Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU E O PRIMO.

Naquela tarde, estávamos sozinhos em seu apartamento eu e o primo ficaríamos completamente sozinhos durante dez dias pois os seus pais haviam viajado. Eu ainda era guri nesta época o primo era muito mais velho que eu tinha um pênis enorme e muito grosso parecia um verdadeiro cavalo com aquele troço enorme. Logo notei que dês que ficamos sozinhos ele não tirava os olhos da minha bunda. Eu estava distraído na janela quando ele se achegou por trás de mim e foi aos poucos encostando aquele troço duro na minha bundinha, fiquei meio sem jeito mas fingi que não estava acontecendo nada e esfreguei minhas nádegas no seu pênis ele ficou quase doido, senti que a sua respiração ficara totalmente alterada então ele discretamente me abraçou pela cintura e me apertou contra o seu pau e eu fui deixando depois coloquei a mão para trás e dei uma segurada no seu pau como que eu quisesse saber o que era aquilo e sai da janela ele estava com um pau enorme dentro do chorte, sem graça ele tentou se ajeitar mas o pau continuava duro que nem um pedaço de pau. Fomos dormir cada um em seu quarto, mas pouco depois de nos deitarmos eu fui até o seu quarto com um chortinho bem curtinho que deichava quase toda as minhas nádegas de fora e disse primo estou com medo de dormir sozinho lá naquele quarto, mais do que de preça ele se levantou e mandou que eu me deitasse no canto depois chaviou a porta por dentro. Eu então me virei para o canto deichando a bunda quase no colo dele aos poucos eu podia sentir seu pau duro tocando minhas nádegas, depois ele alisou minhas cochas e foi subindo ate minha bunda e ficou acarinhando minhas nádegas e eu fingia que estava dormindo ate que ele percebendo que eu estava acordado me perguntou se eu já tinha dado a bunda alguma vez eu disse que não então ele começou a elogiar minha bunda que era muito bonitinha, arrebitadinha que devia ser uma delícia se eu já sentira vontade de experimentar dar alguma vez eu disse que sim, mas tinha medo que doesse então ele disse que doía um pouco sá nas primeiras vezes que se eu desse eu ia gostar muito e que ele desejava muito me comer que se eu desse pra ele ele ia botar bem devagarzinho ia passar bastante creme nutritivo no meu cusinho e que eu ia aprender tudo sobre sexo com ele e como ele prometeu que se doesse ele tirava eu concordei aí ele tirou o meu chortinho deixando-me de bundinha de fora fez com que eu ficasse de brussos e foi beijando minhas coxas até chegar no meu anos ai começou a lamber desesperadamente meu cusinho, nossa era delicioso, depois ele enfiou bastante creme no meu anos e no pau dele e voltou a beijar minhas coxas e nádegas e foi subindo pelas minhas costas até meu pescocinho e aí comecei a sentir que aquele troço enorme estava se alojando completamente duro bem no meio das minhas nádegas enquanto isso ele ia beijando meus ouvidos e me enfiando sua língua e logo depois comecei a sentir uma terrível dor no cú ele vendo que eu ia gritar tapou minha boca e crau enfiou seu cacetão no meu buraquinho me rasgando logo o cusinho na primeira metida, invadindo meus intestinos e preenchendo minhas tripas, eu completamente desesperado e totalmente dominado por ele e embaixo dele dei o maior gritão aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii mas de nada adiantou ele continuou a me meter sem parar destroçando por completo a minha pobre rosquinha, fazendo com que meu anos engolisse todo o seu cacete vendo que meus gritos de nada adiantavam, comecei a gemer baixinho e a chorar desesperado embaixo dele, eu chorava de dor, de emoção, de prazer de tudo, não sei explicar eu sabia que ele estava me arrombando todo, meu cú teve que se abrir quase se rasgando para agasalhar seu pau desesperado por um abrigo, ai foi que com movimentos de vai e vem cada vez mais rápido sentindo-me completamente arrombado por ele numa daquelas enterradas que ele me dava, seu pênis esguinchou dentro de mim aquele líquedo quentinho e gostoso, foi quando eu gozei também, gozamos quase que ao mesmo tempo, depois ele me abraçou e me beijou na boca, fomos tomar um banho, mas o meu cú continuava doendo, eu tinha que andar de perna aberta, pois o primo me arrombou pra valer, mas depois do banho ele me preparou uma vitamina na cozinha tomamos e depois de deitarmos ele me deu seu pau para eu chupar, que pau gostoso que cacete enorme eu nem podia imaginar que eu tinha conseguido aguentar aquilo tudo comecei então a lamber seu pau dês de o saco ate a cabeça do seu pênis, depois o enfiei todo dentro da minha boca e mamei com volúpia aaaateque ele encheu minha boca daquele