Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SATISFAZENDO A PATROA

O caso que vou narrar aconteceu ha alguns anos atras, quando trabalhava em uma Fazenda perto daqui. Meu serviço era, todo dia, encher o caminhão com a produção da Fazenda e distribui-la pelos mercados da cidade. Minha patroa, vamos chama-la de Marcia, era quem coordenava meus trabalhos. Ela e seu marido, Pedro, são os donos da Fazenda, mas realmente quem cuidava era ela. No fim do dia prestava contas a ela, e ajudava a planejar as entregas do dia seguinte. No começo ela era bastante seca, mas com o passar do tempo foi ficando um pouco mais amiga, fazia piadas e comentava as noticias do dia. Certa vez, notando seu ar cansado, comentei que ela precisava de ferias, que devia deixar o trabalho para seu marido. Ela entao, com um ar de sarcasmo, comentou que, se fosse pelo João, a Fazenda já teria fechado ha muito tempo, qu ele acordava depois das nove e so' se interessava em ir pescar, nem na cama comparecia mais. Percebendo que falara demais, ela fechou a cara e mudou de assunto, mas fiquei com aquilo na cabeca, e nasceu nesse instante um desejo de dar pra ela aquilo que ela não tinha. Passados alguns dias, quando fui com Marcia verificar o estoque, cheguei-me por tras e, sabendo que não havia ninguem por perto, agarrei-a e abracei-a, acariciando seus seios. No inicio ela tentou se desvencilhar do abraço, mas sua resistencia nao foi muito grande, como se já esperasse esse ataque ha muito tempo. Começamos a nos beijar e acariciar, ela passndo a mão por cima da minha calça, deixando minha ferramenta dura como pedra. Mas como o deposito nao dava condições para fazer nada mais, combinamos de nos encontrarmos na cidade, antes dela pegar as crianças na escola. Por volta das onze horas nos encontramos na periferia da cidade, como combinado, na casa de uma amigo meu, que estava de viagem e deixou a chave para eu tomar conta. Ao entrar na casa, sabendo que nosso tempo era curto, aquela mulher baixinha, com jeito acanhado, se transformou, tirou logo a roupa e veio para cima de mim, puxou minha pica para fora e fez a chupeta mais gostosa que ja me fizeram. Quando consegui finalmente tirar o resto da minha roupa, fui por cima e, com jeitinho, fui enfiando em sua xana. Ela entao começou a gritar e a chorar, fiquei até com medo dos vizinhos chamarem a policia. Mas quando tentei parar, ela implorou para que continuasse, que estava bom demais, que fazia muito tempo que nao tinha tanto prazer, que o corno do marido dela nunca soube foder de verdade. Fui então aumentando o ritmo enquanto dona Marcia ia aumentando os gritos, até que não aguentei e inundei a xana dela com meu líquido quente e espesso. Como já estava na hora, paramos por ali, mas com a promessa de repetir tão logo a oportunidade surgisse. Dias depois, Pedro, seu marido, resolveu sair por uns dias para pescar, o que normalmente deixa dona Marcia irritada, mas desta vez parecia até satisfeita. Naquela noite, depois de fechar as contas das entregas do dia, fiquei enrolando enquanto os outros funcionarios iam tomando rumo, entramos então no caminhão e começamos a nos beijar. Ela disse que o cheiro de suor daquela cabine estava deixando-a mais tesuda, e sem esperar mais nada, praticamente ela me estuprou, veio por cima, cavalgou minha pica sem descanso até extrair dele a última gota de porra. Não satisfeita, me fez prometer voltar de madrugada, perto da meia noite, para nos amarmos no quarto deles. Foi naquela noite que ela me ofereceu seu cuzinho, que eu comi com maestria, sempre com bastante carinho. Ela gemia e dizia que seu corno nunca comeu direito seu cú, que gozava rapido demais e sá deixava dor, sem prazer.



Com o tempo, fui me afeiçando por aquela mulher, e acho que ela a mim, mas por algum motivo ela resolveu terminar e me mandou embora, pelo menos com uma boa quantia de bonificação que eu entendi que era minha recompensa para ficar quieto e longe da vida dela. Como a respeito muito, nunca mais a procurei, mas se ela precisar de um ombro ou uma pica, largo o que estiver fazendo pra ir encontrá-la.



