Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEPOIS DA BOATE - CORNO

Ola amigos, estou de volta pra contar mais uma aventura nossa, hoje vou contar de uma vez que encontramos um garotão em um barzinho, ele começou a paquerar a minha mulher e eu o convide pra sentar em nossa mesa, bebemos um pouco e eu dei caipirinha a ele pra ficar alegrinho mais rápido, depois fomos em uma boate, e lá que a coisa esquentou, todos já estavam meio altos, eu tinha bebido menos, quando eu chamei ele e disse que éramos um casal liberal, e que, se ele topasse poderíamos ficar a noite toda juntos, minha esposa já tinha dançado com ele, e insinuado um pouco, ela dançava com ele bem provocante. Já não nos aguentávamos mais de tanto tesão e fomos para um motel na saí¬da de Goiânia.

Pegamos uma suíte espaçosa, e começamos a festinha. Ficamos os três pelados. O Roni tinha uma pica muito grande e grossa e ele começou a acariciar minha esposa e ela a chupar seu cacete. Eu fiquei olhando e esperando ela me chamar, mas ela ignorava totalmente a minha presença, depois ele comeu ela de todas as formas e ela aos gritos e olhando pra mim, dizia: -Ai amor, esta bom demais. Nossa que maravilha de macho que você arrumou...aaaiii...uiii...mete...mete gostoso...mostra pro meu corninho como se mete numa mulher...olha amorzinho o pau grosso que ele tem...vem colocá-lo na minha buceta vem...Poe o pauzão dele na minha entradinha ..quero esse pau gostoso todo enterrado na minha bucetinha ta...você gosta de ver sua mulherzinha sendo fodida por outro homem?...gosta em...fala pra mim, fala...agora pega o pau dele e põe na minha boca vai...quero chupar bem gostoso este pauzão...isso meu corninho...agora quero que você chupe minha buceta com o pauzão dentro e depois vem me beijar na boca pra você sentir o gosto da pica dele, ta corninho?...seja obediente....viu? Ficaram assim por uns vinte minutos e ela já tinha gozado um monte quando o Roni tirou de sua buceta e colocou em sua boca....ele gozou um monte, lambuzou todo seu rosto. Ela engoliu um pouco da porra e o restante passou nos peitos e em seguida me chamou pra chupar sua bucetinha e sua boca melada de porra do pauzudo. Meu tesão era tanto que o fiz com maestria, comecei beijando-a, depois fui descendo e limpando toda a porra que tinha em seu peito, barriga, ate chegar na buceta, que estava toda melada dos orgasmos que ela teve, gozei sobre ela. Depois fomos todos pro banheiro, e lá começou a pegação novamente, ela ajoelhou e começou a chupar nos dois, quando olhou pra mim e disse: - Amor, vem me ajudar a mamar nessa mangueira. vem sentir o gostinho do pau que vai comer sua mulherzinha novamente, vem meu corninho, sei que você está doido pra sentir esta picona na sua boca. Coloquei-me de joelhos e ajudei ela a mamar aquela pica, que mal cabia nas nossas bocas. E chupamos por uns dez minutos. Que sensação gostosa em dividir o pinto com minha esposa. E logo o Roni virou-se para mim e disse:

-Vem mamar meu pau sozinho, meu viadinho. Vem chupar meu caralho.

Assim fiz abocanhei o caralho dele, grosso e bem duro enquanto via minha esposa bater uma siririca. Que tesão. -Uhmm que mamada gostosa que o teu marido faz, ele tem uma boquinha de veludo. Aí ela disse:

-Esse corno é especialista em chupar pica, não é amor?. é bom mamar num pinto duro né, amor? -Quero esse caralho na minha buceta, corno do caralho.

E ai, pegou no pinto que eu estava mamando e disse: - Vamos pra cama, vamos. Quero levar esse caralho na minha buceta e depois quero que coma o cu do meu marido corno, não é amor? Fomos pra cama e o pauzudo deitou em cima da minha esposa e disse: -Quero fuder agora essa boceta de puta. E virando pra mim disse: -Oi corninho, vá bater uma punheta que depois vou fuder teu cu.

E minha esposa emendou: -Fode mesmo o meu corninho, fode bem gostoso o cu que ele gosta não é viadinho? E ele tirou o pau de dentro dela, me colocou de quatro e veio me enrabar, ele foi metendo o caralho todo no meu cu. Que gozo!

