Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DP COM A ESPOSA DE MEU AMIGO.



Eu e minha esposa temos um casal de amigos e a esposa dele sempre nos nossos papos faz insinuações sexuais, como se estivesse nos provocando. Minha esposa é meio recatada e nunca nem pensou, ou chegou a entender as deixas dela; o marido dela também nunca fez nenhum comentário e ficava nisso mesmo; eu comecei a preparar um jeito de come-la e sá. Naquele fim de semana minha esposa viajou para a casa da mãe no interior por motivo de doença e eu aproveitei para no sábado de manhã levar o carro para consertar num auto-elétrico. Apás o conserto por volta do meio dia liquei para os nossos amigos; ela atendeu e me convidou para almoçar lá, já que minha esposa estava fora, acabei aceitando. Chegando lá a Rebeca me recebeu, entramos ela me ofereceu uma bebida perguntei pelo Paulo, estanhando que ele não estar em casa; a Rebeca me falou que ele tinha recebido um telefonema da empresa e teve que ir até um cliente numa cidade do interior resolver um problema.

Como ela estava sozinha falei que iria embora que não ficava bem; nisso o telefone tocou e era o Paulo; Rosana atendeu conversou com ele e falou que eu queria ir embora por que ele não estava; ela passou o telefone para que eu falasse com ele que me pediu para fazer companhia para a Rebeca até ele chegar, que não iria demorar, já que estava perto e era sá trocar uma peça da máquina e colocar para rodar novamente, que era almoçar com ela. Desligando o telefone a Rebeca tinha saído da sala e quando voltou ela tinha colocado uma bermuda agarrada e de camiseta sem soutian, que dava para perceber aquelas tetas rosadas. A Rebeca me chamou para a cozinha e chegando lá ela se baixou para pegar algo debaixo da pia deixando a mostra aquela bundinha gostosa; com uma voz meiga ela me falou : "vem me ajudar aqui”, me aproximei para auxiliar e quando eu ia me colocando ao seu lado ela se virou encostando a bunda no meu pau e como se nada tivesse ocorrido continuou a se mexer e tentar pegar a panela e me falando : “segura essas panelas de cima par não cair” , como não tinha outro jeito eu a abracei por trás, encochando-a e falei: "pode pegar que eu seguro”, instantaneamente meu pau ficou duro e ela empurrou a bundinha para tras e ficou rebolando até tirar a panela que queria. Ela colocou a panela em cima da pia e ainda encostada em mim me fitou com olhar lascivo que falava tudo o que não tinhamos coragem de falar naquele momento. Abri sua blusa e coloquei as mãos sobre seus seios e comecei a chupalos, ela gemeu baixinho pegando no meu pau, virou-se e me beijou com ardor, logo em seguida me empurrando de encontro a pia , baixando minha calça começou a chupar meu pau que já latejava. ela fez um chupeta digna de uma expert, lambendo a cabeça, passando a língua em toda a extensão, mordiscando as bolas. Levantando-se e se dirigiu para o quarto sem falar nada, chegando lá começamos um 69, lambendo-lhe do clitoris até o cuzinho. Apás ela gozar na minha boca ela sentou no meu pau e começou a cavalgar como uma louca, rebolando, gemendo, eu chupando seus seios e enfiando um dedo no seu cuzinho. Ela gemia alto e rebolava; rebolou até gozar gritando alto. Ela gozou e caiu de lado; , eu aproveitei e num galetinho comecei socar naquela boceta gostosa. Ela gemia e pedia mais, gritava para fodê-la, para enfiar tudo. Cavalguei ela como uma potranca até gozar com muita tesão enchendo aquela buceta de muita porra;ela rapidamente pulou em cima de mim e pediu que chupasse sua buceta para ela berramar minha porra na minha boca; foi uma sensação diferente; não pensei que fosse tão gostoso; ela nem me deixou descansar e começou a chupar meu pau gozado até ele levantar novamente....

