Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TROCANDO O OLEO II

Como descrevi no relato anterior, meu desafio profissional tornou-se uma experiência sexual marcante. As semanas apás a viagem de abertura da região (e de outras aberturas também) foram e muita excitação, pois lembrava muito do mecânico bem dotado que encontrei lá. Outra coisa que passava em minha cabeça era o fato de que inevitavelmente eu passaria na frente da mecânica todas as vezes que fosse para lá. Quando chegou o momento de viajar para lá novamente, preparei melhor o terreno. Comuniquei a minha empresa e ao meu noivo que precisaria pernoitar na região para fazer um melhor trabalho. Na manhã da viagem, minha excitação era grande. Vesti novamente uma saia e uma blusa de malha, parecidas com as que normalmente uso, mas o detalhe deixei para a calcinha e o sutiã. Fiz as minhas visitas normalmente durante o dia de forma que eu estivesse práximo a oficina no final de tarde. Quando eram 17:00h, respirei fundo e parei meu carro defronte a oficina. Entrei, estava com uma mistura de nervosismo e excitação. Para minha surpresa o mecânico não estava, mas somente seu ajudante, um negro da minha idade, um pouco barrigudo, que me informou que o chefe chegaria em instantes. Foi o que aconteceu uns dez minutos depois. Ele chegou junto com outro homem, e como tinha muita gente, pensei que não rolaria nada. Ele entrou pela oficina, me olhou nos olhos, sorriu e não disse nada. Com a mão espalmada, me indicou uma direção a seguir. Fui entrando na oficina e entramos em um quartinho pequeno onde ele tinha um escritário e uma cama de solteiro. Assim que eu entrei, ele me puxou pelo braço contra ele e me deu um beijo de língua que fizeram minhas pernas amolecerem. Ele então, tirou minha blusa e minha saia, me deixando somente de calcinha e sutiã. Me fez abaixar para chupar aquele caralho enorme. Mamei aquele pau com muito tesão por alguns minutos, quando ele então me levantou, me fez apoiar as mãos sobre a cama e ficar de bunda virada pra ele. Ele pegou em sua gaveta uma camisinha e colocou. Ele afastou minha calcinha e enfiou o caralho de uma sá vez já que minha buceta estava toda melada. Foi quando percebi que ele não havia fechado a porta do quartinho e o seu ajudante e o outro homem estavam na porta, com seus paus na mão a assistino nossa trepada. Ele disse para os dois que eu era muito fogosa e gostosa e que passou o mês lembrando da minha visita anterior. Os outros dois se aproximaram e começaram a passar as mãos em meu corpo. Percebi que a trepada seria grande naquele dia, peguei o caralho do ajudante na mão e o puxei até minha boca e o chupei. Era um caralho menor do que eu estava recebendo na buceta. O meu mecânico então, me virou contra ele, me segurou pelas ancas e me ergue do chão, para descer minha buceta em seu pau. Estava sendo fudida em pé, sendo erguida e descida para dentro daquele caralho enorme. O outro homem que tinha a mesma estatura do meu mecânico, se aproximou por trás de mim e começou a alisar minha bunda e meu cu. Foi quando percebi que receberia dois paus. Ele mirou seu pau no meu cuzinho esperou o movimento de descida para começar a enfiar. Ele foi forçando e a cada descida entrava um pouco mais. Comecei a urrar de dor e tesão. Fudemos assim por alguns minutos até ele gozar em meu cú. Quando então o ajudante dele, pegou um banquinho para compensar a diferença de estatura e também vei me fuder o cu. Entrou mais fácil pois eu estava toda arrombada. Logo em seguida ele também gozou. Eu também não aguentei mais e gozei, deixando todo o meu corpo cair nos braços do meu mecânico. Ele então me colocou de costas na cama, puxou minhas pernas para fora de forma que eu ficasse de quatro pra ele. Mirou no meu cu e me arrombou toda, que dei um grito. Logo em seguida ele gozou em mim. Ficamos até por volta das 23:00h, eu sendo trepada de todas as formas pelos três, quando então eles foram embora, mas eu passei a noite ali na oficina, pois não tinha forças para levantar, e minha buceta e meu cu estavas ardidos demais. Pela manhã, meu mecânico chegou e me encontrou ainda pelada sobre a a cama. Ele então aproveitou e me trepou mais um pouco. Por volta das 9:00h. me levantei e me arrumei para sair, foi quando ele pegou minha calcinha e guardou na gaveta com a outra que ele já tinha pego. Fui para um hotel, tomei banho e dormi o dia todo, para me restabelecer daquela trepada memorável, com três homems me fudendo tudo e de todas as maneiras.