Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

GOSTO DE APANHAR(ESPOSINHA)

Meu nome é Sandra, 40 anos, sou casada com Marcelo 46 anos.Eram 15:00 hs quanto meu marido(senhor)chegou.Estava sozinha pois nossa filha estava prá escola.Tenho corpo gostoso, seios medios, bunda gostosa,cabelos até o ombro, sou branca, o cú e a buceta rosados.Já tenho cú arrombado.Estava de short e camiseta de ficar em casa.Bem , vou confessar uma coisa prá voces, gosto de apanhar.Sou como dizem , mulher de malandro mesmo.Meu senhor chegou mal humorado, a muito não conversava-mos, acho que ele quer a separação.Sentou do meu lado, disse que queria a separação.Começei a chorar , então meu senhor me disse:Para de chorar, chifruda mansa.Quer apanhar, quer?Disse para o meu senhor que não, que faria qualquer coisa para melhorar.Então, fechou a cortina do nosso quarto, mandou eu abaixar o short.Abaixei o short e começei a apanhar na bunda, batia violentamente, mandou eu arredar a calcinha , porque gostava de me bater olhando pro cú e prá buceta me deixando humilhada, fazia isso em sinal de respeito.Disse que não aguentava chegar em casa e ficar olhando prá mim, um traste inútil, mulherzinha filha da puta desarrumada.Então, meu senhor arroncou o cinto da calça, começou a dar correiadas em mim.Tinha que contar e agradecer as correiadas na bunda.Conta e agradecer.Mandou eu empinar mais a bunda , pedia a separação.Disse que não.Meu senhor batia e chutava meu traseiro.Estava humilhada e também lôca prá ganhar no cú e na buceta.Ganhei muita correiada nas costas, no cú, nas pernas, na buceta.Na buceta , meu senhor fazia questão de bater com a mão.Já estava com a buceta inchada, com corrimento misturado com urina.Enquanto apanhava, tinha que ficar segurando o cacete duro dele.Era muito mal tratada e humilhada o tempo todo.Meu senhor me disse:Anda esposa piranha do cú arreganhado, esposa prostituta,corna mansa chupa meu caralho anda.Chupava aquele caralho com vontade, enquanto ele batia na minha cara.Quanto mais eu chorava , mais ele se aproveitava da situação.Eu estava totalmente submissa a ele.Deixava ele fazer o que queria de mim.Quanto mais ele batia, por dentro eu queria apanhar mais.Gosto de surra.Novamente pediu a separação.Disse que não.Me mandou ficar de quatro igual a uma cachorra.Me agredia com palavras e surrava minha bunda , enquanto metia em mim.Minha buceta pedia caralho.Que fáda gostosa, minha buceta estava tão molhada, eu estava com muito tesão.Disse que não merecia aquilo, apanhar daquele jeito.Meu senhor respondeu:Mereci sim, puta safada, mulher de malandro, sua cara não queima não?Você gosta de apanhar né?Apanha apanha e fica aí levantado a buceta prá mim.Deixa eu colocar o caralho aonde eu quero.Você não tem jeito, puta infeliz, puta desprezivel, gosta de tomar surra.Chorava , balançando a cabeça fazendo que não.Enquanto falava essas coisas, mandava a vara na minha buceta.Me dava pica.Teve uma hora que ele tirou , mandou uns cinco tapas tão fortes , que eu mijava enquanto comprimia o cú e a buceta.Me mandou ir para a cozinha buscar a vassoura.No quarto ,tive de enfiar o cabo da vassoura no cú.Ele então pegou o cabo, ficou me estrupando enquanto eu ficava alisando o caralho dele.Me chamava de cú arrombado, que as mulheres que ele comia na rua não eram daquele jeito não.Chorava de tanta humilhação,falava com ele que eu tinha cuzinho.Tirou a vassoura do meu cú e foi logo me enrrabando.Comia meu cú com vontade.Mandou eu gemer prá ele.Estava lôca, estava gozando, gemia igual uma puta sem vergonha, esta gozando como nunca.Que rôla gostosa no meu cú.Ele disse:Gozando no meu caralho, né?Apanha apanha e gosta , puta imprestável.Anda me faz gozar, vê se ao menos presta prá isso.Tirou do meu cú,então enfiei ele na buceta e fiquei rebolando naquele caralho com ele deitado na cama , quando meu senhor estava quase gozando, mandou eu punhetar prá ele gozar no chão.Obedeci e logo meu senhor lançou aquele jato de porra .Me colocou prá lamber toda aquela porra .Meu senhor me chutava na bunda enquanto lambia, segurava no meu cabelo, esfregando minha cara no chão como se tratasse de um animal.me mostrando qual era o meu lugar.Depois me mandou colocar a roupa.Me arrumar prá buscar nossa filha.Já pronta prá sair, tive de ficar de quatro prá ele chutar meu traseiro de novo.Me abaixei e fiquei esperando.Depois que me chutou aí então eu saí.Faço tudo, qualquer coisa prá não ficar sem a pica dele.No fundo , mesmo que eu nunca confesse isso prá ele, ele sabe que gosto de apanhar e ser humilhada.Sei que ele nunca vai se separar de mim, pois ele sabe que sei realizar todos os desejos dele, Estamos juntos a 19 anos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de infânciawww.porndoido.com.be/tio esfregando cabeça do pau na buceta novinha dormindocondos erodicos con maesoferece casa para meu sobrinhoCabaço