Ai ela perguntou se eu gostava de comer um cuzinho. Respondi que era a minha especialidade; ela falou que gostava de dar o cu, mas que o pau do Paulo era muito grande e doía quando ele ia enfir no deu cuzinho; Ela me falou que tinha o maior tesão em me dar o cu e já que meu pau não era tão grande como o do marido que era par eu fude-la no cu se colocando de quatro; lambi o seu cuzinho lubrificando com saliva, coloquei a cabeça na entradinha e comecei a forçar, ela gemendo e dizendo ai tesãaaaaaaaao, empinando a bundinha para facilitar a penetração, logo meu pau foi entrando naquele cuzinho que já era meio aberto e a penetração foi facilitada pelo seu rebolado. Comecei a socar devagar, aumentando o ritmo e ela rebolando jogava o cú no meu pau, entrando até as bolas, soquei até ela gozar abundandemente no meu pau. Fomos tomar um banho e ela começou e me chupar e falou que queria sentir o gosto de minha porra em sua boca; isso me deixou no maior tesão pois minha esposa nunca deixa eu gozar na sua boca.

Com habilidade, Rosana chupou até eu falar que ia gozar, então ela engoliu o meu pau chupando violentamente, até eu gozar na sua boca, com ela engolindo tudo. Apás o banho ela me levou até a cama para descansar e acabamos dormindo. Mas logo eu acordei sobressaltado, pois o Paulo poderia chegar a qualquer momento. Nisso tocva o telefone, Rebeca atende e o Paulo lhe fala que teria que ficar lá até domingo de manhã para resolver o problema.

Ao desligar ela sorriu e me convidou para almoçar.

Terminado o almoço ela me levou novamente para o quarto e dormimos. Acordamos tarde e ela ligou para o Paulo para saber como estava indo; conversando com ele ela ficou de quatro e fez sinal par eu colocar na sua bunda; achei aquilo meio inusitado, mas pela insistência dela acabei colocando bem devagar; quando começou a entrar ela começou a rebolar e falar para o marido ao telefone que tinha uma surpresa, falou que estava de quatro na cama levando no cuzinho, rebolando, pedindo para socar forte no se cuzinho continuou descrevendo a foda entre gemidos e ais falando para o Paulo que como ele não se decidia a realizar a fantasia dela ele tinha resolvido realiza-la e já que tinha transado a tarde inteira se ele quisesse participar tudo bem, caso contrário ela iria arrumar outro homem para fazer a dupla penetração. Terminou falando para o Paulo se decidir até a manhã seguinte se ele iria participar ou não e deixou o telefone ligado enquanto a gente transava; ela fez questão de me dar a bundinha de todo jeito e gemendo alto e gritando para o marido ouvir pelo telefone.

Apás gozar ela desligou o telefone e falei para ela que aquilo tinha sido loucura; falar para o marido que estava dando o cu, gemer etc e etc. Ela sorrindo me contou que já tinha conversando com o Paulo que estava louca para transar com dois ao mesmo tempo e que o tesão dela era dar a bundinha pra mim; que naquela manhã quando o Paulo tinha saído ela tinha lhe dito que iria dar o cuzinho pra mim naquela tarde preparando-se para a dupla penetração, ele já sabia de tudo quando tinha saído. Quando o Paulo chegou no dia seguinte ela lhe deu um beijo e sem deixar ele falar nada, abaixou sua calça e começou a chupar o pau dele deixando duro, levou pela mão até o quarto e lhe disse: “ agora vc vai ver sua esposinha puta levando duas rolas ao mesmo tempo” . logo ela deixou os dois de pau duro; ela ficou de quatro na cama e o João enfiou em sua boceta enquanto ela pagava um boquete esperto para mim. Trocamos de posição e ficamos metendo nela até ela implorar para fazermos uma dupla penetração. O Paulo deitou na cama de pau para cima ela sentou literalmente em seu pau e empinou a bundinha para mim. Comecei a enfiar naquele cuzinho, ela gritou, gemeu, rebolou, gritou e pediu para que nos dois socassemos com força para ela sentir os dois paus dentro dela. Socamos nela de todas as formas, a tarde inteira.

