Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA MENINA DE RUA

Olá o meu nome é Flávia, eu tenho 32 anos, sou morena, tenho olhos castanhos, cabelos cacheados até os ombros, sou magra, meu peso não passa de 55 kg e minha altura é 1,72, não sou mesmo nenhuma gigante, tenho seios médios, pouquíssimos pelos, e 92 cm, de quadril.

A estária que compartilho com vcs , aconteceu comigo há 6 meses atrás.

Eu tenho carro, um pálio prata, e o vidro tem insulfilm, sá ando com o vidro levantado primeiro por causa do calor que faz aqui no Rio de Janeiro e depois por causa dos assaltos, morro de medo dessa violência toda q tomou conta da cidade maravilhosa, mas vamos ao que interessa!

Sabem aquelas meninas q vendem bala no farol de transito? Pois bem tinha uma menina magrinha, moreninha, cabelos dourados, tipo rucinha, com peitinhos pequenos e firmes, usava um shortinho de malha azul, bem apertadinho o q deixava ver sua xaninha bem altinha e uma camisetinha de alça preta, toda manchadinha e quase q esbranquiçada. Qdo ela se aproximou do meu carro eu baixei o vidro e sá de ve-la fiquei excitadíssima.

Ela perguntou se eu queria a bala, e me disse q eram 3 balas por R$ 1,00..eu então respondi fazendo a ela uma pergunta:

- qtas balas vc tem ai?

- ñ sei não moça, disse ela.

Eu falei:

- olha se vc topar dar uma volta comigo de carro eu alem de te ajudar a contar todas essas balas da caixa, compro todas e ainda te dou R$10,00 pra vc, topa?

ela ficou com medo meio q parada, mas seus olhinhos brilharam qdo falei q ia comprar toda a cx de bala, foi nesse momento q eu forcei um pouco mais e disse:

- o farol ja vai abrir, vc tem q se decidir logo, eu compro as balas todas te dou os R$ 10,00 e te devolvo as balas pra vc vender de novo e ai?

ela riu correu ..

Eu percebi q ela estava dando a volta, imediatamente destranquei a porta. Ela entrou, o farol abriu e eu arranquei com o carro.

No caminho pedi pra ela ir contando as balas, ela contou e disse ter exatamente 150 balas, como eram 3 por R$ 1,00 paguei R$ 50,00 a ela, e disse a ela q tudo o q eu prometia eu cumpria, portanto peguei uma nota d eR$ 50,00 dei a ela e disse q ela poderia ficar com as balas conforme o combinado no farol, porém, aproveitei o momento e perguntei se ela ñ queria comprar umas roupinhas no shopping comigo, a menina meio tímida e meio desconfiada, balançou a cabeça afirmativamente e me deu um sorriso.

Enquanto dirigia em direção ao BarraShopping, eu falava com ela e pousava naturalmente minha mão direita na perninha magrinha dela, cada vez eu colocava minha mão mais em cima, até chegar bem perto da virilha, mas me contive e fiquei com mão pousada na coxa da menina, sá retirava pra passar a marcha e uma vez ou outra pra gesticular....

Chegando ao shopping eu a levei na C&A, falei q ela poderia escolher umas roupinhas q eu a ajudaria e tal...aproveitei e comprei umas calcinhas de menina pra ela e umas bem sensuais pra mim.

Depois do shopping ela me beijou no rosto agradecida, eu disse q queria vê-la com aquelas roupas mas q ela estava sujinha da rua e tinha q tomar um banho, então a convidei a ir ao meu apartamento q é pertinho do BarraShopping.

Qdo chegamos no apto, levei ela até o banheiro e dei uma toalha a ela e naturalmente me despi na frente dela e sentei pra fazer um xixi. Ela ficou me olhando eu disse : oh menina! tira logo essa roupa velha e toma um banho pra gente te ver com as roupas novas e bonitas!!

Então ela timidamente tirou a blusinha preta surrada e toda esbranquiçada e eu como se ñ quisesse olhar vi dois peitinhos lindos.firmes durinhos e pequenos..nossa..ela parecia ter uns 19 anos, foi então q eu perguntei qual a idade dela, ela me revelou q já tinha 19 anos. Eu ri e disse: ih então bonitinha como vc é, deve estar cheia de namoradinhos...ela sorriu sem graça, disse q não tinha namorado e q ela tinha medo de namorar pq menina q botava corpo na favela o dono do movimento pegava logo, falava e falava e nada de tirar o shortinho, aquilo me deixava aflita, mas como estava atenta a essa esperteza dela, eu disse:

- o q foi? tá com vergonha da calcinha? deixa disso, e como eu estava sentada nua no vaso, puxei ela pela mão e eu mesma ajudei a descer o shortinho e pude ver q ela usava uma calcinha branca encardida de florzinhas azuis, de algodão, bem sujinha, um cheiro forte de xixi ficou no ar, perto da xaninha estava até com aquela marca amarelinha de xixi, ela devia estar usando a mesma calcinha por uns 3 dias no mínimo!

