Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU TIO ME DESCABAÇOU E MEU IRMÃO COMEU MEU CUZINH

Meu nome é Eliane e hoje eu tenho 19 anos, mas o que eu vou contar aconteceu quando eu tinha 13. Eu sou loirinha, magrinha, e, dizem, uma bonequinha, e naquela época eu era até certo ponto ingênua.

A gente vivia, eu e meu irmão mais velho, André, que já tinha mais de 19 anos, com minha tia e meu tio, já que a minha mãe arranjou outro macho e praticamente nos abandonou.

Bom, mas isso acabou nos aproximando muito. O André, desde que eu comecei a ficar mais gostosa, começou a me olhar de um jeito diferente e a proibir que outros garotos se aproximassem muito de mim. Por um lado eu gostava disso, já que gostava que ele ficasse perto de mim. Mas isso também me deixava sufocada e eu reclamava que ele deveria cuidar mais da vida dele. Ou seja, de certa forma eu tentava evitar que ele ficasse na minha cola. Sá que também já estava sentindo uma atração por ele. Sá que eu não pensava em sexo, sá achava o meu irmão bonito e gostava de estar junto dele. Mas ele naum pensava da mesma maneira.

Um dia, quando eu tava assistindo tv, ele sentou do meu lado e sem avisar me beijou o pescoço e deu uma fungada. Eu olhei pra ele e ri. Aí ele disse, na lata: - Me beija na boca? Eu fiquei com medo, mas beijei e ele me beijou tão gostoso. Aí ele ficou louco e começou a passar a mão em mim e eu disse: - Pára! Vc é meu irmão... Ele me olhou nos olhos e baixou o calção e a cueca e me mostrou o pau duro e disse: - Eu não to aguentando mais, Liane. Me deu um medo que a minha tia ou o meu tio pegasse a gente ali e eu disse: - Vamo pro meu quarto. Eu subi correndo, com a minha xana virgem ensopadinha e o meu coração tava a mil. Ele entrou no meu quarto com o calção e a cueca na mão e o pinto duro e fechou a porta.

Naum sabia o que fazer já que tava com muito tesao e também com muito medo. Aí eu disse: - André, vc naum vai me machucar, vai?

O André sorriu e disse: - Pô Liane, claro que naum. Vamo faze gostoso que eu to muito a fim. Olha o meu cacete, porra!

Ele me abraçou e começou a tirar a minha roupa. Tirou o meu top e o meu sutiã e começou a lamber os biquinhos dos meus seios que eram pequenos. Eu ao mesmo tempo sentia cocegas e desejo e ele passando a lingua nos meus peitinhos. Aí eu falei: - Deixa eu chupar o teu pau. Ele veio pra cima de mim e botou o pau dele na minha cara e eu tentei chupar aquele pau que era grande, devia ter mais de 19 cm. Sá que eu sentia ansia de vomito quando botava o pau dele na minha boca e aí eu disse: - Não consigo, André.

Entaum o Andre passou a esfregar o pau dele na minha cara e pouco depois ele soltou toda a porra na minha cara. Eu fechei os olhos e aguentei toda aquela porra e o Andre disse: - Liane, hoje a noite eu vou entrar no seu quarto e aí eu vou comer a tua buceta. Eu concordei com isso porque eu ainda continuava excitada. O André correu pro banheiro, tomou um banho e, pra disfarçar, saiu de casa. As horas demoraram pra passar e sá fui ver o André de novo na hora da janta, com meu tio e a minha tia. Comi e fui pra sala, assistir tv e depois fui tomar um banho demorado. Eu tava taum excitada que a minha xana continuava molhadinha. Saí do banho enrolada numa toalha, fui pro meu quarto, encostei a porta, me enxuguei bem e me perfumei e me deitei nua na cama, esperando o André. Sá que quem abriu a porta foi meu tio Oscar. Ele fechou a porta e disse em voz baixa: - Eu vi o que vcs fizeram hoje a tarde. Vc ficou chupando o pau do teu irmão, naum é, sua putinha?

Eu fiquei toda envergonhada e me cobri com o lençol. Meu tio puxou o lençol, sentou do meu lado e disse: - Que putinha vc é. Vc chupa o pinto do teu irmão. Se vc chupa o pinto do teu irmao, vai ter que chupar o pinto do teu tio também.

Eu tava muito envergonhada pra responder e entaum o meu tio foi até a porta e trancou e disse: - Menina, vc quer rola. Vc vai ter.

Meu tio, que é bem coroa, tirou a roupa e começou a me abraçar e a me beijar. Tentei resistir, mas ele meteu o dedo bem fundo na minha buceta e disse: - Vou meter na sua xaninha, Liane.

