Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DESVIRGINANDO A SOBRINHA



DESVIRGINANDO A SOBRINHA



Meu nome é Deco ,tenho 30 anos e o que vou lhes contar aconteceu a três anos,na época eu estava no primeiro casamento.



Minha esposa estava doente e depois que saiu do hospital foi passar algum tempo na casa da avá.

Nás tínhamos um bebê de dois anos que ficou comigo em nossa casa, como eu trabalhava uma sobrinha dela veio pra cuidar do nenê.

Fernanda* era uma ninfetinha linda, com 19 anos, seios durinhos, cabelos longos cacheados, morena clara, com a pele lisinha e com aquele jeitinho de menina inocente.

Eu já tinha visto antes, mas nunca reparei nela direito, até brincavam com ela, mas sem nenhuma maldade.

Comecei a perceber seu olhar tímido e ao mesmo tempo travesso que me deixava com muito tesão ,sempre desfilando pela casa com shortinhos minúsculos ou mini-saias e ainda tinha o mau costume de se sentar de pernas abertas.

Reclamava com ela vária vezes mas não tinha jeito,sempre dava a pala da calcinha e me deixava louco.

Numa noite na varanda e eu lhe peguntei se podia abraçá-la pois fazia muito frio,ela aceitou e quando senti aquele corpinho quente perto de mim,meu pau deu logo uma soluçada.Pensei que ela ia recuar porém ela se encaixou mais ainda em mim,nessas alturas meu pau estava totalmente duro quase rasgando minha cueca e short.

Ficamos ali por quase uma hora se, dizer uma palavra.

Na noite seguinte ficamos assistindo TV até tarde,quando a percebi cochilando no sofá.

Resolvi tocar seu corpinho virgem,primeiro toquei em suas pernas e fui subindo lentamente quando cheguei a sua virilha ela ressonou alto, então desconfiei que ela estivesse fingindo e continuei.Pus minha mão por dentro do shortinho e alisei a xana por cima da calcinha.

Ela abriu as pernas e suspirou mais forte quando eu pus minha mão por dentro da calcinha e alisei seus pêlos.

Beijei sua boca com extremo cuidado e ela retribuiu o beijo,ficamos nos beijando enquanto eu explorava sua pequena gruta com meus dedos.

Levantei-me e a carreguei no colo sem parar de beijá-la e a levei pra o quarto.

A coloquei na cama e continuamos a nos beijar freneticamente ,tirei seu top e presenciei a coisa mais linda, aqueles peitinhos durinhos sem nenhum pano pra atrapalhar.

Caí de boca e mamei feito um bebê ela se contorcia toda e gemia bem baixinho.

Passava as mãos em meus cabelos e roçava a buceta em meu corpo.

Tirei seu shortinho mas ela não me deixou tirar sua calcinha,ficou com vergonha.

Eu pensava que ela não era virgem,pois já tinha ouvido por alto que a flagraram com um garoto fazendo “ousadia”.

Ela também não me falou nada,botei a calcinha de lado e encaixe a cabeçinha na entrada da grutinha tentei mas não entrou de primeira,apesar de sua xaninha estar totalmente encharcada.

Continuei na entradinha,recuei um pouco e dei uma bela estocada que foi seguida de um grito, entrou quase todo então comecei a bombar.

Sua respiração era bastante forte e seu coração parecia que ia sair pela boca,eu já estava me sentindo no céu desvirginando aquela donzela.

Gemendo alto e dizendo que me desejava desde pequena...

E que a noite sempre observava eu e minha esposa transando quando ia passar dias conosco.

Essas palavras me deram mais tesão e eu fui bombando com mais força,sua xaninha engolia todo meu mastro de 23 cm.

Gozei bem no fundo da bucetinha, logo depois ela também gozou tremendo o corpo todo...fiquei até medo sá de vê aquilo.

Depois ela começou a chorar com medo de engravidar e eu a tranquilizei dizendo que ia dar um jeito.

No outro dia comprei a pílula do dia seguinte e dei a ela e...

FUNCIONOU!

Essa foi a primeira de muitas fodas incríveis com minha brinha.

Espero que tenham gostado e entrem em contato pelo meu e-mail: [email protected]





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Porno contos incesto aprendendo tudo com papai e mamae,desde cedo,carinhososconto gay vovô boqueteiroconto porno eu comi minha cunhada coroa de 69 anoscasa dos contos eroticos secredo da noiva conto erotico eu meu marido e o entregadoconto erótico estrupada no cinema porno sadomasoquismo contos de lesbicas que so queria chupa teascomendo moleque pegador conto gaycontos eroticosmeu namorado me encoxando camisinhacontos de velhas dos seios bicudoporno tranzado com a madrinha dormindo sem semtirconto erotico julio piroca grossa viciei na piroca enorme e grossa do meu tio e sou um menino viadinho contosconto erótico arrombei o fortãoconto erótico O Despertar de uma casadaporno gorda pula em cima do rosto da amigaContos eroticos reais ; tirei o cabaço do meu filho ; contei para minha amigaver contos erótico está na real primo com prima gordinha gostosacastigando mamilos com grampos contoContos heroticos brincando de cazinha com a priminhawww.contos de a primeira gozada no incestocondos erodicoscontos pequei minha prima com o namorado dela e chantajiei elaconto erotico mulher casada ajudano um mendigo pirocudoCasa dos Contos Eróticos nora gostosa no banheiroasfantazias das mulher de pornoContos eroticos comi uma mulata rabuda conto namorado putinha dóminha iniciacao gay sendo a mulherzinha do negao contos pornocontos eróticos comendo três crentes numa so noite com soniferoo importante e gozar e ser feliz conto eróticocontos eróticos mulatabebemos muito e gringo comeu eu e minha esposaLanbi minha avó conto erótico Sou casada fodida contocontos eróticos locador com comeu a inquilinavhupou minha buceta lesbicaconto eróticocontos de estupro na praiaMamae de camisola educada sinsera contos casadosconto erótico doze anos.conto erotico virei puta e meu marido cornoContos eroticos casada na excursãominhas duas primas me chupando o palcomi minha madrinha na casa dela contoscontos eroticos o passado da noivaContos eroticos novinha desmaia de tanto gosacontos de sexo gay puto chupador de pau conto erotico esposa sofre no pintaocontos:meu pinto endureceuconto amor de cornocontos eroticos de freiras com jeguesConto comi a mãe da minha namoradaContos Eróticos Minha Amiga Deu Pra Meu Filhocontos bebi com meu tio e acabei transando com elecontos eróticos gay sobrinho conto atochada corno xxxcontos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãoconto dando akigos do namorado festaconto gay submisso apanhasentando no colo da irma sem cueca-contosconto erotico meu marido qieria me ver de quatro levando rolaConto erotico da mãeprimeira vez que dei cu pedreirocontos eroticos de incestocontos eroticos de incestos mãe e filho jumentoqueria comer meu anelzinhoconto erotico sendo castigadacontos comi a bunda da minha maeMeu sobrinho me fez gozar gostoso contos eroticos de gayscontos eróticos sogra pediu pra ver minha rolaum conto gozando no motelporno contos subornei minha intiadaSecretaria inocente contos eroticosconto tia velha safadacontos eroticos de feiatitio me levou pro mato e me comeu virgemtransando vendada contocontos eróticos de quando dei o cu pela primeira vez cheguei peidar de dor