Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESCRAVA LÉSBICA

ESCRAVA LÉSBICA



Sou uma mulher, lésbica, solteira de 23 anos e sempre gostei de práticas SM. A seguir, relato uma das melhores fantasias que já realizei.

Em um começo de noite de uma sexta-feira, uma amiga minha me ligou dizendo que iria me pegar para jantarmos juntas na casa dela. Mais tarde ela chegou e fomos ao seu apartamento. Sentada na sala, a minha amiga (que vou chamar de Julia) foi até o quarto, quando ela voltou, para minha surpresa ela estava acompanhada com mais 3 amigas (Mariana, Laura e Amanda). Não entendi a surpresa, mas de repente a Júlia diz:

- Você vai ser a festa hoje... levante e tire a roupa.

Não entendendo nada, eu fiz que iria embora. Neste momento elas todas me pegam e já tapam minha boca com uma fita tape e colocam um capuz em mim, fazendo com que não possa ver nem falar. Me imobilizaram usando a força e acabaram me deixando nua. Neste momento fiquei com medo, sem saber o que iria acontecer. Me levaram para o quarto e me amarram na cama em forma de X. Fiquei ali, exposta, nua e indefesa. Comecei a me debater e a tentar gritar... foi em vão, logo em seguida começaram as chicotadas pelos corpo:

- Esta vendo Carol (eu), eu disse que você seria festa, agora vai pagar por isso. Disse Júlia.

Começaram a passar as mãos por mim e começaram a me chupar, chuparam meus pés, coxas, barriga, seios pescoço... fizeram uma pausa e começaram a chupar minha bucetinha, chuparam muito... neste momento eu já sentia uma mistura de medo e prazer. Colocaram um consolo na minha bucetinha e ficaram me fodendo por horas. Pararam novamente e senti um calor perto do meu rosto... em seguida senti as gotas de uma vela pingarem sobre meus seios, depois barriga, coxas e pés... tiraram a cera com as unhas me deixando toda dolorida e marcada.

- Esta na hora de virar o nosso brinquedo, disse Laura.

E assim fizeram, me viraram e colocaram uma almofada na minha barriga me deixando na posição de 4 com a bunda bastante empinada. Fiquei nervosa, pois até então meu cuzinho era virgem. Senti elas começarem a passar um gel na minha bunda. Me desesperei. Neste momento Júlia resolveu tirar o capuz e a fita.

- Tirei sua fita, mas se você incomodar terei que coloca-la novamente, disse Júlia.

- Por favor Júlia, sou virgem atrás e não gostaria que fizesse nada. Neste momento senti que não foi bom ter dito isso. Elas se olharam sentindo ainda mais prazer em penetrar pela primeira vez em um verdadeiro cuzinho... Passaram mais gel e começaram enfiando os dedos...

- Parem, por favor... faço o que quiserem, menos isso...

Em vão, para mim ficar quieta, botaram a fita na minha boca novamente e começaram a foder meu cuzinho com os dedos... em seguida veio um vibrador que entrou rasgando a minha virgindade. Comecei a chorar e ela cada vez mais forte... Elas riam muito e realmente me trataram como seu brinquedo... Depois que todas brincaram elas saíram do quarto e me deixaram lá... nua, dolorida e amarrada.... Mais tarde voltaram e disseram que agora elas queriam rir um pouco da minha humilhação. Me levaram até o corredor do prédio e me amarraram ao corrimão do corredor (totalmente nua e com a boca tapada), deixaram uma mão solta e disseram que uma cápia da chave da casa estava no outro andar que eu teria que me soltar, buscar a chave para sá depois poder entrar... Fiquei nervosa pois sabia que a qualquer momento poderia aparecer alguém no prédio... Elas fecharam a porta, ficou tudo escuro no corredor. Desesperada comecei a tentar me soltar, apás alguns minutos eu consegui, subi no outro andar para procurar a chave, mas para isso precisei acender a luz, achei em cima de um tapete e votei... Com sorte consegui entrar no apartamento antes que alguém me visse. Ao entrar todas estavam nuas sentadas no sofá.

