Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ALIVIANDO A TENSÃO...

Eu estava com dezesseis anos e fui para a casa de minha tia, no interior do Estado do Rio, para estudar para as provas de final de ano; naquela casa, residia minha tia, com aproximadamente trinta anos, a minha prima de dezoito aninhos e meu tio, um oficial da marinha de guerra do Brasil.

Eu ficava hospedado em um dos quartos de visita, onde passava a maior parte do dia, somente estudando ou fazendo a leitura de algum livro. No terceiro dia naquela casa, eu comprava uma revista de sexo e estava me deliciando numa punheta quando minha prima entrou no quarto, sem bater, e ficou sem graça, pedindo desculpas por ter entrado sem avisar; rapidamente vesti minha calça e disse-lhe que estava eu apelando, pois já estava quatro dias, sem ver minha namorada; então Ana sentou-se ao meu lado e espantada indagou se eu já transava com a namorada, no que lhe respondi que era obvio, pois se eu não o fizesse, alguém faria; então, Ana colocou a mão em minha perna, enquanto conversava e como estava de saia, acomodou-se na cama, de tal maneira relaxada que mostrava-me a calcinha transparente que usava.

Fiquei excitado e não consegui esconder, pois eu usava uma calça de tecido muito fino e destacava o tamanho de meu pinto; em certo momento fiquei paralisado olhando a calcinha de Ana, que ela me chacoalhou dizendo...”nanau...você está hipnotizado?” e eu rapidamente “acordei” e fui-lhe sincero, “Ana...fiquei cheio de tesão, olhando você nessa posição e estava viajando...”.

Então Ana disse, levantando da cama: “ e se eu ficasse assim” ...e foi baixando a saia...tirando a blusinha e o sutiã e aquela calcinha transparente...

Meu pinto neste momento estava com toda a potência e também levantando, segurei firme na cintura de Ana e fui beijando aquela boca carnuda...descendo por aquele pescoço branquinho...beijando aqueles seios turbinados e aquela barriguinha, com certa saliência da cervejinhas...Ana apertava minha cabeça contra seu ventre e fui descendo...uma virinha sem um único sinal de pêlo...rosinha e com uns lábios que modelavam aquela vagina muito bem feita...eu passava a língua em seu clitáris, que ficava intumescido e de um tamanho que antes eu não vira, colocando-o em minha boca e chupando-o deliciosamente;

Passava a língua no interior daquela buceta e Ana deixava o corpinho dela vibrar de tesão, segurando minha cabeça e levantou-me e chupou-me os lábios, como para sentir o gosto que eu pegara na vagina dela.

Ana então baixou-se e chupava meu pinto, como minha namorada jamais o fizera...levando-me ao delírio...quando eu estava a ponto de gozar, Ana direcionou o jato para a barriguinha dela e ficou toda melada e esfregava aquele corpinho contra o meu, em deliciosos movimentos circulares, que espumava todo o esperma.

Ana levantou-se e saindo do quarto disse: “espero que eu tenha aliviado a tua “tensão”...na práxima que ficarmos sozinhos em casa, quero testar se você é bom em me fazer gozar...principalmente em um anal...”.

Como o quarto é uma suíte, fui tomar um banho, mas não tinha a menor vontade de fazê-lo, para não perder a vibração daqueles momentos...

Na práxima oportunidade narrarei a vocês nossos práximos encontros...



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos - praia de nudismocontos eroticos com orgia de cdzinhasA briga do casal contoscontos tia me deveContos erotico marido corno bebedor de porraCunhada olhando o volume do cunhadoContos eroticos categoria velha cavalacontos eróticos caseiros com o filho rapaz do patrão"mãe virgem no ânus fez anal pela primeira vez com o filho relatos eróticos"conto erótico mulheres teve coragem sexo cavaloscontos eroticos fudendo garotos hetesexualcurtos relatos eróticos de estupro fortipeguei meu amigo f****** as tetas da minha esposa na cozinha contos eróticoscu virgem arrombou negao conto quando passo o dedinho no meu cu fico com abuceta toda babadaContos gay encontro com o estranho da rola grossacontos eroticos corno oferecendo namoradacontos erotico gay negro dando pra brancocontos eroticos de enteadasminha esposa revelou ser muito safadacontos de sexo entre cunhada lesbisca e a namorada do irmaoporno bundas muitissimo leve ou seja moleconto comi uma buceta muito apertada que doeu meu paucontos eróticos calcinha molhada de xixi na hora do sexofodi a minha mae enquanto dormiaContos tia e sobrinho com fotoseu confesso adoro provocar meu cunhadocontos eroticos convenci meu priminho vestir a calcinha de sua maefui trabalhar e meu marido usou minha calcinha fio dental contosmae acorda de fio dental vai na varandachupei a pica do colega de escola eu gostei sou gaycontos erótico ginecoligista e novinhaconto erótico de novinha virgem sobmissacomi uma gorda contoscontos femininos padrinho analcontos cunhada crenteconto flagrei meu marido dando para um garoto de programacomendo a boca da prima contocontos eróticos minha avó é uma p***Tia de seios grande gozando na pissa do sobrinho,conto eróticoVim passar férias e comi a tia peitudaesposa seria se bronzeando em casa contoloirinha bem branquinha dos olhos azuis dando seu cuzinho pequeno apertadinho e fal q ta doendocontos eroticos minha esposa com nosso filho na cama eu me mastubandoFui pra casa dela e.começou a nós beijaconto erotico menino novinho masturbava no quartominha diretora me seduziu contostarado istrupado isposa do corno amaradocontos porno.vendeu o cuDei o cu e arrependi conto erótico gayPorn contos eroticos o mulato amigo doo filhoporno coroa da boda mole de fiodetaosobrinha gosta de sentar no colo do seu tio so de vestidomae gorda rabuda fode com o filho apois a viagemadoro quando me visto de camisola e viro femea. conto gayContos eróticos no banheiro da escolaContos corno bravo e pau grandeconto erótico a filha novinha muito novinha de minha ficante penetrei ela durmindo Pornô rosto crispado de tesão pornô no matoconto erotico fico tarado.cim uma buceta novilha babadinhacontos minha irmãzinhacontos de sexo sogroxvidio travesti ta duendocontos homem que virou mulherzinha do amigo terceira idade de calcinha no cucontos eroticos mulher e amigaconto erotico minha irmãContos eroticos - me come vai, mete maninho.gay novinho e o pepino/contos eroticospiazadas da favela comendo velhas rabudasesposa comvemceu maridu deixa. ela da para outro..comtos eroticoscontos eroticos2018 bh