Minha esposa olhava pra mim e dizia: -gosta deste caralho, corninho? Gosta de pinto no cu não é meu viadinho? Grande viado que é, alem de corno, é viado!

Ai eu disse: - Goza na minha boca, quero beber todo o leitinho do teu pinto.

Ele tirou do meu cu, e gozou, fez-me chupar seu pinto gozado ate limpar tudo.

-Viu corno, como é gostoso encher a boca de porra de outro homem? Me dá este pau pra que eu lamba um pouco. E assim ele fez, ainda gozou dentro da buceta da minha esposa, que gentilmente me convidou a limpar, e disse assim:

-Vem corninho, vem lamber a buceta da tua mulherzinha, lambe a porra que o meu macho gozou, vem viadinho, vem corninho, é sá pra isso que você presta mesmo.

Claro que eu obedeci fielmente, e deixei a bucetinha de minha esposa limpinha.

Terminamos a noite no motel, e quando acordamos, por volta do meio dia ainda demos mais uma trepada de despedida.

Sei que vão me achar depravado, más tenho certeza que todo corno quer dar o cuzinho pro pau que come sua mulher, uns têm coragem, outros pensam e gozam.



Alex & Elisa



Email: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadoscontos eroticos incesto a neném do papaivoyeur de esposa conto eroticoo sobrinho do meu marido comeu meu.cupelado amarrado contosRelatos de gay quie derao ao pedreiro saradocontos eróticos eu e minha amiga transamos na baladaconto gay fui estuprado por dois velhos negoesContos eroticos caseiro entre irmaos na infancianovinha gostosa dando a bucetinha bem gostosinha bem branquinho bem aspacu da irma madura contos fotos ilustraçoesrelato erotico meu filho gosa nas calcinha minhasconto enfrentando um pau grossotransando com meu brotherquero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhocontos erotico suruba com negaocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontoseroticosdeincesto/irmaoeirmatransando com minha cunhada ela chupando meu pau aquela boca vermelha de batom"relatos eroticos" piscina "cunhadas"chupou tio i phonecontos eróticos contei detalhes absurdos da picaesposa na praia de nudismo passa lama contoé bom chupar pau cheio de sebo contos eroticosconto de sexo um garoto ficava esperado uma coroa passa na rua eu fico de pica duraconto eriicos eu e minha esposa passamos dos limitescontos eróticos gay lambendo rabo peludo de machocontos eroticos crente na cadeiareais conto de incesto mamae mi deu pro pai e irmao mi comereu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eroticos de enteadasmeu pai gozou no meu cu contos gayaconto chantagem com a patroasou travesti eu tirei a virgidade da minha amiga ela choroumeu irmão sempre goza na minha boca conto erotico como comer a sobrinha da esposaestuprada na festa contos eroticospintelhos na transparencia das cuequinhasesposa perdeu a aposta contoscachoro da familia gozando detro da buseta da mulhehttp://zoofilia deixei o dog meter na minha filha.contoscontos putaria de crentesporno marido da vizinha foi viajar e fui pozar na casa delaminha dani me fodeu me quando dormiconto erotico gay negao escraviza viado afeminadoTennis zelenograd contoquando novinho viciei em da meu cuzinhocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eu era enrabada toda noite pelo taradoDeu o cu sem querer querendo contorola mole rola dura bate até que furaporno com negao e sitremeucontos com leite na bocamega rolas mega bucetas mega gozadas profundasdei a buceta pro catador de lixocontos erotico grande foda com a minha namoradaContos eroticosmenina de dez anos fazendo sexomelhorescontos eróticos gosando pelocunovinho da pica gigante atolando no mulequeinhoFODA GRAVE arrombando ninfetinhaContos er¨®ticos duas rolas no mesmo buracoContos crossdresserContos minha filha de biquínicontos airoticos gay desmaiando no pau do padrasto quando passo o dedinho no meu cu fico com abuceta toda babadaconto erotico esposa con muita dor n pau d molewueconto de Esposa que traiu o marido e confesso para elecomendo o primo e olhando pela janela contos minha filha e as coleguinhas tomando leite de minha picaputinhasinocente