novinho gozando dentro da tia escondidocontosmeu padrasto cavalo 2. conto erótico heterossexuais.dando no ônibus contoscontos eróticos menina de 25 anos 25 anos transando com cachorro com calcinha preta com as unhas vermelhasconto erotico vovó cuidanto de um estranhocontos eroticos iniciando nudismocontos eróticos mamãe mim deu de bandeija para seu namoradofudendo a boca da namorada/contos eróticostexto mae cuida filjo asidentado filho fodeu bucetaMeu marido comeu a minha filhaO pau que eu sempre quis contos eróticoscontos.erodicos.de.meninas.peitudas.e.mulequinhoscontos comendo o cu da sogracontos do caralhocontos eroticos homem casado dando ocucontos paguei mais comi a putacontos eróticos de sarados dotados jovens dominaçãoconto - ela pediu ajuda das amigas para perder o cabaçocontos eroticos meu excontos/ morena com rabo fogosoconto gay meu querido subimisso 29cottos. curmir minha enteada novinhaidoza caseta toda gozadanetinha alizada pornodoidoComi+o+cuzio+da+mia+intiada+aforsa+conto+eroticocontos eroticos festa no cu da menininhaestorias eroticas meu cunhado emfiou o dedo no cu da minha esposa dormindocontos sobrinha veio cuidar da sogracontos eu durmo de saia sem calcinhacoroas enxutas se masturbando com tocas na cabeçamenina de calcinha pornoe chiorts curtosnao conseguiu meter porque me bunda e grande incesto contospodolatria com a mulher do meu amigo conto eroticoconto erótico gay iniciado pelo meu tio do pirocaominha irma seu cu cheiroso contoschupando a bunda da daniele enquanto ela dormia 2eu tenho 22 anos de idade minha tia linda e gostosa ela e separada do seu ex marido minha tia ela me convidou pra eu ir viajar sozinho com ela pro litoral no final de semana eu e minha tia fomos sozinhos no seu carro pro litoral eu e minha tia fomos pra um hotel minha tia disse pra mim meu sobrinho vamos pra praia eu disse pra ela vamos tia pra praia minha tia foi pro banheiro ela saiu do banheiro com um biquíni fio dental eu disse pra ela tia você e linda de biquíni eu fui com ela pra praia minha tia disse pra mim pra eu passar bronzeado nela eu comecei a pensar bronzeado nela eu e minha tia fomos embora da praia pro hotel minha tia disse pra mim pra eu ir tomar meu banho primeiro no banheiro eu fui pro banheiro toma meu banho eu sair do banheiro minha tia foi pro banheiro toma seu banho eu fiquei deitado na cama minha tia ela saiu do banheiro enrolada numa toalha minha tia tirou sua toalha na minha frente ela ficou nua ela deitou na cama ela me deu um beijo na minha boca ela disse pra mim meu sobrinho fode minha buceta eu chupei seu peito eu disse pra ela tia sua buceta raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta ela gozo na minha boca ela pegou no meu pau ela disse pra mim sobrinho você tem um pauzao ela chupou meu pau eu comecei a fuder sua buceta ela gemia no meu pau eu fundendo sua buceta ela gozo ela disse pra mim meu sobrinho fode meu cu conto eróticocontos eroticos entre camioneirossuruba dios cachorro macho dando o cu contos de incesto por chantagem do filho com a maecontos sexo a ninfetinha tarada e virgemconto erotico esposa sofre com o negaodelicia conto heteropone encaxa tudo na morenaconto erótico cantada pesada na ruanegrinha brinca com roupa de escostar homemenchi minha buceta greluda de pora pro mru corno chuparele ela conto erotico japonesa casada e a reforma da casaescova contos eróticoscontos eróticos real de cunhados que engravidaram suas cunhadas contos brasileirosconto gay viciei na rola do negÃoconto abriu a bundaContos de 2 amigas fudendo com primomeu padrasto fou no meu quarto vcontosconto erotico em familiacontos erotico com mim afilhada sem calcinhahttps://cheapjerseysfree904.top/celebritysexstories/m/conto_972_putinha-desde-novinha---o-velho-tarado.htmlContos dei pro meu sobrinhona fazenda do padrinho conto contos eroticos depois daquela pica a buceta da minha esposa nunca mais foi a mesmaporno contoeróticos papaigostosãocontos safados inversão e dominaçãoConto de vadia explorada por muitos machosconto estagiaria chefeporn contos eroticos casada se prostituindo para ajudar em casaEu já não era mas virgem quando meu pai me comeunoite maravilhosa com a cunhada casada contosContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cuAbrindo as pernas para o sobrinho contoconto sozinho com minha sogracontos eroticos esposas no swingcontos eroticos piscinaconto erotico o dia que minha esposa perdeu ascpregas do cutentando comer a sobrinha contoscontos dei para meu cunhadinho novinhocontos eróticos Sogras Gordas mais recentes Contos.erotico.mae.filho.depois.do passeio.na.praia.conto erotico amiguinha da minha irmanzinhaContos eróticos vigiaconto madrasta peludaSobrinho.fudendo.tia.deitado.no.peito.dela.da.tia.delicontos eroticosdecoroas casadas louca por bem dotadoscontos eroticos madasdra 2Mamae mandou papai tirar meu cabaço historia completa