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contus eroticus de fuder com mulatasno hotel com minha filha relato eroticonovinhos fodeno apremira veizcontos eroticos de meninas abusadas pelo padrastoContoerotico descabaçando meninas de seis a doze anoscontos fiz titio gozarconto.erotico.tia.sogra.cunhadacontos eroticos minha mulher dando pra mim e mais dois nas feriascontos eróticos eposa e amigoconto o inimigo do meu pai me comeu contos eroticos sadomasoquismo inicio da minha vida de cadelamulher sentando na embragem com o cu e buceta contos eroticos syrubascontos eróticos de patricinhas trasando com os paiseu confesso caso de incestonegao comeu meu cu a forca contosnetinha safada adora sentar no colo do vovô contos eroticoscontos de cú por dinheirocontos exitantes de aline bebada com varioslencol conto heteroconto mulher do amigoConto erótico pelada escola noite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos.veridicos erabando uma,.pretinhameu padrasto meu donocontos eroticos o garoto perdidocontos eróticos prima e irmãSou casada fodida contoConto erotico a mae do meu amigo era mto gostosacasa dos contos virei vadia do meu filho e estou amando ele adQuadrinhos eróticos contos cunhadaminha irma uma pretinh que adora trepa comigo pornocontos eróticos, minha esposa putacontos eróticos rolando há bomda tinhacontos eroticos de esfregando o pau na bunda da mamae dormindoliliane sabe quero seu cuwww.contos eroticos no assalto os bandidos violentaram minha esposa ela me contou que gozou..comconto erótico pedreiro que esperou o dono da casa ir trabalhar para forçar a mulher transa com elecontos eróticos zoofelia caseirominha esposa ficou toda melada quando pegou outra pica pela vez contos eróticoscontos eroticos propostacontos eroticos testemunha de jeovaPeguei meu entiado masturbando com minha calcinha.conto eroticoconto erotico o negao deixou eu brincar com seu pausaocontos eroticos meu alunocontoseuroticos puta do sobrinho e submissaTennis zelenograd contoeu meus am7gos comemos minha irmã conto eroticocunhadinha de 10 sem calcinha conto eroticonovinha gostosa exfrega no mototaxicontos eróticos comi mi.ha irmanzinhaum romance com minha maninha-contos:eroticosConto etotico ninfeta putinha so dorme peladinha e arecanhadinhaconto erotico meu pai me fudeuConto gay Nao agientei grande familiacontos foi sem quere comi a cunhada coroacontoseroticos.vip/gay/minha-primeira-vez-com-outro-homem/minha tia casada matutinha contospau grande enfiadi. todo nicudedo de tio safado fudendo buceta de novinha pornodoidoacontos de esposas putascontos eroticos o estuprador me fudeu covardimenteCasa dos contos incesto tia e sobrinho mais lidos com fotoscontos de zoofilia com macaco escondidoassistir o video completo socando o anchinho no cu e na buceta da mulherhttp://transei com motorista do onibos escolar gay contos eroticosesposa novinha gostosa dominada por velho roludo contos eroticosconto erotico incesto sonifero filhacontos de negros taradoscontos eroticos aprendendo a fazer meu primeiro boquete com meu padrinho velhocontos eroticos de pai que mora com filha casadaComtos mae e filha fodidas pelos amigos do paipersonal.pondo no cu da minha mulherContos eróticos de gay comi a bunda do meu tiocontos eroticos de incesto selvagemcontos nora primeiro vez analpegou todas da familia atraves de chantagen conto erotico de insestoso saiu com meu plug anal conto erótico Sou casada fodida contocontos encoxando o amigo casadominha cunhada quis que eu a visse nuacontos eroticos brincando escondido infanciacontos casada chupe o Velhover contos eroticos de sobrinho comendo a tiacontos eroticos batendo punheta olhando pro cuzinho do nemino porno fudendo o cu da estavaneconsolo do pai conto erótico incestopatricinha safadas se lambendocontos eróticos com menina muito nova crentesTava na sala com meu amigo ai minha mulher aparece só de calcinha e pede pra nos dois comer ela casa dos contos eroticossexe conto com foto meo marido mando papai mi enrabacontos eroticos pauzao do papaicontos eróticos de gay e titio e amigoContos gays a cueca de paizáo coroa de jumento me traçou.papai me fudeu gostoso e eu gozei no cacete delCONTOS EROTICOS_COMI A SOGRA BOCETUDAtinha perder sua coroa no seu pau do negrãovoyeur de esposa conto eroticomãe não deixa filho fude.com ela.na.vuzinha