Ela, com vergonha, tentou se esconder, se proteger, porém a tratei com a maior naturalidade, e disse: - - vamos lá ...entra no boxe q vou esfregar tuas costas, onde já se viu uma menina bonita como vc com essas costas sujas...assim ñ pode usar as roupinhas novas!

Entrei no boxe com ela, eu já estava toda ensopada. Comecei a ensaboar as costas dela, deixei q ela mesma se lavasse e me detive somente nas costas, ai perguntei pra ela, qual era o nome dela e ela disse q se chamava Mirtes, eu perguntei se ela tinha lavado bem atrás, ela balançou a cabeça com vergonha dizendo q sim. Então, me virei de costas pra ela e passeio o dedo no meu cuzinho e falei :

- vc fez assim no seu?

Ela respondeu:

- não tia..

Pois foi nesse momento q falei:

- deixa a tia te mostrar como se faz, mal aproximei meu dedo e ela contraiu o cuzinhoi, aquilo me deixou ainda mais tesuda então eu falei:

- .nossa q cuzinho pequeno!

Tentei enfiar o dedinho com o pretexto de limpar la dentro mas ela sentiu dor, foi qdo perguntei se ela lavou na frente legal e ela disse acho q sim, mas é a senhora q sabe né..

Então eu me detive naquela xaninha d epoucos pelos, inchadinha, bem carnuda, passei a mão com carinho, ensaboei, lavei, alisei o grelinho dela e senti qdo ele ficou duriho, pude perceber q ela tava gostando, então fiquei um tempo maior lá, e fui alisando, alisando, reparei q o biquinho do peiitnho dela, por causa da agua do chuveiro e tb acho q por causa do tesão, tava super durinho parecia uma pedra, os meus com certeza por causa do tesao estavam querendo explodir foi qdo eudisse se ela ñ queria me ajudar a lavar a minha xana igual eu tava fazendo nela..

Ela ñ conseguiu nem responder, balançou sá a cabeça, parecia q a voz ñ saía, eu então peguei na mão dela e levei ate minha xana e comecei a fazer por cima da mão dela os mesmos movimentos q eu fazia na xana dela, na minha, até q ela pegou o ritmo e ficou ali, sozinha, me tocando, passava sabonete ..

E continuava me tocando e eu a ela, senti q ela ia gozar no meu dedinho pois ela ja tava molinha e começou a querer a dobrar as pernas, então parei e disse pra ela na maior cara de pau:

- tá gostando do banho né Mirtes..?

Ela disse to sim tia, mas acho q isso é feio...

Eu ri e disse pra ela q se ela deixasse fazer tudo o q eu queria eu pagaria a ela mais R$ 100,00 em vez dos 10,00, e ela ficaria com as balas, com os R$ 50,00 q eu já tinha pago, com as roupas e com R$ 100,00..ela disse q deixava mas q ela era moça e tinha medo q eu fizesse mal a ela.

Eu disse q a deixaria moça, porém daria a ela algo q ela nunca havia sonhado em ter, naquele momento, me abaixei e dei um beijo tipo estalinho nos lábios de Mirtes.

Peguei-a em meus braços e a levei pra cama, nos deitamos lado a lado, eu comecei a alisar seu rosto, perguntei se ela sabia beijar, a safadinha disse q sim, então disse a ela q queria o melhor beijo dela, pois esse beijop valia parte dos R$ 100,00 q eu ainda iria pagar...

Assim, nos beijamos um beijo gostoso, Mirtes beijava bem, com vontade...enquanto beijávamos eu alisava seus peitinhos, em pouco tempo eu estava mamando seus biquinhos, logo depois ofereci os meus pra q ela chupasse, ela assim o fez, meio sem jeito, mas logo mamou com vontade e até mordeu um pouco o meu mamilo, o que confeso eu gosto muito, eu gemia com aquela gatinha me chupando enquanto q eu acariciava sua bucetinha, me desvencilhei dela e segui direto pra sua xana, q apás o banho exalava um cheiro gostoso, um sabor forte, ela estava super molhada, eu a lambia e sugava seu grelinho o q fazia ela fechar os olinhos e suspirar com força, disse a ela q se ela sentisse vontade de gemer, de rebolar ela podia, q ela ficasse a vontade...Mirtes foi se soltando e rebolava com naturalidade a xana na miha cara...