Como o pau do Paulo realmente é grande, na dupla penetração ela sá deixou eu comer seu cuzinho. Ela chorou de tanto foder dizendo que realizou o sonho de me dar o cuzinho e fazer uma dupla penetração. No final da tarde de domingo nos despedimos com Rebeca fazendo nos dois prometermos que daquele dia em diante sempre iria se repetir a DP com ela e que ela iria fazer um esforço para aguentar a rola do Paulo no cuzunho dela na práxima vez. Antes de me deixar sair se ajoelhou e tirou meu pau pra fora e me deu uma chupada ate eu gozar na sua boca na frente do Paulo que a tudo assistia sentado na poltrona batendo uma punheta que treminou gozando na boca dela que bebeu as nossas galas deliciosamente.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


MecomeroenquantoeudormiaVIDEOS DE COROAS VIRGENS DE VESTIDOS COM ASPERNAS ABERATAS E NEM PERCEBEU. QUE SUAS CALCINHA ESTAVA CALSANDO TEZAOConto lesbica fragandotransando a sobrinha em pleno sono profundofoto de travestis arreganhadas de frentesou casada realizei o desejo de dar o cu com outro contos contos eroticos menina com sr getuliocontos eroticos gay eu e meu filhinho de baixo do lencolcontos fui comer uma bct chegou na hora era homemcontos eróticos [email protected]conto erotico arrombei o travesti do baile funkconto erótico mulher saia curta abusadaConfesso ví meu irmão gay transandoo macho fudeu eu e minha esposa conto eroticomeu pai adora ser puta na camaconto eroticoconto erótico com amigos do meu pai excitantedormindo ao lado conto eróticocontos incesto minha maeconto eu e minha colegaconto erótico filha dento de casa peladaA filha do meu amigo veio do interior pra ser minha empregada conto eroticocontos eroticos q bocA e essa desse baianoContos Gays Fui Assediado pelo marido Gostoso Da Minha Irmâdepois que eu dei a buceta pro meu amante na frente do meu marido ele amou eu quero vem pica de cinicomecontos eroticos comendo a filha novinhaa puta mulher do meu irmão contos eróticoshttp://zoofilia deixei o dog meter na minha filha.contosTodosdesenhopornoconto erotico.de novinha gosando com o paifodendo com um macaco contoscontos treinador gay da escolinhacontos dormiu e tomou no cu fodidaconto sogra e velho dotadoContos eroticos flagrou namoradamae viuva nao aguenta de tesãoe da pro filho o cu deixa gozardentrocontos eróticos vestido de langeriesContos Mulatinha do titioconto eroticos ,tio e pai dando banho na sobrinha de 6ou 7contos eroticos sexy romantico e gostosoconto sou homem e dei o cu para meu sobrinhocontos eroticos....primeira vezContos eróticos a namorada e o amigo gaytranza com meu irmão mas meu marido desconfia contoscontos verídicas de sexo em montes clarosquando eu era. adolecente meu amigos me estruparao e eu adorei conto erotico gueyconto eurotico namorada chupeteiracontos eróticos Paula vizinha casada gostosacontos tiachupa rolaWww xporno subrimhas trazei cm elas virg demeno eu eraconvenci meu pai a levar me com ele ao clube de swingers conto eroticoconto erotico vendedor.de.mandiocaEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticosera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videocontos erotico trai meu maridinhocontos eróticos as amiguinhasconto dp na cunhadaputa do meu meio irmão conto eroticoconto erotico de mulher casada socando o pepino na bucetaAntes de trabalhar comer um cuzinhoXXx família nudista e suas meninasmeterao no meu cuzinho com meu namorado e aind doivelhos para fazerem o broxenamorada virgem.contomae gostosa contosconto eróticos. curiosidade. chupei pintoTatuagem na xoxota contoscontos eroticos gay mostrando na ruacontos eroticos gay babydollcasada com roupas provocantes contos eroticos sedutorescontos eroticos minha sobrinha meu amor part1contos eroticos virando menina 3contos eroticos minha namorada virgemcuzinho da zildaraparam minha buceta a força contos.Namoro com samigo do meu filho contoc eroticosconto em uma viagem de onibus comeram minha esposaeu meu caseiro e minha filha e suas amigas contosconto erotico mulher bunda grande e mulequecontos eróticos f****** a mineirinha s*****contos enrrabandominha irma b3m gostosocontos eróticos mancha branca no vestidoconto gay minha madrasta me viu vestir as calcinhas delaconto erotico comendo a egua no sitio de noiteContos eroticos de gosadas das novinhas mijonasconto erotico explícito pra gozaeSequestrei e estrupei conto eroticomamae vai passar pomada contosconto erotico minha mulher de calcinha e shortinho provocou o coroa taradona quarta feira de cinzas contos de sexoa calcinha toda travada no rabovideo viuvinha punheteiracontos eroticos titio na praiaConto eroticos uma noite com duas putascontos ela pedio para desviginar