Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FILHOTA CRESCIDA!

FILHA CRESCIDINHA para fotos: lindaninfeta.cjb.net



- Sou casado com uma atrante mulher que ja era mae de um belo casal. Quando nos casamos o casal, do primeiro casamento, dela eram apenas crianças. O rapaz, um pouco mais velho, saiu de casa cedo, preferindo ir morar com o pai. A menina, Silvia, morou conosco ate os 19 morar e estudar nos EUA. O tempo se passaram ela voltou pra casa, ja com 19 anos. Me lembro o susto quando fui, com sua mae peaga-la no aeroporto. Era morena, voltou loira, oque ate ficava melhor com seus olhos verdes. Mas era tao pequenininha, e voltou com corpo feito. Estava com a cinturinha fina, mas tinha um coxão, uma bundinha arrebitada, seios firmes. Tinha ficado super gostosa. Dei um jeito de disfarçar mas quando ela veio correndo e me deu um abraço meu pau ficou duro na hora. Sua mae nao reparou nada. Voltamos pra casa e seguimos a vida como era, a nao ser o fato de que tive que me acostumar em ter uma adolescente em casa. E que adolescente. Chegava em casa cansado do escritorio, a patroa fazendo curso ou na casa de amigas e a filha la, deitada no sofa de bruços,vendo televisao, usando um shortinho jeans enterrado na bumbum, com camiseta colada, sufocando aqueles peitinhos lindos. Era uma tortura. E quando ela chegava da aerobica, toda suadinha, o colant super enfiado. Ainda assim ela fazia como quando era criança, me dava um beijo no rosto e vinha assistir qualquer filme sentada no meu colo. Ja estava dificil controlar. Nesse dia ela chegou do clube, com uma canga minuscula. Eu lendo o meu jornal na sala, e ela veio sentar comigo no sofa. Disse que estava com muita saudade do "paizinho", que estava com saudade do colo. Fazer o que? Falei que comigo sempre ia ter colo. Ela tirou a canga e eu nem podia acreditar. Estava usando um bikini asa delta branco que deixava ver tudo, era minimo. Ela se sentou no meu colo e pediu pra contar uma estoria. Nao deu outra. Aquela bundinha sentada no meu colo me fez ficar duro que nem pedra. E a minha "filha" percebeu. De repente ela ficou sem graça e fez que ia levantar. Eu segurei, nao estava mais aguentando de tesao, e tirei a parte de cima do bikini da garota. Ela disse - "so uma mamadinha nao tem problema" . Suguei aqueles peitinhos ate arrancar um suspiro da menina. Ouvi o barulho do carro da mae dela chegando e mandei a mocinha subir pro quarto e colocar uma roupa rapido. Dessa vez foi quase. Nos outros dias a situaçao ja estava meio chata, Silvinha andava com a cara fechada pra mim. Ate a mae ja estava desconfiando. Deixei estar pra ver como e que ficava. Como todo dia de manha, a patroa acordava mais cedo e ia caminhar na praça. Eu fui acordar Silvinha pra ir pra escola. Ela dormia como um anjo. Puxei a coberta e dei de cara com a garotinha usando uma calcinha preta super enterrada na bundinha. Sá!! Nao dava pra aguentar! Fui passando a mao naquila bundinha sem acordar a garotinha, cheguei a calcinha dela pro lado, mas foi enfiar um dedo na bucetinha que ela acordou: "o senhor e muito atrevido" ela disse, com um sorriso provocador. "E voce me respeite que eu sou seu pai!" falei com autoridade ja pegando meu pau e mostrando pra ela. Peguei a garotinha e coloquei deitada no me colo, como quem vai dar umas palmadas no bumbum. Ela começou a rebolar enquanto eu arracava sua calcinha e enfiava um dedo naquele cuzinho apertado e e outro na bucetinha mais linda que ja tinha visto. Silvinha. como um boa menina tratou de engolir minha pica toda. Ja louco de tesao, procurei provar o gosto daquela xana loirinha. A minha lingua explorava cada centimetro daquele grelinho que de virgem ja nao tinha nada. Ela gritava, chingava, pedia mais. A filinha era uma putinha na cama. Quando eu fui meter na buceta ela saltou da cama e ficou de quatro no chão dizendo : "papai merece o melhor. O cu". Fui encaixando a cabeça no rabinho da menina e ela me puxou. Enterrei o cacete de uma vez so. Ela soltou um berro. Enquanto eu comia o cu enfiava meus dedos na buceta dela. Gozei, deixei a bundinha da menina todo melada. Ela virou pra mim e disse: "sera que agora pode levar sua filinha pra escola?" Depois desse dia Silvinha so fazia o dever de casa com o papai.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