Ass. Macuxi.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


como meu marido virou corno III kellyContos dando cú Apanhandovoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos de homem chupando a buceta esperadaum careca inesquecivel contoscontos eróticos sogra pediu pra ver minha rolalesbica em cima da outra pelada fudeno com vantade no cu enguato ela dormecontos erotico de mulher traindo marido n onibusCasada narra conto dando o cuminha vizinha de camisetaconto erótico irmaconto erótico comendo a colega do Institutofiquei 2 semanas sem masturbação quando masturbei explodiu porra para todos os ladoscontos eroticos comendo cu da amiga e da mae delaconto de primo troca trocacunhado oferceu dinheiro pro garoto de 12 aninhos ficar peladinho contos eroticoscasada relutante cedeu desconhecidoConto erotico comi minha aluna virgemconto de desmaiei com a pica grande no cuchupadinha no xibiu contoscontos eróticos mamãe puta do meu amigoconto fui entubado quando molequeConto meu pai me cumeu com meu marido em casao sonho da minha putinha ea ser estuprada poe varios e eu realiseicontos erotikos menina de menor dando o cu a troco de balacontos eróticos de pai e filhacontos eroticos mistrando a cidade e os moteis para o amigo de meu maridoEla fudeu com sogroconto erotico velha so trepa com novinhoconto gay acordado pelo dotadoconto erotico gay viciei na porramarido falou p esposa nahora da transa q dar o cu era bomcontos de cú por dinheirocontos eroticos de padrinhos super dotados comendo casais e comadresconto erotico silicone .novo da mamaequeria saber mulher realista metendo muito morena peitudao lubrificante feminino é melado e pegajosoconto adoro um cu de gordachupei palai e depois ele me fudeu contos eroticoscontos eroticos sexo com minha empregada de vestido curtinhocontos erticos de ninfetasdepois do anus e da vagina tem outraentrada pro penis entrar?calçinhas meladinhas nelasConto erotico dando para meu irmao mais novo e eu sou mais velhacontos eróticos gay meu cunhado dotadoContos.eroticos.me.dava.banhocontos;casada chantageada fufe.do com vsrioscomi a filhinha conto eróticorelato erotico casada e amiga pau de borrachaContos eroticos .meti com sogrocontos eroticos que corpasso ,bunda coxas grossascontoseroticos cagando na boca do viadoconto eroticos gay meu primo comeu meu cucontos euroticos eu e meu filho comendo minha empregadacontos eróticos amadores com fotos de casais realizando fantasias de Megane masculinoCont erot tic dormindouma dp muita dor mais deliciosa conto.conto porno come o cu da minha cunhada e a amante e sua amigamulheres peladas encostada no pe de cocohttps://cheapjerseysfree904.top/celebritysexstories/conto_30451_dominei-minha-cunhada-dominadora.htmlcontos eróticos de chantagem reais com fotoscontos eroticos natalia faz marido corno e viadoconto erótico de tiazinha rabudaminha tava nua com sua amiga ecomi as duas contos eroticosconto erotico de gravida com consoloconto erotico gay "muro"transei com um coroa me encino a da o cu ser gay contovídeos pornô muller que esta usando vestido de veludo analcontos a crente que gosta de dar a bucetaContos eróticos gay minha iniciação sexual precoceconto tara crente bundudaContos fui estud fud mãe e filhacontos de tesaominha cunhada ami fazer punhetaprimeira vez que dei o rabetãovidios dos bucetao mais carnudo e enchados nusmostra como fuder bem gostoso e a pica entrendao na bucetacontos bdsm erposas escrava submissa martacontos eroticos meu alunoconto erótico meu sobrinhoContos de lesbicas depilação realcontos gays teen dando o rabovideo safadecacontos eroticos adoro o leite delescontos minha esposa viu o garotode pau durocontos exoticos comi minh minha irma detalhComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêscontos na garupa da motoeu meu amigo e sua namorada contos biconto encoxada coletivacontos fidi minha cunhadinha de onze anoscontos eroticos Gays De Dei Minha Bundinha Pro Irmão do meu Amigocontos de orgia com mae