calmei e sentado no sofa eu menti pra ela disse que fui assaltado e que o ladrão estava armado e tinha ameaçado me matar e que sá pensei em morrer e perder ela, uma mulher tão maravilhosa dedicada e recatada como nunca tinha encontrado em lugar nenhum e que tinha orgulho dela ser essamulher direita e tão honesta e que eu daria minha pra provar a honra dela, ela começou a chorar e me abraçou, não sei se foi por arrependimento não sei, sá sei que eu não conseguir desmascarar o amor da minha vida, isso ja se passaram 6 meses e eu ate hoje finjo que nada aconteceu, na transa continua a mesma coisa, ela fingindo que é uma mulher direita e eu transo com ela imaginando tudo o que ela faz, eu pedi a meu amigo pra não contar nada disso pra ninguem, e conversei com a amate dele, eu de vez em quando saio com ela pro motel, e ela conta as coisa que minha mulher anda fazendo, eu transo com ela, dou as coisas a ela, como favor por ela não contar pra ninguem que minha mulher é uma vagabunda, quando minha mulher ta saindo, dizendo ela que pra igreja, eu fico imaginando que algum sortudo vai comer o cu da minha mulher e receber um boquete daquela boca tão linda, queria contar a ela que eu sei de tudo, que ela podia fazer de tudo comigo, que eu amava ela e não ia ligar, mais tenho medo que ela me deixe, que meu amorzinho fique com vergonha e va embora, não sei se vcs vão aprovar isso, mais eu sei que sou corno mais minha mulher é uma mulher maravilhosa e não quero perde-la pois a amo, então esse é um meio de me desabafar, pois tenho vergonha de conversar essas coisas com o meu amigo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de menina transando com o tio bonzinhomeu filho me comeucontos eróticos fode direitoconto erótico transformei meu filhinho em mocinha de calcinhacontos eroticos escondidojapinha.de.baixo da mesaconto prima virgem da buceta ensopada dormindo na minha camacasa dos contos eroticos/Três é demaiscontos eróticos família nua em casacontos eroticos de padrasto de rola de 30centimetros tomando banho ckm afilhadas novinhascontos eroticos mamae levou um homem pra mi come em casasou casada meu visinho novinho e. Lindo contosvideos zoofilia cavalos gozando na bucta epenetrandoContos.encesto.mae.desfila.de.calcinha.pro.filhoa menina contos eroticorelatos eroticos reais corno manso e apoixonadonegão mandou a rola com força no rabo da novinha se usa na cintura e não deixou escaparO reencontro entre prima e primo minha paixão conto eroticocontos eróticos nós pedimos senhor JoséContos eroticos de travesti com mendigoporno contos eroticos fui enrabada pelo meu irmaoSe masturbando conto com fotoconto erótico vizinha no baile funkmilhares de contos eroticos pai maecontos eroticos de vendas passei gelo no corpo delea calcinha da lulu contoconto marido do ladocontos eróticos gays cu de bebado nao tem donocontos eróticos comendo o cu do meu amigo da escola.comcontos eroticos esposa pega o marido fudendo a vizinha e entra na brincadeiracomtos arrobadadei pra passar contoscontos eróticos minha madrinha safadacontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimmenina cabaco ralando a calcinha no pau do amigocontos transei com travesti bem dotado tirando o c*****Meu irmão chupa minha maeacordei sendo com o pau do meu filho dentro da minha buceta contosgostosa dando a b***** pela metade de mim loucamenteChantageei minha tia escrava lesbica contocontos eroticos meu alunocontos eróticos gays a primeira vez com 24 anosconto erotico sexo pepinohistorias eroticas com saúnas masculinasconto erotico de menina virgem de sete anoscoroa amostranda a calcinha video feito casao amigo do meu marido me chantageou contosconto troquei de papel com a minha mulhercontos eroticos de quando chantagiei o velho pauzudo pra ele trasar comigoFui pra casa dela e.começou a nós beijadois gay fudendo violentamentw/entre simeu namorado me pega lanbuzada de outro contoencoxada bem arroxadavideos porno minha mulher me satisfazendo na cama presente de aniversáriocontos eroticos fui surpreendidoesposa e amante volarao a filha drama pornoconto erotico casada com dupla penetraçãocontos eróticos de a cona da tia aquela putaminha mulher confia em mim eu filmei joguei na internetcontos eroticos-melhores amigosbisexual contosirmãzinha nascendo peitinho contos eróticoscontos eroticos espertinhagaúcha conto pornoMeu+tio+ficou+brabo+com+migo+e+arrombou+meu+cu+conto+eroticoconto erotico viado velho humilhado por macho dominadorcontos erotico na prisãocontos eroticos d zoofilia cine maxcontos padrasto e enteadafiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos eróticos mulheres da b***** grandefilha tesudinha do papa contosicontos porno esposas estuprados submissoscontos eróticos comi a bunda da minha tia enquanto meu tio dormirsardentinhas ninfetascontos de negão advogado comendo loira clienteConto mete ai ai uiui no cuContos erotico comendo meu cachorrocontos eroticos casal viajando de ferias com outro casal junto conhecidoconto gay velho do ônibusmega rolas mega bucetas mega gozadas profundascontos eroticos papai me criou para ser mulhercontos eróticos de negras no metrôContos corno mansocontos de minha sogra cheirou minha cuecaporno velha peitos bicudo contosContos historias xxx sexo história verdadeira que comeu a sobrinha virgem que não queria darconvidei o Celso para enrabar minha esposacontos sonífero na esposameu padrasto viu minha buceta contos eroticoscontos erot.vizinho casado tirou minha virgindadeconto sentei no pau do meu tio com dez anossou casada madura mas na chacara bati uma punheta pro visinhominha vizinha poliana muito gostosa contoscontos eroticoa novinha chupou pinto do cachorrocontos comendo o cu da sograchantagiei minha filha casada conto eroticoContos garota vai para banho numa banheira hidromassagens linda vai primo depois levo o meu primo para a camapalhia de calcia preta nuaconto erotico dona de casa casada cantada