bucetudas com caralhudos/fotos e contoscontos eróticos mendigosconto erotico minha esposa narrando como foi comidacoroa deito e pediu pa enfia devagarsinho nu.seu.cuwww.mulher linda fazendo carinho pro cavaloficar de pau duromulher casada d********* dando a b***** e chupando o pau e g****** na boca com mendigoNegão e minha filha contos eróticoscontos eroticos maridos cherando escondido a calcinha da esposamasturbando com as amigas contoConto acho que minha mulher deu pra outro chegou em casa com a buceta machucadameu sobrinho insaciável na cama contoContos eróticos de lésbicas transando na casa da amiga de muitos anosSendo comida a força pelo neto contos eróticosporno chupei o peito e bucheta da minha cunhada ate ela cederfui enrabado pe lo o yravesti na baladamae jenmendo muito alto filho comendo mae no quartoContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadormim aromba sou puta mesmo fode meu cuComtos mae fodida pelo filho e sobrinhoviajando pra casa de minha tia fude minha mae com chantagem casa dos contosContos gay se beijando com esporra de outrocontos eroticos o velho me fez o gosar a forçaconto erótico encoxada primaQuero um homem ora mamar no meu peitomamae nao aguentou no rabo dei para salvar o casamento contisconto eróticos dp esposacontos bebi com meu tio e acabei transando com elecontos eroticos incesto fode meu cu mncontos eroticos de incesto mae massagista faz massagem no filho adultoporno contos subornei minha intiadacontos eróticos de vizinhas negras virgem e homes negrosContos eroticos o travesti inundou minha bucetaconto engravidei a cunhada rabudaMega gozada na boca contosacabei comendo meu amigoconto erotico minha mulher no assaltocomto erotico de esetos de novinhas vigevisão dos sonhos dos cornoscasa dos contos eroticos joguinhos mae pornodoido ela prguntou se doi dar o cuzinho.contos eroticos cu de esposa vermelho cheio de porra com fotocontos chupou meus peitinhos levantou meu vestido e puxou a minha calcinha e me rasgou e eu gritava de dorPorn contos eroticas. madura divorciadacontos eróticos gay malucomurhler.abusada.estrupradocomtos eroticos bebo porra de veilinhocontos erotico uma buceta peludaconto fazenda com mamaecontos eroticos na bundinhaminha sogra trepo com ela contoscontos eroticos meu irmao tirou mais velho tirou meu ca bacinhomeu patrão me pegou mastubando e chantageia conto eróticohistórias eróticas de empregadas rabudasmulher. safada. botado o leite do peito para forabucetao gggnegraconto erótico estrupei minha irmãcontos eróticos comendo meu melhor amigo que tava olhando pro meu pau.comcontos eroticos avo da minha esposa na mesma camameu pai meteu conto gayconto erotico chantagieicomi o meu sobrinhozinho- contos gayscontos de corno flagrei minha namoradacontos amigo dorme em casa esposaContos eroticos escrava mijosexo com a irmãzinha contos eróticosconto meu amigo comeu o cu da minha namoradaconto pai comprado calcinha para filha virgemcontos eróticos primos amantesCom doze anos seduzi meu vizinho coroa e ele comeu.minha buceta contos eroticosconto erotico doce bruninha novinha no colocontos sarro gostoso com meu genrocontos eróticos bucetas pequeninascontossexo minha mulher negro pausudoconto erotico gay "muro"papai me come porfavor contos eroticosContos Engravidei minha tiaConto erotico vontade de uma mae