O cacete do meu tio era bem maior que o do André e ele foi forçando a entrada da minha xana e aquilo doia muito. Eu comecei a chorar e o meu tio tirou um pouco e começou a bombar sá com a cabeça na portinha. Ele esperou que eu relaxasse e aí enfiou tudo de uma vez e botou a mão na minha boca senão eu ia gritar. Doeu muito e eu vi estrelas e aí ele bombou muito até despejar muita porra em mim. Depois que ele gozou, ele botou a mão na cabeça e disse: - Vc queria isso naum é sua putinha? Ele se vestiu, abriu a porta e saiu de fininho. Eu fiquei toda arregaçada, com um pouco de sangue escorrendo da buceta e muito envergonhada e até humilhada e também tinha curtido aquela transa. Sá que naum demorou nem cinco minutos do meu tio ter saído e o André entrou dizendo: - O tio te comeu? Eu vi ele entrando no quarto. Eu fiquei calada e aí o André se aproximou e me tirou o lençol que tava me cobrindo e disse: - Ele te comeu, né? Comeu a tua buceta, naum foi? Entaum eu vou comer o teu cuzinho.

Aí o André começou a beijar o meu corpo inteiro, a chupar a minha buceta que tava inchada e a dedar o meu cuzinho. Aí eu falei: - André, o tio me machucou muito. Tá doendo.

André disse: - Eu vou fazer diferente. Vira de quatro.

Eu virei de quatro e o André foi metendo devagar no meu cuzinho virgem até entrar tudo. Ele entaum deu uma parada e começou a bombar bem devagar e quando tava muito bom ele começou a bombar com mais força até espirrar a porra no meu cuzinho. O André me abraçou e disse: -O tio tá sabendo da gente. Mas ele naum vai contar se a gente naum contar a dele.

Sá aí que eu percebi que o tio e o meu irmão tinham uma combinação e à partir daí eu passei a dar pros dois, com muito prazer.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erótico de corno chupador de arrombadaeu arreganga minha buceta pra eleSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eróticos chupei a bocetinha da menininha vendedora de doceschegou na casa da visinha e ja foi logo comendo a safadcontos eroticos de sogra carentecontos eroticos eu e mamãe putas do capataz contos gay pegando no pinto do meninohestoria erotica o grandi fatasia do meu marido e c cornosobrinho do piru grande pondo tudo ni cu da tia coroa na casa delaconto irma dormindoo pau era muito grosso doeu muito mulher enrolada na toalha fica excitada e trepa gostosocom 5 aninhos lambia minha xaninha conto eroticocontos masturbacao em publicofizemos sexo bi com um estranho contocontos eroticos na paredeconto de marido e esposa e velhoconto erotico minha namorada dançando com outro na baladaConto de putinha para os tarados da cidadeContos eroticos no acampamento com minha maeMamando rola na escola contoseroticoscontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludaprimeira vez difícil contos eróticosVim passar férias e comi a tia peitudacontos de sexo gay minha esposa viajou e dei com sua calcinhao caminhoneiro engravidou minha mulher eu confessoDía de lacinho nada bunda gay xxvideoconto enrabando a sogra mandonaconto erotico levei um amigo em casacontos eróticos enrabei meu sobrinho a forçaxvideos fis 18 anhos é dei o cu puta q pariu gritei muito doi caralhoContos heroticos novinho gozou na bocaconto de quando era novinho chorei com uma pica grande no meu cuzinhocontos eroticos menininha dando o cuzinho para homem madurocontos eroticos casa nos fundos cerca de aramexvidio madrata transando com intiadosou casada gordinha mas ele me fodeu casa dos contosArrombei a casada crente contoscontos eroticos casadas 50 anosgozando na boca da novinha sem avisar contos eroticosRelatos eróticos bucetas madurasmeu irmão tava carente conto eroticocontos na roça coçando a rolaconto erotico familiaconto erotico mostrei minha calcinha por dinheihocontos eróticos com vizinhacontos eroticos conhada dormindo com o aposentadoconto cacete grossocontos gay negroconto erotico comendo Minha Tiacontos de coroa com novinhoFlanelinha de shortinho partindo a bucetaboqueteira gaucha contocontos eróticos de manicures safadasContos eroticos estupreicontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi eláseios tezudos de gravida fotomulher comenta como fodeu a buceta com teu sogro historia herotica como tudo aconteseucontos eróticos eu meu melhor amigocontos erotico meu pai e meu tio armaram pra fuder eu e minha primaconto erótico bisexual escrava de uma lesbicacontos erticos de ninfetasconto erótico seios grandes pênis roçando o mamilocontos ela da a bundabebi porra 1 vez contosesposametenocomoutro.com.brcontos de incesto dez anosConto ertico. Minha adrasta. Bebiaestiquei os peitos da gostosa contosgostei de ser enrabadoContos eróticos/meti no rabo religiosaverdinho tirando a virgindade da sobrinha novinha gostosana infancia bosqueconto erotico