liquedo quentinho e adocicado e eu enguli tudo depois lambi seu pênis para enchugalo o primo amou minha chupada e abrindo minha perninhas enfiou mais creme no meu cu e me pegando de frente me meteu novamente eu so não gritei porque sua boca grudou na minha e sua língua enfiada na minha me fez aguentar tudo sem poder dar um grito se quer e assim ele foi me fudendo fudendo ate que gosou era tanta porra no meu rabinho que chegou a sair para fora escorrendo pelas minhas coxas. Eu já na aguentava mais quando ele me fez sentar no seu colo e engolir aquela pica inteirinha com o meu cusinho depois que ele meteu tudo me ainda me pediu para rebolar a bundinha para ele gozar e tive que rebolar se não ele não gozava então rebolei a bundinha bastante até que ele gozou bem na hora que fiquei de quatro e ele me deu uma enterrada daquelas que entra tudo até o talo no outro dias estávamos os dois desfalecidos acordamos abraçados como marido e mulher.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos fodendo o cu da Marilenemeu meu irmao me viu olhando o penis deliGarotos na puberdadi flagrados com seu priminhoContos eróticos com bandidosContos seduzida pelo cunhado gozei gostosocontos eroticos, venerava meus mamilosContos eroticos de novinhas dando o cu pela primeira vezEncoxando e gozando na bunda da novinha no onibuscontos eróticos comendo grama grávidadei contoscontos minha primeira vez a tresenrabada pelo chefe contoscontos eroticos abusada levando tapaMinha mulher se deliciando com um garoto novocontos eroticos estupradacontos eroticos - esposa - massagista - pintudoconto erotico so rabuda e dei meu cuComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêsrelatos reais minha eaposa pediu pro amigo comer o cu virgem delacontos de cúvizinha safada e casada se insinua para vizinho novinho. contos eroticosContodeestupromarido corno acite foda da esposa puta com negao na beira da piscinaconto erotico meu mestre me castigouesposa vagabunda contosConto porno eu queria entrar em casa, minha mae abriu a porta toda suada, chefe do meu paiContos eroticos baxinhacontos de irmaos novinhos gay de calcinhaNegueba enraba saletecontos eoticos chantageei minha maecontos eróticos fudendova esposa e a filha do amigo Ensinando a maninha a foder contos eroticosxvideos pomo. as subriasscontos porno obrigada engolir porra com muito nojoContos de novinho chupando kct de caminhoneiroAiii primo mete contostezões hentaicolocando devagar na bundinha vestidinhoContos eróticos minha mulher me deu perdido na casa de swingcontos eroticos fudendo a mae travesticontos comendo o cuzinho da fazendeiraofereci meu filhinho pro vizinho contos eroticosfui pego cheirando os sapatos da minha amiga podolatria contos eroticosxylocaina menino conto eróticosContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindoContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorconto sentando no colo no carro sexocontos eroticos de afilhadas novinhas.Sou casada fodida contocontos eroticos zoofilia com a cachorra a noiteme puxou pra sentar no colo dele - contos eroticosmeu amigo travesti me comeu contosContos um garota me ensinou oque era uma punhetaconto erotico calcinha no varalputinha do colegio conto eroticocontos pornos trocando as esposascontos meu sogro tirou minha virgindadecontos eroticos engravidei uma novinha faveladachego sempre em casa gozada conto eróticotetudas sogras ninfentas contoscontoserotico minha mulher segurou no pauzaocontos eróticos de bebados e drogados gaysvideo porno minha vizinha mim vizitou aki em casaconto incesto calçinha de bichinhocontos eroticos casa nos fundos cerca de aramecontos eroticos "coisa enorme"minha irmã a mais gostosa da familia conto eroticoconto flagrei minha mãe dando para um bem dotadoConto eroticxo gozando na boca do paivi minha namoradinha perder a virgindade contos eroticoscontos eroticos vovo mamae e os mendigoscontos eroticos peguei meu marido chupando os peitos da prima delecontos eroticos dedosconto erotico eu peguei meu pai comendo cu da emprega na marraconos eróticos verdadeiro convenceu a mulher a a bundacontos eroticos irmazinha se oferecendosendo fudida na festa do meu colega de trabalho contos eróticosconts eróticos peguei ela de jeito na contos eroticos de policial mulher hetero e lesbicafui fazer oum servico na igreja ecomi a madre superior. casa dos contos eroticoscontos amante da sogra desde antes de casarcontos eroticos brincando escondido infanciacontos eroticos meu alunocontos eróticos pequenacontos eroticos dei pra dois caras no cinema e depois um travestiestrupada no colo do irmao contocontos eróticos meu primo tinha um pau descomunal