Eu me coloquei de quatro sobre ela e ao mesmo tempo q eu a chupava comecei a rebolar e esfregar a minha xana na cara dela, ela nada fazia então pedi pra q ela me chupasse, foi qdo ela me disse q tava com nojo!.

Me levantei puta, virei de frente pra ela e disse:

- Olha aqui sua putinha, vc já descolou R$ 50,00 + as balas q vc vai vender de novo, um monte de roupa da C&A, calcinhas, top, sainhas, shortinhos, vestidinho e ainda vai levar mais R$ 100,00, vc não pode ter nojo! Poe a língua pra fora q vou me esfregar em vc e vê se me llambe com vontade senão te tomo tudo q te dei!

Não sei se por medo ou prazer, sá sei q depois disso Mirtes se transformou na melhor amante, me chupava com vontade, enfiava dedos na minha buceta, no meu cu, foi fazendo sem me perguntar se podia, foi enfiando, tirando, chupando, eu fui gozando ela lambendo, ela tb gozou forte na minha boca suguei tudo, lambi o cuzinho dela e perguntei se ela topava me dar, ela então me perguntou se estava dentro dos R$ 100,00 eu disse q não, mas esse papo é pra um outro conto..espero q gostem e me escrevam...

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto erotico um casal e uma virgem em casa durante um jantarconto de sexo um garoto ficava esperado uma coroa passa na rua eu fico de pica duracontos com fotos o guarda roupa da casada liberada do mansochupei o grelo da minha amante contos eroticosconto erotico inserto po acasowww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofiliaContos eroticos urologista bom de bocacache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html esposa torcendo de biquini em casa conto eroticoMinha vizinha me deixou ver ela transando contoscontos linguada homemcontos e Relatos reais de nora transando com sogro em Brasíliaporno conto erotico sinitroconto gang bang com crenteladros comendo minha esposa contocontos eroticos categoria estrupada por mas de umcontos eróticos um cavalocontos de fingindo dormiramo meu irmão conto eroticoesposafoi.encoxadacontos de vizinhaschefe comendo a colegacontos de homens relatando sobre o crescimento do pêniscontos eroticos meu cuzinhoarromba esse cu contosquando eu peguei a minha priminhacontos aprendendo o que e uma buçeta com a mamaecontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoesconto erotico sou casada e adoro me exibircontos de incesto minha filha sendo comidaConto erotico gay estupro policiaisconto erotico menina bundudaconto erotico incesto sonifero filhacontos eroticos gays de todas as idadesConto erotico travesti bbwxv¨ªdeo novinha da no estacionamento coroa vizinha vagabunda folozadamulher no carnaval gozando muito no camarote ela ea amigacontos de sexo a chupada da minha maeContos gay usando meu genrocontos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadoscontos eroticos vendi minha filhacontos eroticos meu sobrinhocontos paguei por porracontos eroticos estupro submisso f de semanacontos eroticos fiquei com um pouco de nojo mas chupei aquela buceta peludaSou casada mas bebi porro de outra cara contosfui viajar com minha nora minha buceta ei cu delacontos eroticos menininha fedida e sujaCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA ESvaselina conto erótico conto casado dei pra travesticontos eroticos consegui comer aquela bundacontos de incestos quebrei a pernaandava só de cueca no carro. conto gay teencontos comendo mulher na despedida de solteira no carnavalIsac e Hugo- Casa Dos Contos Eróticos |zdorovsreda.ruSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandorelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhasconfesso transando com trêssexo com husky contosrelato esposa safada na fazendairmã transformassem roupa vídeos pornô doidocontos eróticos minha esposa e epregadabrincadeira de lutar comi o viadinho. contosdesvirginando sobrinhacontos foi sem quere comi a cunhada coroacontos eroticos cuzinho pro paiguais sao as deusas da punhetaContos eróticos gay meu amigo da bumda grande sempre deu o cufilme pornô minha prima gravata preta para mimcontos erotico comi cu da tia no conventocontos eroticos meu cunhado me comeu na epoca eu so tinha 11contos eroticos marido ve a esposa com negao contos erotico com foto de mulhe trasado gozado gostosoconto erotico exibindo pro filhocontos ajudando minha mae peituda na faxinacasa dos contos irmao timidosogra e nora se lambendo contocontos eroticos de tia masturbacaocomtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15conto gay papai gosta que chupem o pau delecontos freirinhacdzinha na madrugada excitante conto eroticoFodida no cú por um pau preto e grande Conto erótico heterossexual.xxx conto mais babado do incestoContos eroticos minha esposa e um meninoconto erotico minha esposa e uma lesvica bebadas e eu so de olhoconto comi o rabo do chefeursao tio roludo contoContos eroticos, fodi um bundão gostosocontos gay o primo bebadoabusada pelo filho contoConto erotico meu filho me fez sua escravatracei minha irmã contos