- Muito bem Carol, você agora terá que chupar os pés de cada uma senão será castigada. E assim foi, nua pelo chão chupei os pés de uma por uma. No final disseram que teria que chupar as bucetinhas de cada uma e depois de olhos vendados teria que adivinhar cada uma. Na penúltima eu tive o azar de errar, foi aí então que veio o outro castigo...

Se você é uma mulher, escrava ou Rainha e gostou da minha histária ou quer saber o final, me escreva, estou a procura de novos relacionamentos.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico footjob da primacontos eróticos na roça com minha maeZoofilia com mais drenacontos eróticos patroa velha na secacontos veridico de desejo realizadocontos eroticos fio dental da Contos eroticos eu e minha fonos estrupa na festawww.contos eroticos porno eu meu marido e o nosso cachorro fazendo dp zoofiliaConto erotico uma princesa para um pedreirocontos erodicos minha madrastacontos de coroa com novinhovideo de sexo c langerricalcinha incesto contosvídeos de sexo com mulher da b***** bem chorona e o cubo empinadinho bem durinhoHomem sendo chupado verozmente por uma mulher xvideoconto erotico cadei e virei mulher e escrava ds minha esposaxconto.com/encoxadaconto erotico traicao pau cabecudocomto erotico com irman novinhaContos lambendo o cu do machoContos eróticos de nora e sogra toda peludacontos estupraram o meu cuzinhovou ja ja no meu bucetao gostosocontos eroticos meu grelo e grandecontos eroticos minha mae viuvaa mulher do meu irmao putinhaconto erotico viado velho humilhado por macho dominadorContos eroticos c imagens v puta de meu sogro e do cunhadoFlagrei minha mãe trocando de roupa contos incestosconto erotico minha mae chupava minha bucetianha deus de pequenaconto erotico real sobrinhoconto erotico gay: meu amigo japa dotado rasgou meu cucontos eróticos eu como minha sobrinha na frente da minha esposame cumera porque tava sem calcinha negros cotosmeu sogro é bem dotado,meu marido me contoucontos eróticos todos com legumesconto de putaria mulheres seduçãoconto erotico arrastaram minha namorada na festacontos eroticos de vendedor velho gordo seduzindo a meninacontos eróticos gay sobrinho filme com historia de erotico de tiozinho taradaoJoão e chupando piru mesmo tempoUm bucetao iniciada por um negão roludo casadoscontoschupei a rola enorme do meu irmão virei viado contosCasa dos contos incesto tia e sobrinho mais lidos com fotospai sempre brincava com seus filhos de tirar a toalha e sair corrwndo e um certo dia fez sexo com sua filha no banheiro contos eroticosconto. meu irmao me comeu na barraca ao lado do meu maridocontos eróticos comendo minha patroacontos eróticos no cu com cachorroconto eurotico eu fui viajar e minha esposa saiucontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoconto velho chupando no cinemaeu e a tia evangelica casada da minha esposa conto eroticocontos eroticos da fazendeira com escravotirando o short da menina etrepandofingi que estava dormindo e cimetam meu cucontos eroticos meu cachorro e minha primacontos eróticos minha esposa perdeu a virgindade com o marido da irmã Conto porno eu queria entrar em casa, minha mae abriu a porta toda suada, chefe do meu paicontos eróticos deu pra outro não quero maisconto buceta cheia de porra e eu lambendocontos eróticos esposa na garupa de um cavalocomto um cu por comidaconto erótico prima pequena esfregando molhadao amigo do meu namorado me comeu na calada conto eroticonoite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos cris super dotadomarido chupa seios quando está nervosoconto eroticos dividindo amigo do meu maridocontos eroticos minha mulher dando pra mim e mais dois nas feriasquero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhocontos de coroa com novinhowww.contos eróticos comi o marido da minha amante e ele cagou no meu cacete.comhumilhada pelo chefe conto eroticoMuleque novinho nao queria dar o cu e os amiguingo pegaram a foca chupando coroa empinadinha boa de f***contos eroticos minha esposa leva meu sogro pra nossa camacontos eróticos menino pequeno dando ocupadocontos eróticos se depilando conto meu marido acha que sou santa mais ja dei o cuamigo andre me comeu conto gay